Recortes.pt Leia no Recortes.pt

Arquivo | Mealhada

“Portugal Lés a Lés” traz 1.400 motards ao Luso/Buçaco

“Portugal Lés a Lés” traz 1.400 motards ao Luso/Buçaco

Está apresentada a 18.ª edição do passeio “Portugal Lés a Lés”, que este ano terá o fim de uma etapa na Mata do Buçaco. É uma estreia da região nestas andanças, passando a fazer parte do calendário do mítico evento organizado pela Comissão de Mototurismo da Federação de Motociclismo de Portugal. Com casa cheia, no Luso, no passado domingo, com a presença de mais de três centenas de motards, foi dado a conhecer o passeio e fizeram-se as primeiras inscrições.
É no Buçaco, no próximo dia 10 de junho, que as cerca de 1.300 motos e os 1.400 participantes vão descansar no final da primeira etapa do “Portugal Lés a Lés”, que nesta 18.ª edição ligará Albufeira a Vila Pouca de Aguiar, numa distância de 940 quilómetros. O passeio decorrerá de 9 a 11 de junho, começando com um prólogo em terras algarvias, seguindo-se uma etapa de 540 quilómetros entre Albufeira e a Cruz Alta, local eleito para o primeiro contacto da caravana com a Serra do Buçaco, que seguirá depois para junto do Palace Hotel do Buçaco.
Para a organização do evento, este cenário é o ideal para os objetivos do passeio, que “tem em conta o turismo, visitas fabulosas a cidades e vilas do país e aos seus locais culturais e históricos”. O presidente da Federação de Motociclismo de Portugal, Manuel Marinheiro, destacou ao JB essas premissas para a realização do evento, apontando que esta região “tem condições únicas para este contacto com a natureza, local cheio de história e que vai imprimir uma enorme dignidade ao evento, pois será, sem dúvida, uma mais-valia por estas questões históricas e culturais”.
Determinante para a decisão de fazer chegar o evento ao Luso/Buçaco foi a ação da associação Aqua Cristalina, do Luso, que com o apoio da Câmara da Mealhada e da Fundação Mata do Buçaco, ousou colocar a região, e em destaque, no road book de tão importante passeio nacional.

João Paulo Teles

Leia a reportagem completa na edição de 4 de fevereiro de 2016 do Jornal da Bairrada

Posted in Destaque, Mealhada, Por Terras da Bairrada0 Comentários

Associação de Carnaval da Bairrada alerta para contrafação de bilhetes

Associação de Carnaval da Bairrada alerta para contrafação de bilhetes

A Associação do Carnaval da Bairrada foi informada de que há evidência da ocorrência da contrafação de bilhetes para entrada no Carnaval Luso-Brasileiro da Bairrada de 2016.

Assim, e no sentido de evitar constrangimentos nomeadamente os que resultem da fraude, a ACB informa que a venda de bilhetes é exclusiva da própria Associação e dos estabelecimentos autorizados a vender bilhetes que serão brevemente anunciados.

Não há particulares autorizados a vender bilhetes.

Por outro lado, os bilhetes oficiais e verdadeiros são identificáveis por uma barra colorida a meio do ingresso – amarela para domingo, 7 de fevereiro, e vermelha para terça-feira, 9 de fevereiro.

A ACB não se responsabiliza pelos danos resultantes da aquisição de bilhetes fora da rede autorizada e dos parâmetros acima referidos.

Posted in Destaque, Mealhada, Por Terras da Bairrada0 Comentários

Carnaval da Mealhada: temos bilhetes

Carnaval da Mealhada: temos bilhetes

O Jornal da Bairrada está a oferecer bilhetes para o Carnaval da Mealhada – desfiles de domingo e terça-feira. Ligue 234 740 390 e reserve já o seu!

Posted in Destaque, Mealhada, Por Terras da Bairrada0 Comentários

Obras na Ponte do Gameiro fazem prever caos no trânsito

ponte gameiro

A partir desta quinta-feira, estará encerrada ao trânsito a chamada Ponte do Gameiro, na entrada sul da Mealhada, que nos próximos dias será submetida a obras de reabilitação estrutural da passagem superior ao caminho-de-ferro, com a demolição e remoção do tabuleiro e substituição por um novo. As obras têm um prazo previsto de 80 dias e fazem antever complicações para o trânsito, especialmente nos festejos de Carnaval do próximo mês.
O principal eixo rodoviário da cidade da Mealhada, cujo encerramento estava previsto para o passado dia 11, será fechado ao trânsito a partir das 18h desta quinta-feira, dia 14. Os veículos serão desviados para poente desta estrada através da Rua do Grupo Desportivo e da antiga Nacional 234, que liga o centro da cidade (Rotunda do Cardal) à ligação à A1.
Esta obra, da responsabilidade da IP – Infraestruturas de Portugal, está a ser preparada há vários anos em coordenação com a Câmara para minimizar os efeitos deste corte de trânsito naquele importante troço, disse ao JB a vereadora Arminda Martins, sublinhando que a autarquia “acautelou com a IP a melhor forma de fazer a obra sem prejudicar os condutores nem a economia local”.
O trânsito, que será desviado entre as rotundas do Luso (a norte) e do Baco (a sul), tem algumas condicionantes, uma vez que na Rua da Várzea (antiga Nacional 234) há uma ponte com limite de peso inviabilizando a passagem de alguns veículos pesados, disponibilizando-se, no entanto, a Rua do Grupo Desportivo que fará esta ligação. O problema é que esta rua estará indisponível por altura do Carnaval, no decorrer dos dois desfiles, uma vez que circula praticamente no interior do Sambódromo Luís Marques.
Todas aquelas situações terão sido acauteladas nas reuniões entre a IP e a Câmara da Mealhada, a última das quais na passada segunda-feira, no sentido de minimizar o impacto destas mudanças ao longo de quase três meses. Arminda Martins considerou que esta situação “vai ser um transtorno grande para a população e para a economia local, mas fizemos tudo o que era possível para minimizar estes impactos. Queremos que a obra se faça no prazo previsto e teremos um técnico a acompanhar a obra monitorizando o seu desenvolvimento”, frisou, concluindo que “as duas partes estão empenhadas para que tudo corra bem, vai ser complicado mas a obra tem que ser feita”.
JPT

Posted in Mealhada, Por Terras da Bairrada0 Comentários

Câmara da Mealhada transfere 43 mil euros para cobertura do Mercado do Luso

Câmara da Mealhada transfere 43 mil euros para cobertura do Mercado do Luso

A Câmara da Mealhada quer acabar com os graves problemas de infiltrações de água no Mercado do Luso e prevê que a situação fique resolvida no prazo de três meses. As garantias são do presidente da Câmara, Rui Marqueiro, e foram dadas no final da assinatura de um protocolo com a Junta de Freguesia do Luso, que prevê a transferência de cerca de 43 mil euros para esta autarquia com vista à reabilitação de toda a cobertura do referido espaço de comércio local.
“Vamos resolver um problema que carecia de intervenção urgente. Embora se trate de um espaço propriedade da Freguesia do Luso, cabendo legalmente a esta a competência de proceder à sua manutenção e gestão, a Câmara Municipal foi sensível ao pedido de ajuda da autarquia local, dos comerciantes e da população e decidiu pagar as obras, que serão agora administradas pela Junta”, esclareceu Rui Marqueiro, afirmando-se “muito satisfeito com a melhoria das condições de trabalho que serão oferecidas, após a conclusão da reabilitação do Mercado, aos lojistas”.
O presidente da Câmara da Mealhada considera que “este é um bom exemplo de como o entendimento entre Município e juntas de freguesia produz bons frutos no superior interesse das populações”.
O presidente da Junta do Luso, Claudemiro Semedo, após agradecer o apoio municipal, no montante de 42.975 euros, garantiu que “a nova cobertura do Mercado será colocada até final de março de 2016”. “São 12 comerciantes que não podem continuar a sofrer as consequências das infiltrações de água da chuva”, disse o autarca, lamentando que só o dono do talho já tenha mudado três vezes o teto falso do seu espaço comercial.

Posted in Mealhada, Por Terras da Bairrada0 Comentários

Mealhada: Câmara e Assembleia endurecem posição contra os maus cheiros

Mealhada: Câmara e Assembleia endurecem posição contra os maus cheiros

A Assembleia Municipal da Mealhada aprovou, na última sessão, as propostas da Câmara para indeferir os pedidos de duas empresas para o reconhecimento de interesse público para laborarem no concelho. Ao já conhecido braço-de-ferro com a empresa Alcides Branco, junta-se agora a Soacorgo, Lda, uma empresa da área agropecuária, instalada às portas da cidade. O Executivo chumbou e a Assembleia confirmou, por unanimidade, deixando cair as pretensões dos empresários, numa altura em que sobe de tom a luta contra os maus cheiros no concelho.
As empresas em causa pediam a emissão de certidão de Reconhecimento de Interesse Público Municipal na Regularização da Atividade Industrial, motivando a reação de Rui Marqueiro, presidente da Câmara, que na última reunião do executivo defendeu que a empresa Alcides Branco “não deve ter essa declaração de utilidade pública porque é um contrassenso, numa altura em que há um litígio judicial entre a Câmara e a empresa”, posição que o autarca reiterou na passada segunda-feira, em assembleia municipal, explicando que o empresário em causa está a desrespeitar o acordo feito em tribunal ao continuar a laborar e a produzir fumos e maus cheiros. “Aquele senhor passa a vida a incumprir o acordo e vai ser interpelado por isso, sabendo que depois de duas interpelações a providência cautelar terá efeitos e fechará a empresa”.
“Se permitirmos que esta fábrica continue nestas circunstâncias vamos destruir o Luso (…) para poupar 30 postos de trabalho podemos perder 300 no Luso, não tenho prazer nenhum nisto tudo, mas conheço bem aquele senhor e não deixa de ser curioso o fato de ele começar a queimar baganha logo que mudou o Governo”, acusou Rui Marqueiro.
Falando na questão da outra empresa que também pediu apoio municipal para o seu licenciamento – a Soacorgo – o presidente da Câmara considerou que “o ataque municipal à empresa Alcides Branco está mais adiantado que esta, está já em tribunal”, não rejeitando encetar “um combate semelhante, já na próxima reunião do executivo”.

Assembleia quase unânime no orçamento para 2016

A Assembleia Municipal da Mealhada aprovou o Orçamento e as Grandes Opções do Plano para 2016, em sessão extraordinária, na passada segunda-feira. Sem grande discussão, os documentos previsionais para o próximo ano passaram com a maioria dos votos, contando apenas com a abstenção dos dois elementos da CDU.
Os deputados da bancada da Coligação Juntos Pelo Concelho da Mealhada (JPCM) acabaram por votar favoravelmente, como já tinha acontecido em sede de executivo, reiterando os reparos feitos na altura ao executivo de maioria socialista, felicitado a criação de uma verba extra de 6.000 euros para a freguesia e por este orçamento “incluir algumas das propostas da coligação, que foram analisadas, apreciadas e que possam vir a ser executadas”, lembrou Luís Brandão (JPCM), acusando que “apesar destas situações, não há grandes novidades nos documentos nem grande imaginação, parecendo ser um orçamento de continuidade”.
Ideia bem diferente daquela teve a CDU, abstendo-se e apontando, em declaração de voto, que o executivo socialista fez “ouvidos de mercador às propostas da CDU ao abrigo do estatuto de oposição”.

João Paulo Teles

Posted in Mealhada, Por Terras da Bairrada0 Comentários

Junta do Luso apoia a natalidade na freguesia

Junta do Luso apoia a natalidade na freguesia

A Junta de Freguesia de Luso entregou o primeiro cheque de incentivo à natalidade na freguesia. O ato teve lugar no passado dia 23, com a atribuição de uma verba de 250 euros a uma família local, estando em análise outros três apoios neste âmbito.
A medida de apoio à natalidade criada pelo atual executivo beneficiou o casal Francisco Santos e Helena Neves pelo nascimento de Maria Neves Santos, disponibilizando aquele montante para efetuar compras na freguesia, desde consultas médicas a fraldas, entre outras despesas relacionadas diretamente com a criança.
Segundo a autarquia, existem mais três famílias que apresentaram o pedido no âmbito deste incentivo, sendo que no caso de duas delas o processo se encontra já documentalmente completo estando a aguardar a apresentação das faturas relativas às despesas para se proceder ao pagamento.
“Temos consciência que não é pelo valor atribuído que se verificará uma mudança na tendência demográfica, mas é um pequeno passo na direção que pretendemos reforçar no sentido de proporcionar às famílias que habitam na freguesia de Luso, as melhores condições para os seus filhos crescerem e viverem, até porque, qualquer caminho, por mais logo que seja, é feito de pequenos gestos”, referiu o presidente da Junta de Luso, Claudemiro Semedo.
Entretanto, as famílias que pretendam candidatar-se a este apoio, poderão obter o requerimento e o formulário de candidatura, assim como quaisquer esclarecimentos, na Junta de Freguesia de Luso.
“É para nós uma satisfação muito grande, poder contribuir para uma freguesia onde as pessoas se sintam bem e apoiadas”, destacou o autarca na cerimónia que entregou o primeiro apoio deste tipo, destinado a promover “apoios específicos que conduzam, por um lado, ao aumento da natalidade e, por outro, à fixação e melhoria das condições de vida das famílias residentes na freguesia”. É, igualmente, intenção da autarquia “promover mecanismos de apoio aos indivíduos e famílias económica e socialmente mais desfavorecidos, mas também e simultaneamente fomentar políticas de incentivo à família enquanto célula fundamental de socialização e espaço privilegiado de realização pessoal, não obstante a sua condição socioeconómica”.
João Paulo Teles

Posted in Mealhada, Por Terras da Bairrada0 Comentários

Barcouço: Detido suspeito de tentativa de homicídio

A PJ anunciou a detenção de um homem que alegadamente tentou matar com uma arma branca um indivíduo, na noite de sábado para domingo, numa residência em Cavaleiros, Barcouço, Mealhada.
Em comunicado, a PJ refere que deteve o alegado agressor “em flagrante delito”, depois de chegar “poucos minutos após a ocorrência dos factos à residência onde decorreu uma discussão entre dois indivíduos”.
Segundo a PJ, “foi possível apurar que as agressões aconteceram, de facto, num contexto de conflitualidade, mas com intencionalidade e atingindo partes vitais do corpo da vítima”.
“Os ferimentos só não tiveram um desfecho mais grave devido à pronta assistência prestada pela equipa de emergência médica que se deslocou ao local”, refere a PJ, acrescentando ainda a vítima, de 42 anos, um emigrante que está em Portugal para passar o período festivo, está internada num hospital, mas já livre de perigo. “Pelo que e por configurar a situação um crime de homicídio, ainda que na forma tentada, recolheu o detido às celas deste Departamento”, acrescenta ainda a PJ.
O detido, de 46 anos, foi presente às autoridades competentes para primeiro interrogatório judicial e aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.

Posted in Mealhada, Por Terras da Bairrada0 Comentários

Câmara da Mealhada entrega 198 mil euros às associações do concelho

Câmara da Mealhada entrega 198 mil euros às associações do concelho

A Câmara Municipal da Mealhada entregou, na quarta-feira, dia 23 de dezembro, os subsídios às associações do concelho, num valor total de 197.908,09 euros. Os apoios financeiros destinam-se a 48 coletividades, mais concretamente, cinco associações juvenis, 13 desportivas e 30 culturais.

A cerimónia decorreu no Salão Nobre e contou com a presença do presidente da Câmara, Rui Marqueiro, do vice-presidente, Guilherme Duarte, e da maioria das coletividades que viram aprovada a sua candidatura aos apoios financeiros da autarquia. “Quero agradecer o vosso trabalho e a dedicação que todos os dias têm ao nosso concelho e dizer-vos que podem contar sempre connosco e com esta nossa pequena colaboração”, afirmou o presidente da Câmara, desejando a todos umas Boas Festas.

O Executivo Municipal apreciou as candidaturas apresentadas pelas associações culturais, juvenis e desportivas do concelho, de acordo com o regulamento vigente, e decidiu propor a atribuição de uma verba total de 197.908,09 euros, a ser distribuída da seguinte maneira: 7.981,92 euros para as associações juvenis, 114.999,97 euros para as associações desportivas e 74.926,20 euros para as associações culturais.

As propostas foram aprovadas, por unanimidade, nas reuniões de câmara de 16 de novembro (desportivas) e 7 de dezembro (culturais e juvenis) e na quarta-feira de manhã os subsídios foram entregues às coletividades. “Esta é uma pequena ajuda. Há algumas associações que têm receitas próprias, mas outras não têm qualquer outro meio de financiamento e nós temos o dever de não as deixar morrer, pelo bem que fazem ao concelho, pela sua disponibilidade e pelo seu voluntariado”, sublinhou ainda Rui Marqueiro.

Posted in Mealhada, Por Terras da Bairrada0 Comentários

Novo vinho tinto 4 Maravilhas em promoção até 5 de janeiro

Novo vinho tinto 4 Maravilhas em promoção até 5 de janeiro

A Câmara Municipal e a Associação Maravilhas da Mealhada estão a promover uma campanha lançamento do novo vinho tinto 4 Maravilhas da Mesa da Mealhada 2009, assinado pelo enólogo Anselmo Mendes e vencedor de uma grande medalha de ouro internacional, no concurso “La Selezione del Sindaco”. Até ao próximo dia 5 de janeiro, este vinho pode ser comprado ao preço unitário de 8 euros ou, em alternativa, a 22 euros uma caixa de três garrafas. O vinho pode ser adquirido no Arquivo Municipal da Mealhada, das 9h às 12h30 e das 13h30 às 17h dos dias úteis.

Este novo lote de vinho tinto 4 Maravilhas da Mesa da Mealhada foi criado a partir das melhores colheitas dos produtores do concelho e tem a assinatura do enólogo Anselmo Mendes.

Posted in Mealhada, Por Terras da Bairrada0 Comentários

Blogues recomendados


Cagido

FESTAS EM HONRA DE S. SEBASTIÃO
   Decorrerão a partir de amanhã até ao próximo fim de semana as tradiciona …


Notícias de Bustos

COMPRE UM QUADRO E AJUDE A ABC
1. Mar Sujo (óleo 55×46)Vamos, uma vez mais, celebrar neste mês de Fevereir …


Portal de Nariz

União de Freguesias ajuda no preenchimento do IRS

Pergunta da semana

Portugueses praticam cada vez mais exercício ao ar livre. É o seu caso?

View Results

Loading ... Loading ...
Newsletter Powered By : XYZScripts.com