Recortes.pt Leia no Recortes.pt

Arquivo | Sangalhos

Sangalhos: ‘Encontro com o Vinho e Sabores -Bairrada’ regressa ao Velódromo

Sangalhos: ‘Encontro com o Vinho e Sabores -Bairrada’ regressa ao Velódromo

Depois do sucesso da primeira edição, decorrida em meados de setembro de 2013, a Turismo do Centro de Portugal, a Comissão Vitivinícola da Bairrada e o Município de Anadia anunciam a realização do ‘Encontro com o Vinho e Sabores – Bairrada 2014’ (EVS-B), que este ano decorre nos dias 3, 4 e 5 de outubro no mesmo local, ou seja, no Centro de Alto Rendimento – Velódromo de Sangalhos, Anadia.
Um evento que volta a contar com a produção da Revista de Vinhos e com o apoio da Rota da Bairrada, do Instituto da Vinha e do Vinho.
Com o objetivo de potenciar as fileiras da vinha, do vinho, da gastronomia e do turismo da região da grande Bairrada, o ‘Encontro com o Vinho e Sabores – Bairrada 2014’ vai ser palco da exposição de produtores de vinhos e sabores da região com degustação livre, provas comentadas por especialistas da Revista de Vinhos (entre 10 e 25 euros) e jantares temáticos (35 euros).
Um ‘Concurso de Vinhos Engarrafados da Bairrada’ é a novidade deste ano, tendo lugar na sexta-feira. Os resultados serão anunciados durante o evento.
O Velódromo de Sangalhos vai reunir uma mostra de produtos, dos quais se destacam os espumantes, os vinhos (tintos, brancos e rosés), as aguardentes, as águas, o leitão da Bairrada, o pão da Mealhada, os ovos moles de Aveiro, os Amores da Curia, as queijadas de Águeda, o folar de Vale de Ílhavo, entre muitos outros.
Vai ainda haver espaço para a divulgação da oferta turística: enoturismo, turismo termal, hotelaria e restauração.
A entrada na feira é gratuita, sendo que a prova de vinhos implica a compra de um copo, no valor de 3,5 euros, com oferta de porta-copos.
Os horários variam consoante as datas: das 17h às 22h, na sexta-feira (dia 3); das 15h às 22h, no sábado (dia 4); e entre as 15h e as 20h, no domingo (dia 5).
O warm up para o ‘Encontro com o Vinho e Sabores – Bairrada 2014’ começa no dia 26 de setembro com uma ação de promoção em cerca de 15 restaurantes de Coimbra e Aveiro.
Os clientes destes espaços vão ser brindados com um flute de espumante Bairrada e um convite para o evento, convite esse que dá acesso à compra do copo por 2,50 euros. Quem entrar no evento com convite – devidamente preenchido – habilitar-se-á a um fim-de-semana num hotel da região, uma iniciativa da Rota da Bairrada.
No fim-de-semana que precede o EVS-B estão igualmente previstas ações de animação de rua nas cidades de Coimbra e Aveiro, acompanhadas da distribuição de informação sobre o evento.
Programa
Sexta-feira, dia 3
9h30 – ‘Concurso de Vinhos Engarrafados da Bairrada 2014’
17h – Inauguração do ‘Encontro com o Vinho e Sabores – Bairrada 2014’
Abertura da Feira
18h – Prova de Vinhos ‘Bairrada de Excelência| Espumantes’ por João Paulo Martins (10 euros)
20h – Jantar Temático ‘Sabores do Mar’, pelo restaurante Rei dos Leitões (35 euros)
22h – Encerramento da Feira
Sábado, dia 4
10h30 – Visita e Almoço na Quinta do Produtor Campolargo (jornalistas, bloggers e representantes do comércio)
15h – Abertura da Feira
16h – Entrega de Prémios do ‘Concurso de Vinhos Engarrafados da Bairrada’
18h – Prova de Vinhos ‘Bairrada de Excelência| Os Baga que fizeram história (1985-2009)’, por Luís Lopes, no Museu do Vinho Bairrada (25 euros)
20h – Jantar Temático ‘Sabores da Terra’, pelo restaurante Mugasa (35 euros)
22h – Encerramento da Feira
Domingo, dia 5
10h30 – Visita e Almoço no Produtor Vinhos Messias (jornalistas, bloggers e representantes do comércio)
15h – Abertura da Feira
16h – Prova de Vinhos ‘Bairrada de Excelência| Brancos e Tintos’, por Nuno Oliveira Garcia (10 euros)
20h – Encerramento da Feira e do ‘Encontro com o Vinho e Sabores – Bairrada 2014’

Posted in Anadia, Por Terras da Bairrada, Sangalhos Comentários

Sangalhos: Construção de ETAR no Vidoeiro resolver problema de saneamento

Sangalhos: Construção de ETAR no Vidoeiro resolver problema de saneamento

A pequena povoação do Vidoeiro, na freguesia de Sangalhos, poderá ter os problemas de saneamento resolvidos com a construção de uma ETAR que venha a servir esta localidade.
A garantia foi deixada pela edil Teresa Cardoso durante a última reunião de câmara, realizada na quarta-feira, dia 23.
A autarca foi interpelada pela vereadora Lígia Seabra, do PSD, que se mostrou preocupada com o facto da povoação do Vidoeiro ter, há cerca de uma década, o saneamento concluído mas sem funcionar devido à falta de ligação a uma ETAR.
Ciente de todo o investimento realizado pela autarquia anadiense nos últimos anos em matéria de água e saneamento básico no concelho, a vereadora desafiou a edil a avançar com uma solução definitiva para este problema, já que, a seu ver, “parece que em matéria de gerir a sua funcionalidade, a Câmara Municipal tem-se desresponsabilizado”, argumentou.
Na ocasião, perguntou ainda “para quando a ligação do saneamento no Vidoeiro; qual a solução, mas também por que razão até hoje nada mais foi feito no local e se todo o investimento já realizado não se estaria a degradar.”
Teresa Cardoso avançou que o caso do Vidoeiro é excecional, já que se trata de uma pequena povoação no limite do concelho com o vizinho concelho de Águeda, com o qual, de resto, já houvera contactos com vista a um eventual protocolo em matéria de saneamento, mas que acabou por não se concretizar, por se considerar complexo e difícil.
“Não foi fácil tratar deste assunto ao longo destes anos. Neste momento, acho que a melhor solução será a aquisição de uma pequena ETAR para aquele local”, avançou a edil anadiense.
Para a presidente de Câmara, ainda que a solução inicial apontasse para um protocolo com o concelho de Águeda, considerou que este poderia acarretar constrangimentos vários, no futuro, para a população, dando como exemplo o facto das tarifas de água e saneamento praticadas no concelho de Águeda serem mais elevadas do que em Anadia.
Assim, a solução mais viável passa pelo investimento numa ETAR, por forma a não depender de concelhos vizinhos.
Para já, há que procurar terreno para implantar este equipamento, sendo certo que mesmo sendo uma ETAR de pequena dimensão, representará um investimento significativo para o município.
Catarina Cerca
catarina@jb.pt

Posted in Anadia, Por Terras da Bairrada, Sangalhos Comentários

Sangalhos: Geminação reforça laços de amizade com franceses

Sangalhos: Geminação reforça laços de amizade com franceses

Chegaram na última quinta-feira, dia 24 e partiram, de regresso a França, na noite de domingo. Uma visita de quatro dias que veio reforçar os laços entre a população de Sangalhos e a comunidade de La Chaize de Vicomte, com a qual existe uma geminação que já completou dois anos.
Depois de, no ano transato, os sangalhenses terem visitado esta localidade francesa, agora foi a vez de 42 franceses, 11 das quais crianças, passarem uns dias na região da Bairrada.
A Associação da Gemi-nação da Vila de Sangalhos (AGVS) faz a “ponte” nesta geminação relativamente à partilha de experiências resultantes deste intercâmbio entre comunidades, desenvolvendo uma cultura de formação, educação de âmbito linguístico e cultural.
Durante a cerimónia de boas-vindas, que teve lugar no passado dia 24 de julho, pelas 16h, na sede da Junta de Freguesia de Sangalhos, a edil Teresa Cardoso realçou a importância e mais valias da geminação que se tem vindo a consolidar nos últimos anos, mas também pelo facto de, pela primeira vez, integrar 11 crianças francesas. “Sei que o programa é extenso e os dias curtos para visitar tudo”, referiu, destacando aos visitantes o facto de Sangalhos estar a ser palco do Campeonato da Europa de Pista em Sub 23, “um espaço que deve ser visitado”, bem como aconselhou a que todos aproveitassem para descobrir a riqueza da região em termos gastronómicos e vitinivícolas. A terminar, os seu votos foram para que todos, no momento da partida, levassem já vontade de regressar.
Jean Noel Violleau, presidente da Associação de Geminação francesa e Pascal Bonnin, vereador do Desporto da Câmara de La Chaize de Vicomte, agradeceram a receção e a hospitalidade dos sangalhenses, sublinhando ainda a “importância do intercâmbio entre estas famílias” num trabalho de aproximação de culturas e povos.
Silvana Marques, presidente da AGVS, fez uma breve resenha sobre a freguesia: população, localização, infraestruturas, dando a conhecer o vasto programa que integra visitas ao Velódromo, Centro Escolar, Santuário de Fátima, Mosteiro da Batalha, Praia da Nazaré, noite de Fados na Estalagem de Sangalhos, visitas às praias da Barra, Costa Nova e Tocha, Aveiro, Olhos de Fervença, Cantanhede (Expofacic 2014), visita às Caves S. João, às vinhas de São Lourenço do Bairro e concelho de Anadia, Rota da Bairrada e Museu do Vinho da Bairrada.
Catarina Cerca

Posted in Anadia, Por Terras da Bairrada, Sangalhos Comentários

Sangalhos: Novas ofertas atraem 1500 à Feira da Saúde

Sangalhos: Novas ofertas atraem 1500 à Feira da Saúde

A 3.ª edição da Feira da Saúde, realizada nos passados dias 17 e 18 de maio, no Velódromo Nacional, em Sangalhos, não poderia ter decorrido da melhor forma.
Cerca de 1500 pessoas (mais do dobro das presenças na edição do ano transato) passaram no último final de semana pelo Velódromo, não só para beneficiarem dos múltiplos rastreios (controlo da tensão arterial, da glicémia, do colesterol e do ácido úrico) e serviços (cálculo do índice de massa corporal, cardio-stress, testes de visão, espirometria, entre outros) oferecidos pelos 30 parceiros presentes, mas também para assistir a aulas inéditas, mas muito participadas no certame: ioga, jump, easy fit.
Também pela primeira vez decorerram, em paralelo com a feira, em gabinetes próprios, atividades e terapias como reiki, taças tibetanas, osteopatia, terapia sacro-craniana, audiometria, hipnoterapia, shiatsu, pilates, ecografia musculo-esquelética de tecidos moles, entre outros.
Numa iniciativa da Câmara Municipal de Anadia, esta 3.ª edição voltou a merecer os aplausos da população, vindo a revelar-se um sucesso e de grande importância para a comunidade, a avaliar pela forte adesão.
Os munícipes, oriundos de todas as freguesias do município de Anadia, mas também de concelhos limítrofes, marcaram presença no certame, que pretendeu reforçar a promoção da saúde dos munícipes.
Durante o evento, que durou dois dias, destaque para uma recolha de sangue promovida pela ADASFES e a realização da ação “Ler + dá Saúde”.
Na abertura do certame, o médico Manuel Jacinto, do ACes Baixo Vouga admitiu que o concelho tem uma boa oferta em termos de iniciativas para a saúde e que todos os stands visitados eram de grande interesse e esclarecedores do que podem oferecer às pessoas. O médico sublinhou ainda a importância dos rastreios, por exemplo, que podem ajudar a detetar várias situações, possibilitanto depois o encaminhamento para outras valências mais específicas.
Também Teresa Cardoso, presidente da Câmara Municipal de Anadia, sublinhou a mais valia da descentralização do certame para o velódromo (as duas primeiras edições realizaram-se no Pavilhão dos Desportos de Anadia), “um espaço com melhores condições e com dimensão capazes de abarcar vários tipos de serviços e atividades em simultâneo”.
Uma das presenças habituais em iniciativas do género é o Hospital José Luciano de Castro que, uma vez mais, divulgou os as suas Consultas Externas (Cirurgia Geral, Diabetes, Medicina Interna, Oftalmologia, Otorrinolaringologia, Dor, Anestesiologia, Fisiatria, Pediatria, Ortopedia, Urologia, Nutrição, Psicologia, Terapia da Fala e enfermagem), Cirurgia de Ambulatório (Cirurgia geral, Ortopedia e Urologia), Imagiologia (Rx Convencional, Contrastados, Ecografias e Mamografias); Unidade de Convalescença, Eletrocardiografia e Fisioterapia.
Catarina Cerca

Posted in Anadia, Por Terras da Bairrada, Sangalhos Comentários

Torneio de Sueca no Paraimo

No próximo dia 4, pelas 21h, terá lugar um torneio de sueca no palco das festas, no lugar do Paraimo, freguesia de Sangalhos.
Numa organização da Comissão de Festas do Paraimo, o evento terá os seguintes prémios: 1.º um leitão assado, 2.º dois frangos no churrasco; 3.º duas garrafas de espumante.
O torneio será disputado por um mínimo de cinco equipas.
Para mais informações e inscrições contactar Eduardo Costa – 914087445.

Posted in Por Terras da Bairrada, Sangalhos Comentários

Sangalhos: ADASFES faz recolha de sangue no próximo dia 16

A ADASFES – Associação de Dadores de Sangue da Freguesia de Sangalhos promove mais uma recolha de sangue, no próximo domingo, dia 16 de março. Realiza-se no salão da Junta de Freguesia de Sangalhos, entre as 9h e as 13h. Poderá aproveitar ainda esta oportunidade para se inscrever no jantar da ADASFES, no dia 22 de março.

Posted in Anadia, Por Terras da Bairrada, Sangalhos Comentários

Junta de Freguesia promove Sangalhos através de selos dos CTT

Junta de Freguesia promove Sangalhos através de selos dos CTT

A Junta de Freguesia de Sangalhos começou a promover a freguesia através de selos do CTT. Embora o processo seja, há muito, utilizado por empresas, comércios e particulares, as autarquias estão a aderir à moda e a Junta de Freguesia de Sangalhos não é exceção.
Todos os interessados, sejam ou não colecionadores, podem adquirir exemplares dos selos que reproduzem quatro locais de Sangalhos (Aliança Museum, Igreja Matriz, Jardim do Passal e Centro de Alto Rendimento) na sede da Junta de Freguesia, em horário normal de expediente. Cada selo está à venda por 1,50 euros.
António Floro, presidente da Junta de Freguesia local, diz que, após um contacto feito pelos CTT, o executivo decidiu participar no projeto “meuselo” e fazer quatro modelos diferentes de selos, alusivos à freguesia.
Os selos podem ser colecionados, ou então utilizados na correspondência normal. “Isto não é uma forma de angariarmos dinheiro, não foi feito com esse intuito, mas sim de poder promover a freguesia e alguns dos seus locais mais emblemáticos”.
A escolha das imagens recaiu sobre o executivo da Junta de Freguesia. Antóni Floro explica cada uma das opções: “o Passal, por ser o maior e mais central jardim da freguesia; a Igreja Matriz por todo o seu valor e riqueza patrimonial; o Velódromo por se tratar de um equipamento desportivo de referência a nível nacional e internacional e o Museu da Aliança, por ser um espaço muito visitado na freguesia, por gente de todo o lado e estrangeiro”. Contudo, avança que caso este primeiro ensaio corra bem, a Junta de Freguesia pondera escolher outras imagens de Sangalhos igualmente dignas de constar nos selos.
Nesta primeira aquisição, foram feitos pela Junta de Freguesia, 50 selos do Museu e igual número de selos da Igreja Matriz e do Velódromo. Do Jardim do Passal foram feitos 25 selos.
Para o autarca “esta é uma excelente forma de promover a freguesia, o seu património”, mas também uma forma dos sangalhenses poderem surpreender amigos e familiares que se encontrem radicados noutras zonas do país e do mundo, através de cartas e postais com selos da sua terra natal.

Catarina Cerca

Posted in Anadia, Destaque, Por Terras da Bairrada, Sangalhos Comentários

Velódromo Sangalhos: Público rendido ao brilhante Concerto de Reis

Velódromo Sangalhos: Público rendido ao brilhante Concerto de Reis

O desafio era ambicioso mas foi plenamente alcançado. O Grupo Coral Oásis organizou, na tarde de domingo, dia 5, um Concerto de Reis que contou com a participação de mais sete Grupos Corais: Casa da Gaia (a convite do Coral Oásis), Orfeão de Águeda, Orfeão de Bustos, Coro da Casa do Povo do Troviscal, Coro Espranjar, Coro de Santa Joana e Banda Amizade. Os grupos, em conjunto, interpretaram “As Sete Trompetes do Apocalipse” de Óscar Navarro, no Velódromo Nacional – Centro de Alto Rendimento de Sangalhos e proporcionaram uma tarde única e inesquecível a mais de 300 pessoas (embora o Coral tenha vendido cerca de 500 bilhetes).
O Concerto de Reis deu, assim, lugar ao Concerto de Natal do Coral Oásis, que não se realizou este ano, constituindo uma iniciativa inédita, não só pelo local escolhido, mas também pela elevada qualidade dos grupos participantes.
Mais de 150 coralistas e cerca de 70 elementos da banda deram corpo a um projeto que começou a 29 de novembro, no Teatro Aveirense, no âmbito do 179 anos da Banda Amizade (Aveiro). Um projeto que vai levar agora “As Sete Trompetes do Apocalipse”, no dia 19 de janeiro, ao Troviscal, e no dia 16 de fevereiro, a Bustos.
A presidente da direção do Coral Oásis, Maria José Gomes, mostrou-se muito feliz pelo sucesso do Concerto, pela acústica e condições do espaço, mas também pela presença de tanto público. Um sucesso, frisado no local pela própria presidente de Câmara de Anadia, Teresa Cardoso, que se mostrou igualmente agradada com a qualidade do concerto, onde estiveram igualmente vereadores, deputados e autarcas locais.
Maria José Gomes acrescentou que está já a ser equacionada a preparação de uma nova peça para ser interpretada por estes grupos em conjunto. Paralelamente, o Coral Oásis tem já em carteira vários projetos para este ano, sendo um dos mais relevantes a realização, em maio (mês de Maria e da mãe), de um conjunto de três mini-concertos subordinados à temática, em três Igrejas do concelho. Para já, é certa a realização de um deles na Basílica de Mogofores. E também a realização, a 1 de março (21h), de um Baile de Carnaval, no salão da Junta de Freguesia.
O desafio para 2014 será, segundo aquela responsável, continuar a promover iniciativas que permitam ao Grupo manter-se no mesmo patamar qualitativo. Um grande aliado tem sido a população que tem respondido afirmativamente e estado presente em várias ações promovidas pelo grupo coral.
Exemplo disso mesmo foi o jantar dançante, realizado em dezembro de 2013. Um sucesso que levou a grupo a decidir-se por mais iniciativas do género, tendo em vista a angariação de fundos para a sobrevivência do coral.

Catarina Cerca

Posted in Anadia, Por Terras da Bairrada, Sangalhos Comentários

“93 anos de História” novo vinho das Caves São João

“93 anos de História” novo vinho das Caves São João

Dando continuidade ao projeto de comemoração do centenário das Caves São João, iniciado em julho de 2010, a empresa, que se encontra localizada em São João de Azenha (Sangalhos) lançou no passado dia 13 de dezembro, em Viseu, no Solar do Dão, o 4.º vinho (um tinto da Região Demarcada do Dão, colheita de 2011) de uma coleção de 11 garrafas únicas, uma vez que este projeto e conceito das comemorações do centenário das Caves São João termina em 2020.
O vinho tinto 93 Anos de História (Dão DOP) é feito com a casta Touriga Nacional (100%) e nasce de um lote de uvas rigorosamente selecionadas, tendo estagiado durante 12 meses em pipas de carvalho francês. Foi engarrafado após clarificação mínima, em novembro passado.
De cor retinta violácea, apresenta um aroma muito intenso a frutos vermelhos, frutos negros, bergamota, baunilha, coco e especiarias. No sabor é volumoso e vigoroso, havendo a perceção das sensações frutadas e da madeira onde estagiou, sentidas pela via nasal. Taninos presentes, mas bem domados. Grande capacidade de envelhecimento. Apresenta 14,1% vol. de álcool.
Ideal para acompanhar carnes assadas ou grelhadas, queijos e caça, entre muitas outras iguarias de sabores e texturas intensas. Esta edição vai estar disponível em garrafas de 0,75 L e magnuns (1,5L).
Célia Alves, administradora da empresa, revelou a JB que “o tema deste vinho é baseado na década de 50-60, conhecida como os Anos Dourados”. Historicamente, “os anos 50 ficaram marcados como os anos do «pós-guerra», que originou grandes avanços tecnológicos, sobretudo de eletrodomesticos, automóveis e cosméticos”. A roupa é influenciada por esse novo ideário de vida. A mulher torna-se mais feminina e glamorosa. A maquilhagem estava na moda. A indústria do jeans floresce. O cinema e a música lançam ídolos como Elvis Presley, James Dean e Marlon Brando.

Posted in Águeda, Anadia, Cantanhede, Mealhada, Por Terras da Bairrada, Sangalhos Comentários

Anadia: “Sweet Sugar”, loja de cake design abre na cidade

Anadia: “Sweet Sugar”, loja de cake design abre na cidade

A cidade de Anadia tem, desde o passado dia 7, um novo espaço comercial que promete fazer as delícias dos mais gulosos e dos entusiastas por cake design.
A loja e ateliê de cake design “Sweet Sugar” acaba de surgir pelas mãos de duas jovens, a enfermeira Lúcia Rosa e a professora, Rita Figueira.
O espaço, localizado em plena Avenida das Laranjeiras, no Edifício Palmeiras, é completamente inovador, pois é a primeira casa (loja e ateliê) na região a dedicar-se exclusivamente à área da confeção de bolos temáticos, mais conhecido como pastelaria decorativa (cake design), por encomenda, baseada em pasta de açúcar.
Uma aposta arrojada, em tempos de crise, mas que as promotoras acreditam ter pernas para andar, tal a movimentação que a loja tem tido desde a abertura.
Um projeto que tem vindo a amadurecer, desde a altura em que ambas que se conheceram, numa formação de cake design.

Loja e ateliê. “É uma área nova, que não existe na região, aliás não existe nada do género entre Coimbra e Aveiro”, dizem, ao mesmo tempo que confessam querer “trazer algo de novo à cidade, colmatando assim uma lacuna que existia na área da pastelaria”.
No espaço reservado à loja encontra-se todo o tipo de utensílios para fazer bolos, bombons, cupcakes, bolachas decorativas e cakepops. Formas, utensílios de cake design, pastas de açúcar, pratos decorativos, chocolate, corantes, essências dos mais variados sabores (anis, morango, avelã, café, amêndoa), pérolas, purpurinas, frosting de várias cores, até recheios para bolos (também variados, caramelo, nutela, maça-canela, ananás, limão, creme de pasteleiro), num sem fim de sabores, velas, entre outros fazem parte das ofertas deste espaço.
Uma mais valia, dizem, são os preços competitivos que praticam, comparativamente a espaços semelhantes localizados nas cidades.
“Fazemos vários tipos de massas e todo o tipo de decoração. Mas se o cliente desejar fazer o bolo em casa e encomendar o boneco ou o elemento para a decoração, nós fazemo-lo”, explicam, dando conta que esta é uma “área muito específica, que requer muita técnica e cada bolo é único, podendo a decoração de um só bolo demorar 2 a 3 dias a realizar”.
Isto, porque todos os trabalhos são únicos, verdadeiros desafios que podem exigir a idealização de um projeto, primeiro em papel, e só depois em bolo.
“Já deitámos muito bolo e pasta de açúcar para o lixo, por não ficar exatamente como queríamos”, sublinham, evidenciando que na Sweet Sugar se procura o perfecionismo em todos os trabalhos.

Workshop dia 21. Para além da loja existe ainda a cozinha onde bolos de aspeto simples se transformam em verdadeira obras de arte.
É neste espaço ainda que têm ainda lugar os workshops abertos ao público.
O segundo workshop tem lugar no próximo dia 21 de dezembro e é subordinado ao tema: modelagem de figuras humanas avançada. Começa às 9h e termina às 13h.
Nestas aulas práticas os participantes são desafiados a fazer cake design seja em cupcakes, cakepops, ou em bolos.
Refira-se ainda que a loja está aberta todos os dias, de segunda a sábado, das 10 às 19h.
As encomendas de bolos deverá ser feita com antecedência por forma a que o produto final idealizado pelo cliente seja alcançado.
Os adeptos de cake design podem acompanhar “Sweet Sugar” na rede social facebook.com/sweetsugardesign ou então pelo mail sweetsugar.cakedesign@gmail.com

Posted in A. da Gândara, Aguada de Baixo, Águeda, Aguim, Anadia, Ancas, Arcos, Avelãs de Caminho, Avelãs de Cima, Cantanhede, Fermentelos, Mealhada, Mogofores, Moita, Oiã, Óis do Bairro, Oliveira do Bairro, Palhaça, Paredes do Bairro, Por Terras da Bairrada, S. Lourenço Bairro, Sangalhos, Tamengos, Troviscal, V. Nova de Monsarros, Vagos, Vilarinho do Bairro Comentários

Pergunta da semana

Vai a algum festival de verão este ano?

View Results

Loading ... Loading ...
Newsletter Powered By : XYZScripts.com