Recortes.pt Leia no Recortes.pt

Arquivo | Vilarinho do Bairro

Poutena: Desfile “Noivas de todos os tempos” foi sucesso no Centro Social

Poutena: Desfile “Noivas de todos os tempos” foi sucesso no Centro Social

O Centro Social da Poutena foi palco de um deslumbrante desfile de vestidos de noiva no passado sábado, dia 5 de abril, com o objetivo de angariar fundos para a instituição.
Foram apresentados 48 vestidos que foram cedidos e desfilados, na sua grande maioria, pelas funcionárias da instituição. A festa contou ainda com a atuação do Grupo de Dança Jazz da Poutena, com um sorteio de prémios, e com uma demonstração de Zumba, pela professora Cristiana Gomes, que leciona aulas da modalidade no Centro Social. O espetáculo teve casa cheia. A iniciativa foi bastante acarinhada não apenas pelo público, mas também por todos aqueles que trabalham e colaboram com a instituição, que num imenso esforço de equipa, se uniram e tornaram esta festa possível.
O Centro Social Cultural e Recreativo de Poutena agradece a todos os patrocinadores, funcionários, colaboradores e voluntários, por todo o apoio dado ao evento.

Posted in Anadia, Por Terras da Bairrada, Vilarinho do Bairro Comentários

Poutena: Desfile de vestidos de noiva, sábado, no Centro Social

O Centro Social da Poutena será palco de um deslumbrante desfile de vestidos de noiva já no próximo sábado, dia 5 de abril. A partir das 21h, 20 mulheres de idades variadas, desfilarão sobre uma passadeira vermelha, com os seus próprios vestidos de casamento ou com os de outras noivas que os cederam para o evento. Vão a desfile cerca de 40 vestidos de várias gerações, que levarão os espectadores a viajar no tempo.
 A festa contará ainda com várias actuações do grupo de Dança Jazz do Centro Social de Poutena.
A atividade tem como objectivo angariar fundos para a instituição através da recolha de donativos e venda de rifas. Os prémios serão sorteados no dia do evento: 1º prémio – 2 noites de alojamento para duas pessoas num local à escolha (catálogo fugas); 2º prémio – 1 cabaz alimentar; 3º prémio – 1 relógio Swatch.
A entrada é livre e gratuita.

Posted in Anadia, Por Terras da Bairrada, Vilarinho do Bairro Comentários

Anadia: “Sweet Sugar”, loja de cake design abre na cidade

Anadia: “Sweet Sugar”, loja de cake design abre na cidade

A cidade de Anadia tem, desde o passado dia 7, um novo espaço comercial que promete fazer as delícias dos mais gulosos e dos entusiastas por cake design.
A loja e ateliê de cake design “Sweet Sugar” acaba de surgir pelas mãos de duas jovens, a enfermeira Lúcia Rosa e a professora, Rita Figueira.
O espaço, localizado em plena Avenida das Laranjeiras, no Edifício Palmeiras, é completamente inovador, pois é a primeira casa (loja e ateliê) na região a dedicar-se exclusivamente à área da confeção de bolos temáticos, mais conhecido como pastelaria decorativa (cake design), por encomenda, baseada em pasta de açúcar.
Uma aposta arrojada, em tempos de crise, mas que as promotoras acreditam ter pernas para andar, tal a movimentação que a loja tem tido desde a abertura.
Um projeto que tem vindo a amadurecer, desde a altura em que ambas que se conheceram, numa formação de cake design.

Loja e ateliê. “É uma área nova, que não existe na região, aliás não existe nada do género entre Coimbra e Aveiro”, dizem, ao mesmo tempo que confessam querer “trazer algo de novo à cidade, colmatando assim uma lacuna que existia na área da pastelaria”.
No espaço reservado à loja encontra-se todo o tipo de utensílios para fazer bolos, bombons, cupcakes, bolachas decorativas e cakepops. Formas, utensílios de cake design, pastas de açúcar, pratos decorativos, chocolate, corantes, essências dos mais variados sabores (anis, morango, avelã, café, amêndoa), pérolas, purpurinas, frosting de várias cores, até recheios para bolos (também variados, caramelo, nutela, maça-canela, ananás, limão, creme de pasteleiro), num sem fim de sabores, velas, entre outros fazem parte das ofertas deste espaço.
Uma mais valia, dizem, são os preços competitivos que praticam, comparativamente a espaços semelhantes localizados nas cidades.
“Fazemos vários tipos de massas e todo o tipo de decoração. Mas se o cliente desejar fazer o bolo em casa e encomendar o boneco ou o elemento para a decoração, nós fazemo-lo”, explicam, dando conta que esta é uma “área muito específica, que requer muita técnica e cada bolo é único, podendo a decoração de um só bolo demorar 2 a 3 dias a realizar”.
Isto, porque todos os trabalhos são únicos, verdadeiros desafios que podem exigir a idealização de um projeto, primeiro em papel, e só depois em bolo.
“Já deitámos muito bolo e pasta de açúcar para o lixo, por não ficar exatamente como queríamos”, sublinham, evidenciando que na Sweet Sugar se procura o perfecionismo em todos os trabalhos.

Workshop dia 21. Para além da loja existe ainda a cozinha onde bolos de aspeto simples se transformam em verdadeira obras de arte.
É neste espaço ainda que têm ainda lugar os workshops abertos ao público.
O segundo workshop tem lugar no próximo dia 21 de dezembro e é subordinado ao tema: modelagem de figuras humanas avançada. Começa às 9h e termina às 13h.
Nestas aulas práticas os participantes são desafiados a fazer cake design seja em cupcakes, cakepops, ou em bolos.
Refira-se ainda que a loja está aberta todos os dias, de segunda a sábado, das 10 às 19h.
As encomendas de bolos deverá ser feita com antecedência por forma a que o produto final idealizado pelo cliente seja alcançado.
Os adeptos de cake design podem acompanhar “Sweet Sugar” na rede social facebook.com/sweetsugardesign ou então pelo mail sweetsugar.cakedesign@gmail.com

Posted in A. da Gândara, Aguada de Baixo, Águeda, Aguim, Anadia, Ancas, Arcos, Avelãs de Caminho, Avelãs de Cima, Cantanhede, Fermentelos, Mealhada, Mogofores, Moita, Oiã, Óis do Bairro, Oliveira do Bairro, Palhaça, Paredes do Bairro, Por Terras da Bairrada, S. Lourenço Bairro, Sangalhos, Tamengos, Troviscal, V. Nova de Monsarros, Vagos, Vilarinho do Bairro Comentários

Club de Ancas: Emotiva Noite de Fados em tributo a José Roberto

Club de Ancas: Emotiva Noite de Fados em tributo a José Roberto

O dia 13 de dezembro nunca foi um dia igual aos outros!
Foi sempre um dia muito especial… Dia do Aniversário do José Roberto! Este ano fez 41 anos!
No âmbito das comemorações da 12.ª Semana Cultural do Club de Ancas, associação pela qual José Roberto nutria um carinho muito especial, onde desenvolvia vários projetos em simultâneo e desempenhava as funções de coordenador do Núcleo Cultural, quis esta mesma Associação, juntamente com os seus familiares e amigos, prestar-lhe uma merecida e sentida homenagem! Uma grande Noite de Fados! … porque o Fado era um dos projetos em que ele se revia!
Grupos de Fado de que ele fazia parte, tais como: Tertúlia Bairradina, Baga Madura, Grupo de Fados de Aveiro, Grupo de Trovas e Serenatas e outros amigos, disseram: Presente! E cantaram… e encantaram… e o público amigo que enchia por completo, na noite da última sexta-feira, dia 13, o salão do Club escutava em silêncio, não escondendo a sua emoção…
E para que tudo fosse perfeito, não faltou a presença de um grande amigo seu, amigo de infância, que hoje tem responsabilidades como vice-presidente na Câmara Municipal de Anadia. Jorge Sampaio no seu breve discurso, disse duas coisas que não vamos esquecer tão cedo! Estava ali “para prestar duas homenagens”: uma, ao seu querido amigo Roberto, “como amigo de todo o sempre e como reconhecimento de toda a obra que no campo cultural realizou em tão curto espaço de tempo.” A outra homenagem era para o Club de Ancas “pela sua vertente cultural já tão apreciada e espalhada por toda a região”.
O Club de Ancas agradece o elogio. Estava a necessitar deste incentivo, depois da grande perda que sofreu. Jorge Sampaio comunicou ainda que ia agendar uma reunião com elementos da direção. Ficámos felizes! Foi uma prenda para o Club no dia de aniversário do Roberto!
Para todos quantos contribuíram e participaram neste Tributo, o Club de Ancas fica com uma imensa dívida de gratidão. Bem hajam!
Natália Seabra

Posted in A. da Gândara, Águeda, Aguim, Anadia, Ancas, Arcos, Avelãs de Caminho, Avelãs de Cima, Bustos, Cantanhede, Crime da Mamarrosa, Mamarrosa, Mealhada, Mogofores, Moita, Óis do Bairro, Palhaça, Paredes do Bairro, Por Terras da Bairrada, S. Lourenço Bairro, Sangalhos, Tamengos, Troviscal, V. Nova de Monsarros, Vagos, Vilarinho do Bairro Comentários

Rancho da Casa do Povo de Vilarinho do Bairro promove Festival Internacional de Folclore

O Rancho Folclórico da Casa do Povo de Vilarinho do Bairro promove, no próximo dia 30 de junho (domingo), mais um Festival Internacional de Folclore.
Com início previsto para as 15h, o evento contará com a presença de quatro ranchos convidados: Rancho Folclórico do Passil (Alcochete), Rancho Folclórico e Etnográfico de Ramalhais (Marco de Canaveses), Rancho Folcórico Tá – Mar (Nazaré) e Grupo Tradicional “Os Trazantes de Tenório”, de Pontevedra (Espanha).

Posted in Anadia, Por Terras da Bairrada, Vilarinho do Bairro Comentários

Anadia: Feira da Vinha e do Vinho, de 22 a 30 de junho

Nomes sonantes do panorama musical português, tais como Jorge Palma, Quim Barreiros, The Gift, Gonçalo Tavares, David Fonseca, Rui Veloso e Mariza vão passar pelo palco 1, da Feira da Vinha e do Vinho de Anadia, que se realiza de 22 a 30 de junho, na zona do Vale Santo, em Anadia.
Paralelamente, o município vai tentar concretizar o maior brinde de espumante em cadeia do mundo e assim entrar para o Guinness Book.
A 10.ª edição do certame foi apresentada publicamente na última segunda-feira, dia 27. Com um orçamento a rondar os 300 mil euros, a autarquia promete nove dias de animação para todos os gostos, completamente gratuitos.

(Ver notícia integral na edição em papel de Jornal da Bairrada)

Cartaz
Dia 22: Marchas Populares e Gonçalo Tavares
Dia 23: Ala dos Namorados com Jorge Palma
Dia 24: Richie Campbell
Dia 25: Quim Barreiros
Dia 26: The Gift
Dia 27: Tributo aos Abba, com grupo inglês
Dia 28: David Fonseca & Katedral Party
Dia 29: Rui Veloso
Dia 30: Mariza e espetáculo de fogo de artifício

Posted in A. da Gândara, Águeda, Aguim, Anadia, Ancas, Arcos, Avelãs de Caminho, Avelãs de Cima, Cantanhede, Mealhada, Mogofores, Moita, Óis do Bairro, Oliveira do Bairro, Paredes do Bairro, Por Terras da Bairrada, Região, S. Lourenço Bairro, Sangalhos, Tamengos, V. Nova de Monsarros, Vagos, Vilarinho do Bairro Comentários

Workshop sobre literatura infantil no Centro Social de Poutena

No próximo dia 17 de abril, pelas 19h, o Centro Social, Cultural e Recreativo de Poutena organiza o workshop “Ler para Crescer, Crescer a Ler”, tendo convidado Carina Rodrigues, investigadora da Universidade de Aveiro.
Serão abordadas as principais funções da literatura para crianças, critérios de selecção de livros infantis, os vários tipos existentes, entre outras temáticas.
O workshop destina-se a toda a comunidade, a participação é gratuita e sujeita a uma inscrição prévia mediante o n.º 231 959724.

Posted in Anadia, Por Terras da Bairrada, Vilarinho do Bairro Comentários

Caminhada pelo Coração com apoio da Câmara Municipal de Anadia

No âmbito do Plano de Atividades do Agrupamento de Escolas de Anadia, terá lugar, no dia 8 de maio, mais uma edição da Caminhada pelo Coração, à Lagoa de Torres, na Poutena.
Esta 7.ª edição envolve de forma direta toda a comunidade escolar da EB n.º 2 de Vilarinho do Bairro. Mais uma vez, e à semelhança das edições anteriores, a Câmara Municipal de Anadia associa-se ao evento com um pequeno subsídio destinado a distribuição por todos os participantes de bonés e T-Shirts, alusivos ao evento, num total de 350.
Recorde-se que esta iniciativa visa sensibilizar a comunidade educativa para a adoção de um estilo de vida saudável e para a proteção ao meio ambiente.

Posted in Anadia, Por Terras da Bairrada, Vilarinho do Bairro Comentários

Quinta do Perdigão: Subsídio camarário para Associação

A Associação Cultural e Recreativa da Quinta do Perdigão vai receber um subsídio de seis mil euros para as obras em curso na associação.
Embora a previsão da direção da coletividade aponte para um custo total de 21 mil euros, o executivo camarário deliberou subsidiar a mesma, para já, com seis mil euros. Isto porque, no que concerne a espaços desportivos (sintéticos), esses têm sido alvo de protocolos diferenciados.
Segundo documentação enviada pela Junta de Freguesia de Vilarinho do Bairro, o pedido de apoio financeiro destina-se a beneficiações relacionadas com a passagem da biblioteca para a entretanto desativada escola primária do lugar.
A biblioteca (e audiovisuais) que funciona na sede da coletividade, ao passar para a escola, ficará dotada de melhores condições para receber o espólio, que contabiliza já 2500 livros. Ali será ainda colocada internet e dois computadores.
No que se refere à zona de lazer, é intenção dotar aquele espaço envolvente à associação de relva natural e rega, mesas e bancos exteriores.
O desenho deste arranjo urbanístico começou a ser idealizado há alguns anos, pela mão da coletividade local, em parceria com a Junta de Freguesia e Câmara Municipal de Anadia.
O edifício da Escola Primária, depois de arranjado (telhado, pinturas, construção de passeios e alpendre), vai receber a biblioteca, enquanto que o projeto desportivo é mais ambicioso e complexo, já que prevê ainda a colocação de relva sintética, luz artificial (quatro postes e projetores), balizas de futebol de 7 e pintura dos muros envolventes.
Uma obra que deverá ter alvo de um protocolo e financiamento independente.
Refira-se ainda que este espaço já está dotado com dois WC, três balneários e todo o recinto desportivo foi murado e vedado com rede de proteção.

Posted in Anadia, Por Terras da Bairrada, Vilarinho do Bairro Comentários

Poutena: Nova direção do Centro Social quer alargar Lar e arranjar edifício inicial

Mário Heleno acaba de tomar posse na direção do Centro Social, Cultural e Recreativo da Poutena. Acompanham-no neste mandato de dois anos Carmen Santos (vice-presidente), Carlos Pinho (secretário), Dina Conceição (tesoureira) e Paula Assunção, Paula Cavadas e Jaime Bento (vogais).
Ao JB admite que perante o convite que lhe foi endereçado – e porque fizera parte da anterior direção – decidiu aceitar.
A eleição da lista única aconteceu a 15 de dezembro e Mário Heleno sucede a Fernando Pereira, obrigado a sair, na medida em que completara dois mandatos (número permitido pelos Estatutos da instituição).
O trabalho será de continuidade, na prestação de um serviço de excelência a todos os utentes. Contudo, Mário Heleno avança estar motivado pra enfrentar os desafios que a atualidade coloca às IPSS’s, ainda que reconheça que se adivinham tempos muito difíceis para todos: “a direção está ciente do grande desafio e das limitações que nos são impostas”.

Para breve mais vagas em Lar. A curto prazo, espera conseguir negociar com a Segurança Social o alargamento da resposta social de Lar para mais 10 utentes. Não só porque as alterações nas regras determinadas pela Segurança Social o permitem, mas porque sabe que é urgente conseguir dar resposta a inúmeras situações bastante delicadas que se encontram na longa lista de espera desta valência que tem capacidade para 30 idosos, encontrando-se há muito esgotada.
“Estão a ser desenvolvidas as diligências necessárias para pedir o alargamento da capacidade desta valência para mais 10 utentes”, avança, dando conta de que para tal terão de ser efetuados pequenos ajustes ao nível das instalações, sobretudo no refeitório e sala de estar. Vera Neto, diretora técnica da instituição acrescenta que a idade média dos idosos em Lar é elevada (95/97 anos), o que obriga a dar uma resposta mais efetiva aos pedidos de ajuda, muito embora, neste momento, apenas três estejam acamados.
Em Apoio Domiciliário estão inscritos 40 utentes e em Centro de Dia 50. Na resposta à Infância, o Centro tem 30 crianças em Creche e 45 em CATL/CAF.
E é na parte do apoio à Infância que se sente mais as dificuldades das famílias. “Assistimos a uma vaga de emigração que leva ao afastamento de algumas crianças das valências, assim como a dificuldade de alguns pais em manter o pagamento das mensalidades. Já nos idosos não sentimos qualquer alteração”.
Projetos maiores. O Centro Social é o maior empregador da freguesia. Possui 60 funcionários e gere anualmente um orçamento de um milhão e 200 mil euros. Para este novo mandato, a direção tem em mente novos projetos, evidenciando o dinamismo que sempre marcou a instituição. Assim, está em curso o projeto de remodelação do Centro de Dia, no sentido de também se conseguir legalizar (obter licença de habitabilidade) a parte mais antiga da instituição. Mário Heleno revela ainda a intenção de remodelar a parte da frente do edifício inicial. “Vamos dar-lhe um outro aspeto, mais moderno, assim como arranjar a zona exterior envolvente”.

Outras secções. Embora a área do Social seja, hoje, a vertente mais pujante, a Cultura e o Recreio sempre foram duas áreas muito acarinhadas pela instituição. Assim, com uma nova dinâmica e sob a alçada das professoras Catarina Lemos e Carolina Folques, estão a decorrer as aulas de dança jazz/ballet, às sextas e sábados. Todos os interessados em integrar esta secção podem inscrever-se na secretaria da instituição. Quanto ao teatro revista, uma referência na instituição, está a fazer-se um interregno: “já temos uma peça escrita para começar a ensaiar. Mas para tal é necessário que as pessoas adiram, se motivem e se inscrevam para integrar o grupo”, diz Vera Neto.
Em termos desportivos, o Motocross é a modalidade mais emblemática. Mantém uma prova anual que conta para campeonato nacional da modalidade. O futebol (Sporting Club da Poutena) recomeçou há dois anos com a formação. Neste momento integram as camadas jovens duas equipas de benjamins e uma de infantis.

Catarina Cerca
catarina@jb.pt

Posted in Anadia, Por Terras da Bairrada, Vilarinho do Bairro Comentários

Pergunta da semana

Um estudo indica que mais de duas doses diárias de álcool por dia aceleram perda de memória. Qual o seu consumo habitual no dia a dia?

View Results

Loading ... Loading ...
Newsletter Powered By : XYZScripts.com