Fotografia: COF

Numa partida com alguma polémica pelo meio, o Anadia levou a melhor sobre o vizinho Águeda e, a uma jornada do fim do Campeonato de Portugal, garantiu o primeiro lugar, conquistando assim a Série D, fase de manutenção.
Em muitos aspetos do jogo, o Águeda foi claramente superior, teve várias oportunidades de golo, enviou duas bolas à barra, reclamou, perto do final, uma grande penalidade, merecia, de longe, sair com outro resultado, caindo para o terceiro lugar da classificação.
Na Série C, o Pampilhosa, em casa, tinha pela frente o jogo mais importante da época, contra o Sousense, e os ferroviários não vacilaram e, face aos outros resultados, deixaram mesmo os últimos lugares de descida.
2-Com o primeiro lugar garantido, o Anadia joga no terreno do Cesarense, adversário que ainda luta pelo segundo lugar. Sem a pressão do seu lado, os bairradinos têm boas possibilidades de terminarem o campeonato em beleza.
O Águeda, em casa, com o Estarreja, irá interferir com as contas da manutenção. Os homens do Antuã estão na zona do playoff e estão obrigados a ganhar para manter esse desiderato. Os Galos têm a possibilidade de ainda chegar ao segundo lugar e, por certo, não vão facilitar.
O Pampilhosa joga fora com a Académica/SF, ex-equipa de Tó Sá e que conhece bem os seus ex-pupilos. Os estudantes já desceram e uma vitória garante a manutenção dos ferroviários.
Na Liga Feminina, o Ferreirense perdeu fora por 3-2 com o Viseu 2001, já condenado à descida, e adiou as contas da manutenção. Recebe o Clube Albergaria dia 20 e só a vitória lhe interessa para fazer a festa.