Recortes.pt Leia no Recortes.pt

Arquivo | arquivo notícias

Sangalhos

Sangalhos

Cruzeiro começa a tomar forma

A reconstrução do cruzeiro de Sangalhos já está a tomar forma e tudo indica que, dentro de poucas semanas, a obra estará concluída.
Tal como oportunamente demos conta neste jornal, em entrevista ao autarca sangalhense Sérgio Aidos, a obra de restauro a que o cruzeiro foi sujeito está a ser levada a cabo por uma empresa especializada, que fez deslocar para o local uma equipa de técnicos.
Orçada em 22 mil euros, a obra é comparticipada pela autarquia de Sangalhos, que pretende uma recuperação fiel do cruzeiro primitivo, ou seja, que obedeça a todas as indicações do IPPAR.
Neste momento, o piso original em pedra já foi posto a descoberto e já se encontram colocadas as quatro colunas de suporte da cúpula que deixará de ser em cimento e redonda, para voltar a ser ligeiramente ovalizado e em pedra, tal qual a original.
A obra em curso prevê ainda a colocação, na base do templete, de uma protecção por forma a evitar que outros acidentes possam danificar o cruzeiro.
Refira-se que este templete, datado do século XVII, localizado junto à EN 235, veio abaixo na sequência de um aparatoso acidente de viação, ocorrido em Dezembro do ano passado.

(9 Jul / 10:31)

Posted in arquivo notícias0 Comentários

Mealhada

Mealhada

Defesa quer ouvir colaboradores da PJ no caso dos 808 quilos de haxixe

A defesa de quatro arguidos num julgamento envolvendo o tráfico de 808 quilos de haxixe, que está a ser repetido na Mealhada, insistiu hoje em ouvir dois alegados agentes infiltrados ou provocadores da Polícia Judiciária (PJ).
«Só prescindimos de os ouvir se o Tribunal considerar que é impossível localizá-los«, disse um dos advogados, reportando-se a dois supostos personagens da operação, Jorge L. e Vítor F., que teriam antecedentes ligações ao tráfico de droga e que teriam «preparado o terreno« para a alegada cilada aos arguidos neste processo.
O juiz-presidente só esta tarde comunicará à defesa se o Tribunal consegue localizar as testemunhas requeridas e se determina, ou não, a suspensão da audiência para prosseguir diligências no sentido de assegurar a presença de Jorge L. e Vítor F. em tribunal.
Um acórdão do Supremo Tribunal de Justiça, a cujo texto a Agência Lusa teve acesso, dá como provado que Vítor F., após ter sido condenado a uma pena com execução suspensa, «passou a colaborar com a PJ« porque «tinha conhecimentos ligados a indivíduos pertencentes a redes espanholas que se dedicam ao tráfico de droga«.
No texto do acórdão nunca é referido, porém, se teria agido como agente provocador – o que é ilegal – ou infiltrado e, neste caso, se as suas acções seriam controladas pelo Ministério Público, como é exigível.
Este processo agora em julgamento na Mealhada já fora sentenciado na comarca de Coimbra a 28 de Novembro de 2000, mas uma instância superior determinou a repetição do julgamento.
Um ex-agente da PJ, de Ermesinde (Valongo), um comerciante de Penafiel, um industrial e um pedreiro reformado, ambos de Montalegre, são acusados pelo Ministério Público de envolvimento em tráfico de droga destinada ao mercado interno e outros países da União Europeia.
A acusação surge na sequência da apreensão em Ceira, Coimbra, de uma carrinha com 28 fardos de haxixe (808 quilos). A viatura, conduzida pelo pedreiro reformado, provinha de Torres Vedras e seguia para Chaves.

Lusa

(5 Jul / 14:29)

Posted in arquivo notícias0 Comentários

Oliveira do Bairro

Oliveira do Bairro

Acidente provoca um ferido

Nuno Miguel Branco, de 18 anos, residente em Oliveira do Bairro, sofreu ferimentos ligeiros, após ter sido interveniente numa colisão entre a sua scooter e um veículo ligeiro, ocorrida ao final da tarde da última segunda-feira, dia 1.
Nuno Miguel, após ter recebido os primeiros socorros ministrados pelos Bombeiros Voluntários de Oliveira do Bairro, foi transportado para o SAP de Oliveira do Bairro e de seguida transferido para o Hospital de Aveiro .
A GNR tomou conta da ocorrência.

(2 Jul / 10:24)

Posted in arquivo notícias0 Comentários

Sangalhos

E.B 2/3 de Anadia recriou início do século XX

Feira histórica animou centro da vila de Anadia

Catarina Cerca

Um sucesso total. Foi assim que muitos dos participantes e visitantes classificaram a recriação de uma feira histórica, evocativa da Anadia dos anos 20, que teve lugar na última sexta-feira, dia 21 de Junho, em pleno centro da vila de Anadia.
As dezenas de barraquinhas de venda de produtos tradicionais variados, as tasquinhas de petiscos e doçaria, um porco no espeto e jogos tradicionais fizeram as delícias dos anadienses que, raramente, têm oportunidade de assistir a um evento desta natureza.

Regresso ao passado

O jardim Visconde de Seabra (em frente ao Tribunal de Anadia) serviu de palco à recriação da Anadia nos anos 20. Uma iniciativa, organizada pelo Grupo de História da E.B 2/3 de Anadia, que acabou por envolver não só toda a comunidade escolar, como também a população de Anadia.
Esta foi a 3ª edição das feiras históricas promovidas por aquele estabelecimento de ensino. Um evento que, de ano para ano, tem tido maior adesão e que é acarinhado por todos os munícipes que se deliciam a visitar as tasquinhas e barraquinhas onde efectuam as mais variadas compras, num verdadeiro regresso ao passado.
O evento decorreu entre as 10 e as 16 horas e recriou, o mais fielmente possível, o ambiente das feiras em Anadia nos “anos 20”. Na realidade, tudo foi estudado e cuidado até ao mais ínfimo pormenor, com todos os “feirantes” vestidos a rigor, tal como os utensílios utilizados, os alimentos transaccionados e as embalagens utilizadas. Enfim, o ambiente “cheirava” aos anos 20 e quem passava pelo local recuava no tempo, num regressar aos primeiros anos do século XX.
Uma feira, onde, à semelhança das anteriores edições, foi possível encontrar várias tasqinhas, tabernas, vendas de pão, sardinha e carne de porco assada, doces típicos, queijos, enchidos, livros de receitas, mezinhas e de animais pequenos (galinhas, pitos, patos e coelhos).
Paralelamente, e por forma a dar mais colorido à feira, uma barraquinha, destinada à divulgação de uma exposição de fotografias da época, ajudou a perceber como era o dia a dia das gentes no concelho, há 80 anos atrás. A exposição incluiu ainda a divulgação da imprensa regional e nacional da época, assim como fez uma simples, mas sentida homenagem aos anadienses que combateram e morreram na 1ª Grande Guerra.
Associados a este evento, um tanoeiro trabalhou ao vivo pedaços de madeira aos quais foi dando a mais variada forma e utilidade. Também um grupo de alunos de Olaria da Cerciag e o grupo Viv’Arte de Oliveira do Bairro compuseram o quadro da Anadia nos anos 20.
Refira-se que esta terceira edição das feiras históricas, promovida pela E.B 2/3 de Anadia, recebeu, este ano, mais apoios por parte da autarquia local que começa a ver com bons olhos a realização de eventos desta natureza que não só animam e dinamizam o centro da vila como também nos ensinam um pouco de história.

(27 Jun / 9:03)

Posted in arquivo notícias0 Comentários

Eixo

Xº Festival da Canção “Veneza de Portugal”

Repetindo a iniciativa de anos anteriores, o Grupo Cultural Semente está a organizar o X Festival Canção “VENEZA DE PORTUGAL”, com data marcada para o próximo dia 5 de Outubro do corrente ano. Uma iniciativa de índole cultural a que poderão concorrer apenas autores, compositores e intérpretes amadores com trabalhos completamente inéditos.
Procura a organização, desta forma, “estimular o aparecimento de novos valores, tanto no campo da música como no da canção e, ao mesmo tempo, promover a animação cultural da Vila de Eixo”.
Haverá um Júri de Selecção de todas as canções concorrentes e um júri de apuramento, compostos, respectivamente por 5 e 7 elementos, escolhidos pela colectividade organizadora.
Para a final serão apuradas até ao limite de 12 canções.
As três primeiras canções serão premiadas monetariamente, as restantes serão atribuídas placas comemorativas.
A entrega dos originais poderá ser feita até às 24 horas do dia 31 de Julho de 2002.
O resultado da selecção das 12 canções que irão à final será tornado público no dia 08 de Setembro de 2002, sendo que os concorrentes apurados serão contactados.
Todos os restantes pormenores do X Festival da Canção “Veneza de Portugal” constam do respectivo Regulamento, que poderá ser solicitado, por quem o desejar, ao Grupo Cultural Semente – Rua J.A. Carvalho – 3800 EIXO – Aveiro, pelo telefone 234932953, pelos telemóveis 919693745 ou 966556355 ou ainda pelo e-mail: g.c.semente@portugalmail.pt

(24 Jun / 14:29)

Posted in arquivo notícias0 Comentários

Bancada

Visto da Bancada

Grande proeza a do Oiã

Manuel Zappa
zappa@jb.pt

Depois do título de campeão alcançado há oito dias pelo Famalicão, o desporto bairradino volta a marcar pontos no contexto do futebol distrital com a taça ganha pelo Oiã.
Não há adjectivos para classificar a estonteante vitória do Oiã na final da Taça do Distrito, ao vencer o líder incontestado da 1ª Divisão da AFA.
Em Oliveira de Azeméis, palco da grande final, o Oiã mostrou ao grande público presente que não há vencedores antecipados. Ganhou com indiscutível classe, trouxe a taça e será o grande representante do concelho de Oliveira do Bairro e um dos vários do distrito de Aveiro na grande montra que é a segunda competição do futebol português, a Taça de Portugal.

Pampilhosa a 90 minutos da glória

Rescaldo feito à final da Taça do Distrito de Aveiro, as atenções dos adeptos centralizam-se nas derradeiras (duas) jornadas da 1ª Divisão, numa jornada que pode consagrar mais um clube da Bairrada, o Pampilhosa, caso consiga levar de vencida o Canedo.
Como o jogo é no seu campo, acreditamos que os ferroviários não irão deixar os seus créditos por pés alheios, dado que têm ainda o Alba à perna, para conseguirem os três pontos e a consequente subida aos nacionais. Tudo isto somado quer dizer que o Pampilhosa poderá estar a noventa minutos da glória.
De ouvidos colados ao desempenho dos ferroviários irá estar o Alba, que ainda sonha com uma possível escorregadela do seu adversário directo. Oiã é o seu destino, onde irá encontrar uma equipa extremamente moralizada pela vitória na Taça de Aveiro. Se o Alba precisa de vencer para continuar a sonhar, não é menos verdade que ao Oiã uma vitória manterá o clube bairradino entre os grandes do futebol distrital aveirense.
Mealhada e LAAC irão tentar ganhar os respectivos confrontos, Paivense e Bustelo, na clara perspectiva de conseguirem a melhor classificação possível. Ambos jogam em casa e tudo pode acontecer.
O mesmo sucede com o Mourisquense que joga também no seu reduto diante do condenado Bustos e, se não existir nenhum contratempo a vitória ficará em casa.
O Fermentelos, apenas com o pensamento em cumprir calendário, dado que já desceu de divisão, desloca-se ao campo do líder Fiães. Jogo com total favoritismo para os campeões distritais.

II Divisão

Este fim de semana joga-se o primeiro jogo de apuramento do campeão da II Divisão. Em compita irão estar Sanguedo, vencedor da zona Norte, e Aguinense, campeão da zona Sul.
O primeiro jogo será em Aguim. Ainda sem qualquer derrota, o favoritismo está do lado do Aguinense, que terá de aproveitar o facto casa para, no segundo jogo, a pressão estar do lado do seu adversário. Acreditamos que por aquilo que a equipa de Vítor Henriques fez ao longo da época é a grande favorita a conquistar o ceptro, mas sabemos que este tipo de jogos por vezes são autênticas lotarias e quem tiver mais discernimento e argumentos poderá chamar a si o título de campeão.
Ainda nesta divisão, Moitense e Murtoense, os 13ºs classificados de cada zona, irão medir forças, em campo neutro, Estádio da Gândara, em Oliveirinha, para saber quem ficará nesta divisão.
Os da Moita conquistaram mais pontos na sua série, não esquecendo que, na última jornada, a equipa da Murtosa foi goleada em casa (9-0) pelo Estrela Azul, que com esta vitória garantiu a permanência. Será isso que o Moitense tentará fazer em mais um jogo de lotaria.

(4 Jun / 12:16)

Posted in arquivo notícias0 Comentários

Aveiro

Aveiro

Inspecção detecta 23 trabalhadores ilegais, incluindo 13 estrangeiros

A Inspecção Geral do Trabalho (IGT) detectou 23 trabalhadores em situação ilegal, dos quais 13 são estrangeiros, no âmbito de uma inspecção desenvolvida em vários concelhos do distrito de Aveiro, informou hoje aquele organismo.
A acção contou com a colaboração da Segurança Social, da Administração Fiscal e do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, sendo visitados 49 estaleiros de obras abrangendo um total de 98 empresas.
Segundo a IGT, foram impostas 68 suspensões de trabalho e 157 notificações de tomada de medidas.
Como resultado das infracções detectadas foram levantados 64 autos de notícia, com aplicação de coimas que variam entre os 33 mil e os 72 mil euros.
A IGT considera os números apurados preocupantes e por isso anuncia que vai continuar a desenvolver acções de inspecção no sector da construção.
Em declarações à Agência Lusa, fonte do IGT disse que dos 23 trabalhadores ilegais detectados, alguns têm capacidade para ser legalizados.
«Aqueles que chegaram a Portugal depois de 30 de Dezembro de 2001 têm que abandonar o País e esses casos já foram comunicados ao Serviço de Estrangeiros e Fronteiras«, acrescentou.
A mesma fonte considerou haver um «laxismo« por parte dos empresários que leva a empregarem estes trabalhadores em situação ilegal.
«Precisam de mão de obra que não encontram no mercado local e vão empregando aqueles que aparecem«, contou.

(30 Mai / 10:50)

Posted in arquivo notícias0 Comentários

Silveiro

Silveiro

Homens estátua encantaram multidão

. Na V Feira de Artesanato e Velharias

Pedro Fontes da Costa
pedro@jb.pt

O largo do Silveiro foi, no último domingo, dia 27, pequeno para receber as centenas de pessoas que ali ocorreram por dois motivos: para verem a maior mostra de artesanato e velharias do concelho e ainda para verem os homens estátua e os homens lentidão, um espectáculo digno de registo. Tratava-se do terceiro festival nacional de inércia, que a União Desportiva, Recreativa e Cultural do Silveiro organiza, integrado na quinta edição da feira de artesanato e velharias, que se saldou num êxito.
Imóveis, cobertos de base, cal, argila ou de outros materiais, cerca de duas dezenas de pessoas criaram um espectáculo que ninguém quis perder e deixou todos boquiabertos.

Mais desenvolvimento na edição em papel do Jornal da Bairrada

(27 Mai / 11:31)

Posted in arquivo notícias0 Comentários

Eurogabinete

Convite à manifestação de interesse – Uma oportunidade para a comunidade científica europeia ajudar a preparar os primeiros concursos do 6º Programa- Quadro
Nos termos da Posição Comum adoptada pelo Conselho relativa ao sexto Programa-Quadro da Comunidade Europeia de acções de investigação, desenvolvimento tecnológico e demonstração (IDT), para o período 2000-2006, a Comissão Europeia lança um convite à apresentação de manifestações de interesse em participar em acções de investigação em tópicos incluídos nas prioridades temáticas do 6º PQ.
A Comissão Europeia convida os interessados em apresentar propostas de «projectos integrados» ou de «redes de excelência» a enviar manifestações de interesse em participar em acções de investigação em tópicos que possam ser objecto de propostas para estes dois instrumentos.
As manifestações de interesse devem ser preparadas conforme indicado no guia dos candidatos e ser enviadas até ao dia 7 de Junho de 2002.

Prémio Europeu para os Empreendedores

Criado em 1990, Eurowards é o maior prémio europeu para principiantes. Empreendedores de mais de 25 países europeus participam todos os anos.
Este prémio europeu está aberto para principiantes em todos os sectores e é organizado em quatro categorias: Encorajamento, Semente, Princípio e Expansão.
Os fundos de capital de empreendimento coligados a Eurowards investirão em empresas com ambições europeias.
Os eventos de rede serão organizados nas regiões e nos países participantes com os parceiros locais.
Data limite para as inscrições: 31 de Agosto de 2002.

Oportunidades de Cooperação Internacional entre Empresas

Agroalimentar
Empresa italiana procura parceiro para desenvolver projecto na área da agricultura biológica. (Cj/2286)

Indústria Alimentação, Bebidas e Tabaco
Empresa argentina fabricante de chás, cafés, cacaus e frutos secos deseja contactar importador/ distribuidor para os seus produtos. (Cj/2285)

Indústria Química, derivados Petróleo, Carvão, Borracha e Plástico
Empresa belga que comercializa produto natural de limpeza, inovador/ biodegradável/ não tóxico, para embarcações de recreio deseja contactar distribuidor para os seus produtos. (Cj/2284)

Indústria Produtos Metálicos, Máquinas, Equipamento e Material de Transporte
Empresa eslovena deseja importar maquinaria para o processamento de vegetais enlatados e centrifugação de sumos. (Cj/ 2276)

Empresa dinamarquesa deseja contactar fornecedor de bombas de diafragma e de pistão. (Cj/2279)

Contacto:
Euro Info Centre Região Centro (EIC PT504)/
Comissão de Coordenação da Região Centro
Rua Bernardim Ribeiro, n.º 80
3000-069 Coimbra – Portugal
Tel: +351 239 400190 / 400199
Fax: +351 239 400194
Email: eic@ccr-c.pt
Homepage: http://www.ccr-c.pt//EIC

(22 Mai /17:24)

Posted in arquivo notícias0 Comentários

Avelãs de Cima

Avelãs de Cima

Torneio de Futebol

Triunfo da A.D.C. Pereiro

Terminou, no passado dia 19 de Maio, o Torneio de Futebol, organizado pelo Clube Cultural e Recreativo o Académico de Avelãs de Cima.
A A.D.C. Pereiro foi um justo vencedor, ao derrotar na final a equipa da Figueira, por 3-0. Para os 3º e 4º lugares, tinham jogado antes a Cerca e o Canelas, triunfando a formação da Cerca por 3-1. Uma palavra de parabéns para os dirigentes do Académico, que conseguiram proporcionar a quantos se deslocaram ao seu campo de futebol excelentes momentos de convívio.
No próximo dia 26, irá começar, também no campo do Académico um torneio de futebol organizado pela comissão de festas de Avelãs de Cima. Às 15.00 horas jogarão a selecção da freguesia de A. Cima e o Ancas e às 17.00 horas, medirão forças, o Malhapão e o Mercado Bar. A final do Torneio será no dia 2 de Junho

António Duarte

(20 Mai / 11:14)

Posted in arquivo notícias0 Comentários

Ad Code

Pergunta da semana

Um estudo indica que mais de duas doses diárias de álcool por dia aceleram perda de memória. Qual o seu consumo habitual no dia a dia?

View Results

Loading ... Loading ...
Newsletter Powered By : XYZScripts.com