Recortes.pt Leia no Recortes.pt

Arquivo | Águeda

Detidos por crime de roubo

A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal de Aveiro, deteve, na penúltima quinta-feira, nas zonas de Águeda e Albergaria-a-Velha, dois presumíveis autores, de 25 e 19 anos, de um crime de roubo com arma de fogo.
Segundo comunicado da PJ, o crime em investigação teve lugar na madrugada do dia 27 de julho, no centro de Águeda, quando decorria um festival de música, numa Roulotte de comida e bebida, tendo, além da subtração do apuro da noite, ocorrido ainda a destruição parcial da mesma mediante a utilização de várias armas de fogo.
Recorde-se que, no passado dia 13 de agosto, já tinham sido detidos outros dois intervenientes no mesmo crime, aos quais foi aplicada a medida de coação de prisão preventiva.

Posted in Águeda0 Comentários

Detido por posse de arma proibida

A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal de Aveiro, identificou e deteve um homem com 51 anos de idade, sucateiro, que detinha ilegalmente na sua posse uma espingarda caçadeira indocumentada e modificada, já que tinha os canos serrados.
Segundo a PJ, “a arma de fogo foi apreendida no decurso de uma busca domiciliária realizada na casa de habitação do detido, situada numa freguesia do concelho de Vagos, no âmbito de investigação relacionada com os crimes de importunação sexual de menores e de furto de telemóveis, de cuja prática ele é suspeito”.

Posted in Águeda0 Comentários

Águeda: Cartaz de qualidade preenche programação das Sextas Culturais

Águeda: Cartaz de qualidade preenche programação das Sextas Culturais

O cartaz completo da temporada de 2014/2015 das Sextas Culturais foi apresentado no dia 10 de outubro, antes do espetáculo “Abril”, de João Paulo Santos, que abriu a programação desta oferta cultural da Câmara Municipal de Águeda.

Na apresentação, marcaram presença Elsa Corga e Edson Santos, vereadores do Município de Águeda, bem como João Aidos, o coordenador da Incubadora Cultural do concelho.

A vereadora assumiu que “nesta edição, esta oferta surge com uma imagem renovada e com um cartaz de espetáculos de elevada qualidade e diversidade, procurando abranger diferentes públicos. Este evento é uma aposta do Município na área da cultura, que constitui uma referência nacional, tendo trazido anualmente à sala do Cineteatro S. Pedro, largas centenas de pessoas, gerando externalidades positivas para o nosso concelho”.

O cartaz completo das Sextas Culturais está ordenado da seguinte forma:

– 14 de novembro (22h): ROCK SINFÓNICO ORFEÃO DE BARRÔ – O Orfeão de Barrô apresenta a sua mais recente produção musical onde serão interpretados alguns dos temas mais célebres do rock português, numa versão para Coro, Combo Jazz e Quarteto de Cordas.

– 12 de dezembro (22h): RICARDO RIBEIRO (Fado)

– 9 de janeiro (22h): MAFALDA VEIGA (“Todas as Palavras Tocam”)

– 13 de fevereiro (22h): A VIAGEM –  A Viagem aborda o modo como as manifestações populares se conjugam com a modernidade, originando novos significados e permitindo uma nova apropriação e um novo entendimento do seu papel. Será realizado por Filipa Francisco, em parceria com associações locais.

– 13 de março (22h): NAYARA & BALLET FLAMENCO DE SEVILLA

– 10 de abril (22h): D.A.M.A. – Francisco M. Pereira (Kasha), Miguel Coimbra e Miguel Cristovinho são o núcleo central dos D.A.M.A., banda oriunda de Lisboa que se destaca pelas suas canções contagiantes, empatia com o público e energia das atuações ao vivo.

– 8 de maio: TRÊS DEDOS ABAIXO DO JOELHO – Resulta de uma intensa pesquisa na Torre do Tombo, para consultar o arquivo da censura durante a ditadura salazarista. É uma peça de teatro com Isabel Abreu e Gonçalo Waddington.

Posted in Águeda, Destaque, Por Terras da Bairrada0 Comentários

Ligação Aveiro/Águeda entre os investimentos do próximo Quadro Comunitário 2014-20

A qualificação da Linha do Vouga (ligação Aveiro/Águeda) e as vias estruturantes para a competitividade empresarial estão entre os vários investimentos integrados na estratégia regional para o período do próximo Quadro Comunitário 2014-2020. Estratégia esta que foi apresentada nos Paços do Concelho do Município de Águeda, no dia 2 de outubro, na primeira sessão municipal de um vasto programa de divulgação, pelos 11 municípios que integram a Região de Aveiro, a decorrer até março de 2015.
Entre os vários investimentos que se perspetivam para 2020, o Presidente do Conselho Intermunicipal da Região de Aveiro, Ribau Esteves, salientou aqueles que servirão de base para a ITI – Iniciativa Territorial Integrada da Região de Aveiro. São eles a política intermunicipal de empreendedorismo e inovação; a qualificação e valorização agrícola e ambiental do Baixo Vouga Lagunar; a Fase 2 do Polis Litoral da Ria de Aveiro; a qualificação da Linha do Vouga (ligação Aveiro/Águeda), e as vias estruturantes para a competitividade empresarial.

Posted in Águeda, Aveiro, Por Terras da Bairrada, Região0 Comentários

Cantanhede: Adega arrecada sete prémios no Concurso  de Vinhos e Espumantes Bairrada

Cantanhede: Adega arrecada sete prémios no Concurso de Vinhos e Espumantes Bairrada

A Adega Cooperativa de Cantanhede foi a grande vencedora da 4.ª edição do Concurso de Vinhos e Espumantes Bairrada ao arrecadar sete prémios, entre os quais o do melhor vinho.
O concurso, que vai na 4.ª edição, decorreu no primeiro dia do evento. Foram provados 76 vinhos, por um painel de 17 jurados, entre críticos e jornalistas, enólogos e escanções.
Os vinhos, todos certificados pela Comissão Vitivinícola da Bairrada, concorreram em quatro categorias (tinto, branco, rosé e espumante), com especial atenção para três prémios: o melhor espumante, o melhor espumante Baga (a casta bandeira da região) e o melhor vinho do concurso.
A entrega de prémios, que aconteceu por volta das 20h, foi presidida por Luís Campos, secretário de Estado dos Negócios Estrangeiros.
Na ocasião, Luís Lopes, da Revista de Vinhos, sublinharia “o nível muito bom, mesmo bastante elevado” dos vinhos apresentados, o que é revelador “do salto qualitativo que a região deu nesta última dezena de anos”.
Luís Campos, secretário de Estado dos Negócios Estrangeiros, classificaria, perante os convidados presentes, “o vinho e a gastronomia como dois grandes embaixadores de Portugal, que produz cada vez com mais qualidade e criatividade”. Duas áreas “importantes para o desenvolvimento da economia regional”.
A propósito dos sete prémios conquistados, Vitor Damião, presidente da direção da Adega de Cantanhede, disse estar muito satisfeito e orgulhoso porque “são mais sete prémios que se vão juntar aos outros 75 já recebidos este ano”. Destacando a importância deste evento para os vinhos da região, não deixou de destacar que todas estas distinções confirmam que “as adegas não são filhos de um Deus menor e que não ficam atrás de qualquer produtor”.
“Estes prémios nacionais e estrangeiros ajudam a projetar a imagem da Adega, do concelho, mas também de toda a região”, disse, destacando que a Adega exporta já 20% da produção, para mais de 20 países: Canadá, Russia, China, entre outros.
A Adega de Cantanhede, que é já o maior produtor da Bairrada, tem como enólogo o consultor Osvaldo Amado.

Espumante Prata
Encontro Special Cuvée Branco 2010, Quinta do Encontro
Marquês de Marialva Blanc de Blancs Branco 2012, Adega Cooperativa de Cantanhede
Milheiro Selas Pinot-Noir/Cercial Branco 2011, António Selas
Montanha Real, Super-Reserva Branco 2009, Caves da Montanha – A. Henriques

Espumante Ouro
Aliança Vintage Branco 2008, Aliança Vinhos de Portugal
Casa de Sarmento Brut de Baga Branco 2009, Casa de Sarmento
Marquês de Marialva Bical / Arinto Reserva Branco 2011, Adega Cooperativa de Cantanhede
Marquês de Marialva Cuvée Branco 2010, Adega Cooperativa de Cantanhede
Primavera Unum Touriga – Nacional Branco 2012, Caves Primavera
São Domingos Baga Branco 2008, Caves do Solar de São Domingos

Vinho Branco Prata
Encontro Bical Branco 2013, Quinta do Encontro

Vinho Branco Ouro
Marquês de Marialva Reserva Arinto Branco 2013, Adega Cooperativa de Cantanhede
Quinta dos Abibes Sublima Branco 2010, Quinta dos Abibes

Vinho Rosé Ouro
Quinta do Poço do Lobo Reserva Baga / Pinot-Noir Rosé 2013, Caves São João

Vinho Tinto Prata
Marquês de Marialva Grande Reserva Tinto 2008, Adega Cooperativa de Cantanhede
São Domingos Reserva Tinto 2009, Caves do Solar de São Domingos

Vinho Tinto Ouro
Pinho Leão Tinto 2011, Casa Agrícola António Santos Lopes, Herd.
Quinta dos Abibes Sublime Tinto 2010, Quinta dos Abibes
Encontro 1 Tinto 2009, Quinta do Encontro
Marquês de Marialva Confirmado Baga Tinto 1991, Adega Cooperativa de Cantanhede
Castel Venegas Tinto 2013, Hélder Manuel Ferreira dos Santos

Melhor Espumante
Aliança Vintage Branco 2008, Aliança – Vinhos de Portugal

Melhor Espumante Baga
Casa de Sarmento Brut de Baga Branco 2009, Casa de Sarmento

Melhor Vinho
Marquês de Marialva Reserva Arinto Branco 2013, Adega Cooperativa de Cantanhede

Posted in Águeda, Anadia, Aveiro, Cantanhede, Mealhada, Oliveira do Bairro, Por Terras da Bairrada0 Comentários

Diocese de Aveiro recorda D. António Marcelino

No próximo dia 9 de outubro ocorre o primeiro aniversário da morte de D. António Baltasar Marcelino. Neste sentido, o Bispo D. António Moiteiro irá celebrar a Eucaristia na Sé, com início às 19h. Nesta memória, serão lembrados, em oração de sufrágio, todos os bispos, presbíteros e diáconos permanentes, já falecidos, que se dedicaram à pastoral na diocese, nos seminários, nas paróquias e nos diversos serviços e movimentos.
Pretende-se que o dia do aniversário da morte do último bispo de Aveiro seja um dia de memória agradecida, não apenas na Sé mas em todas as comunidades.

 

Posted in Águeda, Anadia, Aveiro, Cantanhede, Ílhavo, Mealhada, Oliveira do Bairro, Por Terras da Bairrada, Vagos0 Comentários

Município de Águeda realiza workshop de empreendedorismo – sensibilização e noções básicas

A Câmara Municipal de Águeda, através do Plano de Promoção Empresarial e Investimento / Realização de Ações de Capacitação e Promoção do Parque Empresarial do Casarão – Águeda, está a promover, entre setembro e dezembro de 2014, um conjunto de 4 iniciativas que visam apoiar todos os que pretendem explorar novas oportunidade e ideias de negócios e arriscar em Águeda.

A próxima vai decorrer no próximo dia 8 de outubro, entre as 9h30 e as 17h00, na Biblioteca Municipal Manuel Alegre. Este Workshop de Empreendedorismo está focado na sensibilização para o empreendedorismo e na informação básica de como passar da ideia à ação transmitindo conceitos básicos e informação sobre o percurso da conceção e concretização de uma ideia de negócio. Será também um momento de apresentação da oferta municipal de apoio ao empreendedorismo e das áreas de negócio com maior potencial e que se revelam atualmente como diferenciadoras. Contará também com a participação de casos de sucesso – empreendedores que já trilharam o caminho de criar o seu negócio!

Programa

9h15: Receção de participantes

9h30: O apoio ao empreendedorismo no concelho de Águeda

9h45: O empreendedor – perfil e caraterísticas

10h: Da ideia ao negócio – noções básicas

10h45: Coffee break

11h: Casos de sucesso – testemunhos na primeira pessoa

13h: Almoço

14h30: O Município de Águeda e a região – que oportunidades?

15h: Planear o meu negócio – a importância do plano de negócios

16h: Ferramentas e iniciativas disponíveis

16h30: Encerramento

Posted in Águeda, Por Terras da Bairrada0 Comentários

Sangalhos: Assunção Cristas inaugura sexta-feira “Encontro com Vinhos e Sabores – Bairrada” no Velódromo Nacional

É já amanhã, sexta-feira, que tem início o ‘Encontro com o Vinho e Sabores – Bairrada 2014’ (EVSB), evento que se prolonga até domingo no Centro de Alto Rendimento – Velódromo de Sangalhos, em Anadia. A inauguração é às 17h e vai contar com a presença, entre outras individualidades, da Ministra da Agricultura e do Mar. Assunção Cristas vai também marcar presença na entrega de prémios da 4.ª edição do ‘Concurso de Vinhos e Espumantes Bairrada’, às 19h30 do mesmo dia.
De recordar que este é um importante evento de promoção conjunta que tem como objectivo potenciar as fileiras da vinha, do vinho, da gastronomia e do turismo da região da grande Bairrada. O EVSB acontece pelo segundo ano consecutivo, sendo a organização da responsabilidade da Comissão Vitivinícola da Bairrada, da Turismo do Centro de Portugal e do Município de Anadia, e a produção a cargo da Revista de Vinhos.

Sessenta produtores com vinhos e sabores à prova

São 60 os produtores de vinhos e sabores da região que têm lugar marcado na 2.ª edição do ‘Encontro com o Vinho e Sabores – Bairrada’. O Velódromo de Sangalhos vai reunir uma mostra de produtos, de onde se destacam os espumantes, os vinhos (tintos, brancos e rosés), as aguardentes, as águas, o leitão da Bairrada, o pão da Mealhada, os ovos moles de Aveiro, os Amores da Curia, as queijadas de Águeda, o Folar de Vale de Ílhavo, entre muitos outros. Vai ainda haver espaço para a divulgação da oferta turística: enoturismo, turismo termal, hotelaria e restauração.
Este certame vai também ser palco de três provas comentadas de vinhos (informação abaixo) e de dois jantares temáticos harmonizados com vinhos e espumantes da região. e comentados pelo crítico gastronómico Fernando Melo. A abrir as hostes, o primeiro jantar é dedicado aos ‘Sabores do Mar’ e é da autoria d’O Rei dos Leitões (eleito pela Revista de Vinhos como o Melhor Restaurante de Cozinha Tradicional em 2013), embora servido no restaurante do Velódromo de Sangalhos. No mesmo espaço, mas no dia seguinte, é a vez do restaurante Mugasa dar cartas nos ‘Sabores da Terra’; o famoso e delicioso leitão da Bairrada não vai faltar!
A entrada na feira é gratuita, sendo que a prova de vinhos implica a aquisição de um copo – no valor de 3 euros ou de 2 euros para quem apresentar convite no acto da compra – com oferta de porta-copo. Os horários variam consoante os dias: das 17h00 às 22h00 na sexta-feira, dia 3; das 15h00 às 22h00 no Sábado, dia 4; e entre as 15h00 e as 20h00 no Domingo, dia 5.

Prova de vinhos míticos: “Os Bairrada que fizeram história – 1985 a 2011”

A monumentalidade e raça dos vinhos da Bairrada vai estar “à prova” no EVSB, com destaque para uma prova inédita – e já esgotada –, que se vai realizar no Sábado, dia 04, às 18h00, no Museu do Vinho Bairrada: são treze os escolhidos de entre os melhores vinhos feitos na região, entre as colheitas de 1985 e 2011. Néctares com história e estórias para contar, que vão surpreender pela sua autenticidade, carácter e identidade; e, no caso dos mais antigos, pela longevidade.
A prova ‘Os Bairrada que fizeram história – 1985 a 2011’ vai ser comentada pelo crítico e director da Revista de Vinhos, Luís Ramos Lopes, que selecionou um conjunto de vinhos raros e grandiosos, como os brancos ‘Frei João 1988’ e ‘Campolargo 2011’ (distinguido recentemente como o melhor branco no International Wine Challenge), ou os tintos ‘Sidónio de Sousa 1985’, ‘Casa de Saima Garrafeira 1990’, ‘Quinta das Bágeiras Garrafeira 1995’ e ‘Quinta do Ribeirinho Pé Franco 2011’, entre muitos outros de idêntico gabarito. Uma mostra de vinhos complexos – declaradamente com perfil fresco, equilibrado e elegante – e muito prazerosos, sobretudo à mesa, onde revelam elevado potencial gastronómico.
Estão ainda agendadas mais duas provas: ‘Bairrada de Excelência | Espumantes’ (sexta-feira às 18h00) e ‘Bairrada de Excelência | Brancos e Tintos’ (Domingo às 16h00), comentadas pelos críticos da Revista de Vinhos João Paulo Martins e Nuno Oliveira Garcia, respectivamente.

Mais de 100 vinhos postos à prova no ‘Concurso de Vinhos e Espumantes Bairrada’

Em paralelo ao evento, vai ter lugar a 4.ª edição do ‘Concurso de Vinhos e Espumantes Bairrada’, que vai por à prova de cerca de 20 jurados – entre críticos, jornalistas, escanções e comerciantes de vinho – mais de 100 vinhos, todos eles certificados pela Comissão Vitivinícola da Bairrada. Entre as categorias mais comuns, destaque para aquela que vai eleger o ‘Melhor Espumante de Baga’, a casta bandeira da região, que se destaca pela originalidade e versatilidade para produzir grandes vinhos tintos e frescos espumantes brancos e rosés.
As uvas que dão origem aos vinhos (DO – Denominação de Origem) Bairrada provêm de terrenos de argila, calcário e areia. A proximidade do mar oferece-lhes um clima Atlântico, com temperaturas moderadas, e as suaves colinas que caracterizam a região possibilitam diferentes tipos de exposição solar. Um blend perfeito para vinhos com um estilo muito próprio, uma personalidade fresca, vivaz e consistente. Os especialistas dizem que “beber um Bairrada é como colocar uma pedra de calcário na boca, tal é a frescura deixada por este vinho”.

INFORMAÇÕES ÚTEIS

Local: Centro de Alto Rendimento de Anadia – Velódromo Nacional | Rua Ivo Neves, 405 – Sangalhos
Data: 03 a 05 de Outubro
Horários: 17h00 às 22h00 (dia 03); 15h00 às 22h00 (dia 4); 15h00 às 20h00 (dia 05)
Entrada: gratuita
Copo: compra obrigatória para prova de vinhos | € 3,00 ou € 2,00 (com convite), com oferta de porta-copo

PROGRAMA

SEXTA-FEIRA | 03 OUTUBRO
17h00 Inauguração do ‘Encontro com o Vinho e Sabores – Bairrada 2014’ | Abertura da Feira
com a presença de Assunção Cristas, Ministra da Agricultura e do Mar
18h00 Prova de Vinhos ‘Bairrada de Excelência | Espumantes’
comentada pelo crítico João Paulo Martins (no Velódromo)
19h30 Entrega de Prémios do ‘Concurso de Vinhos e Espumantes Bairrada’ – por Assunção Cristas
20h00 Jantar Temático ‘Sabores do Mar’ pelo restaurante Rei dos Leitões
harmonizado com Espumantes e Vinhos da Bairrada pelo crítico Fernando Melo (no Velódromo)
22h00 Encerramento da Feira

SÁBADO | 04 OUTUBRO
15h00 Abertura da Feira
18h00 Prova de Vinhos ‘Os Bairrada Que Fizeram História – 1985 a 2011’
comentada pelo crítico Luís Lopes (no Museu do Vinho da Bairrada)
20h00 Jantar Temático ‘Sabores da Terra’ pelo restaurante Mugasa
harmonizado com Espumantes e Vinhos da Bairrada pelo crítico Fernando Melo (no Velódromo)
22h00 Encerramento da Feira

DOMINGO | 05 OUTUBRO
15h00 Abertura da Feira
16h00 Prova de Vinhos ‘Bairrada de Excelência | Brancos e Tintos’
comentada pelo crítico Nuno Oliveira Garcia (no Velódromo)
20h00 Encerramento da Feira

Posted in Águeda, Anadia, Aveiro, Cantanhede, Ílhavo, Mealhada, Por Terras da Bairrada, Região, Sangalhos, Vagos0 Comentários

Águeda, Mealhada e Cantanhede recebem Prémio ECO XXI

Águeda, Mealhada e Cantanhede recebem Prémio ECO XXI

Os concelhos de Loulé, Águeda e Pombal foram os municípios mais amigos do ambiente em 2013, de acordo com os resultados divulgados na sexta-feira, dia 19 de setembro, na entrega do galardão “Município ECOXXI 2014”, que decorreu em Cantanhede e que contou com a presença de Paulo Lemos, Secretário de Estado do Ambiente.
O galardão atribuiu 32 bandeiras verdes – equivalente à “bandeira azul” das praias, mas para os municípios mais amigos do ambiente – a igual número de concelhos que em 2013 se distinguiram pelas boas práticas ambientais e do desenvolvimento sustentável.

O galardão distinguiu ainda, na Bairrada, os municípios de Mealhada e Cantanhede (com índices superiores a 60%).
Os indicadores para a entrega deste galardão são, por exemplo, a promoção da educação ambiental, a participação pública e a agenda 21 local, informação disponível aos munícipes, certificação em sistemas de gestão de qualidade, o emprego, o ordenamento do território, qualidade do ar e da água, para consumo humano, tratamento dos resíduos urbanos e mobilidade sustentável, entre muitos outros que são importantes.

Desde que tem vindo a implementar a Agenda 21 Local, o Município de Águeda tem sido galardoado com este prémio. A Câmara Municipal continua a investir nesta área e, no início deste ano, assumiu a liderança do projeto da Agência para a Competitividade e Sustentabilidade, que envolve os 11 municípios da Comunidade Intermunicipal da Região da Aveiro – CIRA.

É também o sexto ano consecutivo que a Mealhada conquista o título de município Eco XXI, tendo vindo sempre a melhorar a sua pontuação. O município conseguiu a sua melhor prestação de sempre: um índice global de 68,5%. Uma distinção que traz um enorme orgulho ao executivo municipal. “É um prémio coletivo, para o qual todos os munícipes deram o seu contributo e que funciona como um certificado ecológico referente às boas práticas ambientais”, sintetizou José Calhoa, vereador do Ambiente da Câmara Municipal da Mealhada.

 

Leia a notícia completa na edição digital ou impressa de 25 de setembro de 2014 do Jornal da Bairrada

Posted in Águeda, Cantanhede, Destaque, Mealhada, Por Terras da Bairrada0 Comentários

Águeda: novo romance de Deniz Ramos Padeiro apresentado a 27 de setembro

A sala polivalente da Biblioteca Escolar da Escola Secundária Marques de Castilho vai receber, no dia 27 de setembro, uma sessão de (re)Leitura da obra de Deniz Ramos Padeiro, um dos escritores de Águeda com mais livros publicados.

Para além da sessão, na oportunidade, vai ser apresentado o novo romance da sua autoria, intitulado “Peixes da Montanha”. Para breve, estará também a apresentação de outra obra da sua autoria, referente aos 40 anos da Associação Empresarial de Águeda, que deverá acontecer também durante o mês de setembro.

Para o dia 27, o programa está delineado da seguinte forma:

15h: re(Leitura) da obra de Deniz Ramos

18h: Apresentação da obra Peixes da Montanha, de Deniz Ramos, seguida de uma homenagem.

Biografia de Deniz Ramos Padeiro

Deniz Cruz de Ramos Padeiro é natural de Covões, concelho de Cantanhede, onde nasceu a 13 de julho de 1934. Habilitado com o Curso do Magistério Primário e bacharelato em História. Cumpriu Serviço Militar em São Tomé como Tenente Miliciano de Infantaria e em 1964 passa a adido no Ministério do Ultramar, em comissão de serviço em Moçambique.

Foi co-fundador da ADERAV (Associação para a Defesa e Divulgação da Região de Aveiro).

Da sua bibliografia salientam-se: O Mensageiro Assassinado, poesia (1957); A Palavra Lavra, poesia, (1974); Os Primeiros Senhores de Águeda, (1985); Águeda, Anos 20, da Escola Primária Superior à Escola Comercial e Industrial, (1989); Soberania Centenária, (1989); Tavares da Silva e os Espumantes na Bairrada, (1990); Subsídios Para a História da Vinha na Bairrada (galardoado com o Prémio Literário Região da Bairrada 1989), (1991); Jornal Soberania do Povo, 1879-1994, 115 anos, (1995); Escola Popular (1999); Do Teatro que Houve em Águeda, (2001); O sentimento da terra: poesia, 1953-1958 (2001); Auto da Visitação, romance (Prémio Literário António Feliciano de Castilho, instituído pela Câmara Municipal de Águeda), (2001); O Convento de Santo António de Serém, (2005) e Bombeiros de Águeda: Contributo para a sua história (2007) e Orfeão de Águeda, Achegas para a sua história (2008).

Posted in Águeda, Por Terras da Bairrada0 Comentários

Ad Code

Pergunta da semana

Um estudo indica que mais de duas doses diárias de álcool por dia aceleram perda de memória. Qual o seu consumo habitual no dia a dia?

View Results

Loading ... Loading ...
Newsletter Powered By : XYZScripts.com