O Comando Territorial de Aveiro da GNR, através do Núcleo de Investigação Criminal de Aveiro e do Posto de Vagos, identificou hoje, dia 16 de junho, um indivíduo de 26 anos, suspeito do furto de 50 estatuetas do cemitério de Fonte Angeão, em Vagos.
Após o furto, ocorrido no dia anterior, os militares encetaram diligências que envolveram uma busca a casa do suspeito, tendo permitido recuperar a totalidade do material furtado, com um valor estimado de 15 mil euros.
O indivíduo foi constituído arguido seguindo-se os reconhecimentos das peças pelos lesados.