Recortes.pt Leia no Recortes.pt

Arquivo | Vagos

Vagos: Prémio Carreira  para Pe. António C. Martins

Vagos: Prémio Carreira para Pe. António C. Martins

Atual diretor do Centro Social e Bem Estar de Ouca, que fundou em 1984, o Pe. António Correia Martins acaba de ser distinguido com o “Prémio Carreira/ 2013”.
A entrega do galardão decorreu, no último sábado, na 10ª edição da gala “Vaga D’Ouro/Crédito Agrícola”, uma vez mais organizada pela Vagos FM e jornal O Ponto.
Natural da freguesia de Trofa do Vouga, o Pe. António foi ordenado sacerdote em junho de 1953, por D. João Evangelista Lima Vidal. Primeiro padre da paróquia de São Martinho de Ouca, criada por decreto de 8 de junho de 1956, tem desenvolvido vasta obra naquela freguesia. A ele se devem, entre outras iniciativas, a criação da freguesia civil de Ouca, e a construção das capelas de Rio Tinto, Carregosa e Tabuaço.
No plano social, lançou-se na construção do lar de idosos, que inaugurou em 1984. Anos mais tarde, avançaria para o complexo social para idosos, crianças e formação profissional, reconhecida de utilidade pública. Dedicado peregrino do mundo, quando foi necessário garantir apoio financeiro para a sua obra, o Pe. António Martins é tido como “um homem bom, com os olhos sempre postos no bem e no futuro”.
Foram igualmente galardoados: Paulo Frade (Cultura), Pe. David Novo (Social), Colcal – Voleibol do Colégio de Calvão, e Rita Cheganças (Desporto), Vagoleite (empresarial) e Silvério Regalado (Política).
EJ

Posted in Por Terras da Bairrada, Vagos Comentários

Vagos: Município adere à “Hora do Planeta 2014”

No próximo sábado, dia 29 de março, todas as luzes do edifício dos Paços do Concelho e seu exterior serão desligadas por 60 minutos, entre as 20h30 e 21h30, numa associação à iniciativa mundial “Hora do Planeta”.
Esta iniciativa, que parte da organização global de conservação de natureza WWF – Hora do Planeta, pretende estimular indivíduos, empresas e comunidades a tomarem medidas para reduzir as suas emissões de carbono numa base contínua e diária. Indivíduos, empresas, governos e comunidades de todo o mundo são convidados a desligar as suas luzes, por uma hora, no sábado, precisamente às 20h30, para mostrar o seu apoio à ação ambientalmente sustentável.
Ainda no âmbito “Para além da Hora” e “Eu faço se tu fizeres”, associados à campanha Hora do Planeta, o município de Vagos comprometeu-se, para 2014, efetuar cortes na Iluminação Pública em locais com excesso de iluminação e regular os horários de Iluminação Pública para um melhor ajuste às necessidades reais.
Este é o oitavo ano que o mundo fica às escuras em sinal de apoio a uma iniciativa que começou em Sydney, em 2007, e que é hoje o maior evento mundial de ação ambiental. Em 2013, a Hora do Planeta celebrou-se em 154 países e territórios em todos os continentes, incluindo a participação de alguns dos monumentos mais reconhecidos no mundo.
A Câmara Municipal convida a todos a desligar as luzes pela “Hora do Planeta”, durante as 20h30 e 21h30 mostrando, assim, o seu apoio e compromisso com esta causa.
O video oficial da Hora do Planeta pode ser visto aqui: http://www.youtube.com/earthhour

Posted in Por Terras da Bairrada, Região, Vagos Comentários

Águeda é o município da Bairrada mais atraente para viver

Águeda é o município da Bairrada mais atraente para viver

Águeda é o município da Bairrada mais atraente para viver, posicionando-se no 18.º lugar no ranking de 100 municípios da Região Centro e colocando-se na 69.º posição a nível nacional. A sua melhor classificação (12.º em 100) é na categoria “Viver”, estando em 17.º lugar no ranking regional, na vertente “Negócios”.

O estudo “Bloom Consulting Portugal City Brand Ranking” foi feito pela consultora Bloom Consulting e dado a conhecer esta semana. Neste projeto, a eficácia de cada um dos 308 municípios portugueses foi avaliada e classificada de acordo com a sua “performance” nas vertentes de Investimento (Negócios), Turismo (Visitar) e Talento (Viver).

O estudo conclui que o Centro é a região mais atraente para se viver, sendo Leiria e Coimbra, depois de Lisboa, as melhores cidades para viver, a nível nacional.

Na região Centro, o destaque do ranking vai então para quatro municípios: Coimbra, Aveiro, Leiria e Viseu. Todos, à exceção de Viseu, classificado na 14ª posição, marcam presença no Top 10 nacional.

Na Bairrada, Águeda ocupa o lugar cimeiro (18.º lugar no Centro; 69.º a nível nacional), sendo que a sua melhor classificação (12.º em 100) é na categoria “Viver”, estando em 17.º lugar no ranking regional, na vertente “Negócios”. Logo depois vem Cantanhede, no 24.º lugar do ranking regional-Centro (e 87.º a nível nacional).

Em 30.º lugar no Centro está a Mealhada (101.º a nível nacional), estando em 25.º lugar nas variáveis Viver e Visitar.

Em 39.º lugar do ranking Centro está Anadia (148.º a nível nacional), estando melhor posicionada (42.º) na vertente “Visitar”.

Segue-se Vagos (42.º lugar Centro e 154.º a nível nacional), que está em 23.º na vertente “Negócios”. Finalmente, o último lugar do ranking da Bairrada é ocupado por Oliveira do Bairro (45.º a nível regional; 160.º a nível nacional), que, no entanto, aparece em lugar privilegiado do ranking regional – 18.º lugar – sendo o segundo melhor município da Bairrada (logo a seguir a Águeda) para investir.

Na construção dos rankings pelo Bloom Consulting Portugal City Brand Ranking, não foram utilizados questionários ou efetuadas entrevistas, mas sim dados estatísticos concretos de fontes oficiais, que foram contrastados com a procura que os municípios obtêm online e com a performance que os seus websites e redes sociais têm na hora de comunicar com os seus públicos-alvo.

A primeira variável, Dados Estatísticos, tem em conta Dados Económicos (empresas), Dados de Turismo (ocupação hoteleira) e Dados de Talento (população, taxa de desemprego, poder de compra; …); a segunda variável, as procuras online, por economia (empreendedorismo, empresas, impostos, economia, investimento), turismo (alojamento, animação turística, cultura, restauração e visitar) e ainda por talento (educação, emprego, qualidade de vida, saúde, viver). Finalmente, a terceira variável tem a ver com a performance do website de cada município e de cada uma das suas redes sociais.

Nota: na edição de 13 de fevereiro de 2014 do Jornal da Bairrada, é feita uma interpretação errada deste estudo, no que respeita às categorias individualizadas (Negócios, Viver e Visitar). A retificação será feita na próxima edição, pedindo desde já desculpa aos municípios visados.

Posted in Águeda, Anadia, Cantanhede, Destaque, Mealhada, Oliveira do Bairro, Por Terras da Bairrada, Vagos Comentários

Agravamento do estado do tempo para Domingo e Segunda

mau_tempo1
O estado do tempo continuará a ser caracterizado pela passagem sistemas frontais de forte atividade, prevendo-se que, no final de domingo e noite de segunda, uma depressão muito cavada atravesse o norte da Península Ibérica, junto da região Norte do território do Continente, originando aumento da intensidade do vento e da agitação marítima.

A partir da tarde de Domingo, dia 9, e até ao final da manhã de segunda-feira, dia 10, prevê-se agravamento do estado do tempo, com ocorrência de precipitação forte, queda de neve acima dos 600/800 metros e vento forte do quadrante sul, com rajadas da ordem dos 90 /110 km/h, podendo atingir os 120 km/h nas terras altas, incidindo com maior intensidade nas regiões a norte do Tejo.

Na Costa Ocidental, a partir do final da tarde de domingo dia 09, as ondas atingirão 7 a 8 metros, altura significativa, podendo atingir durante a noite e madrugada de segunda-feira os 10 metros.

mau tempo

Posted in Águeda, Aveiro, Cantanhede, Ílhavo, Mealhada, Oliveira do Bairro, Por Terras da Bairrada, Região, Vagos Comentários

460 autos elaborados em operação a stands de carros

O Comando Territorial da Guarda Nacional Republicana de Aveiro fiscalizou, na penúltima quinta-feira, dia 30 de janeiro, 145 estabelecimentos comerciais, especialmente direcionados para a venda de veículos automóveis usados (stands), com a finalidade principal de verificar o cumprimento das normas que regem o setor e se os direitos do consumidor se encontram devidamente salvaguardados.
De acordo com a GNR, foram elaborados 460 autos por contraordenação pela prática de diversas infrações, entre as quais se destacam a falta de alvará, inscrição no cadastro de estabelecimentos comerciais, falta de prestação de informações obrigatórias ao cliente, uso de formas de publicidade proibidas, irregularidades relacionadas com o Livro de Reclamações; incumprimento do horário de funcionamento; falta de autorização da autoridade competente para venda de veículos na via pública e incumprimento da legislação ambiental.
Foram ainda levantados dois processos-crime por reprodução ilegítima de programa protegido, tendo sido apreendidas duas máquinas de jogo de fortuna ou azar, e ainda foi elaborado um autonotícia por suspeita de tráfico/viciação de viatura.
Na operação estiveram envolvidos 162 militares de todos os Postos Territoriais do Comando Territorial de Aveiro, bem como militares da estrutura de Investigação Criminal e do Serviço de Proteção da Natureza e Ambiente.

Posted in Águeda, Anadia, Aveiro, Bustos, Cantanhede, Ílhavo, Mamarrosa, Mealhada, Oiã, Oliveira do Bairro, Palhaça, Por Terras da Bairrada, Região, Troviscal, Vagos Comentários

Rui Cruz à frente da Segurança Social

Para já, fica em regime de substituição. O antigo presidente da câmara de Vagos, Rui Cruz, foi indicado pela tutela para diretor distrital da Segurança Social de Aveiro. Vai ocupar a vaga deixada por António Santos Sousa, que em maio de 2013 tinha pedido para sair, e agora regressa à advocacia. Ao que apurámos, o ex-autarca vaguense foi nomeado a 16 do corrente. Ficará no cargo até final do concurso público, aberto para aquele lugar, mas é dada como certa a intenção de Rui Cruz se candidatar.
Atual presidente da assembleia municipal, Rui Cruz também é advogado. Exerceu até 2001, para depois se dedicar exclusivamente à carreira política. Eleito pelo PSD, foi presidente da câmara de Vagos durante três mandatos (2001-13), tendo ainda desempenhado cargos dirigentes, nomeadamente na sociedade “Mais Vagos”, AMRia e Junta Metropolitana de Aveiro (já extintas), Região de Aveiro e comissão de vencimentos da SIMRia.

Eduardo Jaques

 

foto – Diário de Aveiro

Posted in Por Terras da Bairrada, Vagos Comentários

Praias da região: Mar avança sem dó nem piedade

Praias da região: Mar avança sem dó nem piedade

Na passada segunda-feira, dia 6, viveram-se momentos de aflição nas zonas costeiras da região que foi fortemente fustigada pela agitação marítima. Ondas gigantes, com cerca de 8 a 10 metros, fizeram com que o mar subisse vários metros, galgando o sistema dunar, causando momentos de pânico, sobretudo em espaços comerciais (bares de praia) mais expostos.

Praias da Vagueira e Areão. Miguel Sá, comandante dos Bombeiros Voluntários de Vagos, revela que o momento mais preocupante foi vivido entre as 19h30 e as 20h de segunda-feira, hora do pico da maré alta.
“Foram momentos complicados, com grande agitação marítima, o que obrigou o Serviço Municipal de Proteção Civil de Vagos a encerrar toda a marginal na Praia da Vagueira” por questões de segurança.
Embora o areal tenha desaparecido na Praia da Vagueira, bem como parte do cordão dunar, o paredão em pedra segurou o mar revolto que, mesmo assim, galgou a marginal. “Na altura mais crítica, o mar galgou as pedras, levou passadiços em madeira, escadas e sinais de trânsito”, revelou, adiantando que se viveram momentos de aflição pelo menos em três bares de praia, que sofreram alguns prejuízos. Também na Praia do Areão, a forte ondulação com vários metros provocou estragos e o avanço do mar voltou a fazer desaparecer parte do cordão dunar. “Estamos a colocar areia para proteger a estacaria e tentar segurar um bar de praia que ficou numa situação mais frágil”, adiantou ainda.
Praias da Costa Nova e da Barra. Carlos Mouro, comandante dos Bombeiros Voluntários de Ílhavo, falou dos momentos mais difíceis vividos na última segunda-feira nas Praias da Costa Nova e da Barra.
“O mar incidiu gravemente na zona entre a Costa Nova e a Praia da Barra, comendo dezenas de metros de areal e duna”, revelou. Sucessivos dias de mau tempo, aliados a vagas de dimensões pouco habituais fizeram com que o mar chegasse aos passadiços em madeira que se encontravam distantes do mar. Hoje, estes constituem um enorme problema de segurança, devido à sua instabilidade. “O passadiço está encerrado à circulação pedonal”, e Carlos Mouro alerta para o perigo que aquele local constitui: “as pessoas teimam em ir tirar fotografias, mas o passadiço pode desabar e arrastar as pessoas. Se alguém cai naquela ondulação não se salva”.
O caso mais grave registado nesta praia foi o desaparecimento do restaurante Casa Dumar, que começou a ser fustigado pela ondulação a 3 de janeiro e na segunda-feira, dia 6, foi completamente destruído pelas enormes ondas.
“É assustador porque o areal, a praia desapareceu na Barra”, admite, avançando que a forte ondulação atingiu toda a zona do paredão na Praia da Barra, galgando até à Avenida João Corte Real.
Na Costa Nova, não se notaram grandes prejuízos, embora junto ao Contiqui Bar se tenham vivido momentos de maior angústia.

Catarina Cerca
catarina@jb.pt

Posted in Aveiro, Ílhavo, Por Terras da Bairrada, Região, Vagos Comentários

Anadia: “Sweet Sugar”, loja de cake design abre na cidade

Anadia: “Sweet Sugar”, loja de cake design abre na cidade

A cidade de Anadia tem, desde o passado dia 7, um novo espaço comercial que promete fazer as delícias dos mais gulosos e dos entusiastas por cake design.
A loja e ateliê de cake design “Sweet Sugar” acaba de surgir pelas mãos de duas jovens, a enfermeira Lúcia Rosa e a professora, Rita Figueira.
O espaço, localizado em plena Avenida das Laranjeiras, no Edifício Palmeiras, é completamente inovador, pois é a primeira casa (loja e ateliê) na região a dedicar-se exclusivamente à área da confeção de bolos temáticos, mais conhecido como pastelaria decorativa (cake design), por encomenda, baseada em pasta de açúcar.
Uma aposta arrojada, em tempos de crise, mas que as promotoras acreditam ter pernas para andar, tal a movimentação que a loja tem tido desde a abertura.
Um projeto que tem vindo a amadurecer, desde a altura em que ambas que se conheceram, numa formação de cake design.

Loja e ateliê. “É uma área nova, que não existe na região, aliás não existe nada do género entre Coimbra e Aveiro”, dizem, ao mesmo tempo que confessam querer “trazer algo de novo à cidade, colmatando assim uma lacuna que existia na área da pastelaria”.
No espaço reservado à loja encontra-se todo o tipo de utensílios para fazer bolos, bombons, cupcakes, bolachas decorativas e cakepops. Formas, utensílios de cake design, pastas de açúcar, pratos decorativos, chocolate, corantes, essências dos mais variados sabores (anis, morango, avelã, café, amêndoa), pérolas, purpurinas, frosting de várias cores, até recheios para bolos (também variados, caramelo, nutela, maça-canela, ananás, limão, creme de pasteleiro), num sem fim de sabores, velas, entre outros fazem parte das ofertas deste espaço.
Uma mais valia, dizem, são os preços competitivos que praticam, comparativamente a espaços semelhantes localizados nas cidades.
“Fazemos vários tipos de massas e todo o tipo de decoração. Mas se o cliente desejar fazer o bolo em casa e encomendar o boneco ou o elemento para a decoração, nós fazemo-lo”, explicam, dando conta que esta é uma “área muito específica, que requer muita técnica e cada bolo é único, podendo a decoração de um só bolo demorar 2 a 3 dias a realizar”.
Isto, porque todos os trabalhos são únicos, verdadeiros desafios que podem exigir a idealização de um projeto, primeiro em papel, e só depois em bolo.
“Já deitámos muito bolo e pasta de açúcar para o lixo, por não ficar exatamente como queríamos”, sublinham, evidenciando que na Sweet Sugar se procura o perfecionismo em todos os trabalhos.

Workshop dia 21. Para além da loja existe ainda a cozinha onde bolos de aspeto simples se transformam em verdadeira obras de arte.
É neste espaço ainda que têm ainda lugar os workshops abertos ao público.
O segundo workshop tem lugar no próximo dia 21 de dezembro e é subordinado ao tema: modelagem de figuras humanas avançada. Começa às 9h e termina às 13h.
Nestas aulas práticas os participantes são desafiados a fazer cake design seja em cupcakes, cakepops, ou em bolos.
Refira-se ainda que a loja está aberta todos os dias, de segunda a sábado, das 10 às 19h.
As encomendas de bolos deverá ser feita com antecedência por forma a que o produto final idealizado pelo cliente seja alcançado.
Os adeptos de cake design podem acompanhar “Sweet Sugar” na rede social facebook.com/sweetsugardesign ou então pelo mail sweetsugar.cakedesign@gmail.com

Posted in A. da Gândara, Aguada de Baixo, Águeda, Aguim, Anadia, Ancas, Arcos, Avelãs de Caminho, Avelãs de Cima, Cantanhede, Fermentelos, Mealhada, Mogofores, Moita, Oiã, Óis do Bairro, Oliveira do Bairro, Palhaça, Paredes do Bairro, Por Terras da Bairrada, S. Lourenço Bairro, Sangalhos, Tamengos, Troviscal, V. Nova de Monsarros, Vagos, Vilarinho do Bairro Comentários

Vinho tinto “Principal” é um dos 10 melhores do mundo

Vinho tinto “Principal” é um dos 10 melhores do mundo

O vinho tinto Principal Grande Reserva 2009, produzido nas Colinas de São Lourenço, S.Lourenço do Bairro – Anadia, foi considerado um dos 10 melhores vinhos tintos do mundo.
A prestigiada revista italiana Spirito di Vino dedica as suas edições – Itália e Asia – do mês de dezembro, aos melhores vinhos tintos do mundo postos à venda em 2013. Esta classificação é elaborada por Luca Gardini, Campeão do Mundo de Sommeliers em 2010, que o considerou um “tinto surpreendente” que, no nariz, remete para os mais prestigiados vinhos da Toscana e, na boca, para os melhores vinhos de Bordéus.
No Top 10 of the World’s Best Reds, os melhores vinhos ficaram com as suas classificações situadas nos 98 pontos, separados apenas por algumas décimas.
O Principal Tinto Grande Reserva 2009 surge classificado no Top 10, com uma pontuação de 98,1 ex aequo com Petrus, a uma décima de Chateau Cheval Blanc, a 4 décimas de Domaine de la Romanée-Conti e a 7 décimas de Poggio di Sotto.
Sobre este vinho, Luca Gardini descreve: “o seu aroma revela um perfume de cereja e um toque cítrico, a evolução no copo aponta para ervas aromáticas como o manjericão e a salva, com notas finais de chocolate. No palato é atraente com taninos finos e longos, e uma frescura super agradável no final”.
Luca Gardini, que visitou também Portugal para provar vinhos das diversas regiões, e completar assim a sua meticulosa seleção dos 100 best red wines postos à venda no ano de 2013, para entre eles eleger o Top Ten.
Na Spirito diVino pode ler-se que se trata de “uma surpresa de um país cuja bandeira tem sido o vinho fortificado: um tinto no estilo de Bordéus, mas feito a partir de variedades de uvas autóctones”, referindo ainda que, o Principal Tinto Grande Reserva 2009 “lidera os vinhos do resto do mundo e simboliza a qualidade portuguesa.”
Este vinho foi ainda apresentado pela Spirito diVino na classificação do Top Outsider, como o Outsider dos Outsiders, uma revelação absoluta, atribuindo-lhe o 1.º lugar, e antecipa que para os próximos anos será um vinho que surpreenderá ainda mais.

Terroir Bairrada. Carlos Dias, Charmain do Grupo IDEALTOWER a que pertence a IDEALDRINKS, refere: “trata-se de um reconhecimento que me orgulha e que partilho, antes de mais, com todos os colaboradores das Colinas de São Lourenço, IDEALDRINKS, e em particular com Pascal Chatonnet, assim como com os viticultores da Região da Bairrada. Fico consciente, que é uma responsabilidade acrescida, e que o esforço que devemos desenvolver para sustentar e manter a qualidade dos nossos vinhos é importante. A IDEALDRINKS, apesar de ser um Grupo jovem, demonstrou que a sua aposta na Região da Bairrada e no potencial do seu Terroir é concludente.
Para o CEO da IDEALDRINKS, o enólogo Carlos Lucas, “o nosso consumidor não fica admirado porque conhece a enorme qualidade dos nossos vinhos, mas é sempre gratificante sermos reconhecidos mundialmente e podermos dar estas notícias aos nossos clientes. Temos bons vinhos e teremos com certeza grandes surpresas, com o lançamento de novas colheitas. Para quem ainda não provou o Principal Tinto Grande Reserva 2009, aconselho-o vivamente a fazê-lo”.

Posted in Águeda, Anadia, Cantanhede, Mealhada, Oliveira do Bairro, Por Terras da Bairrada, Vagos Comentários

Club de Ancas: Emotiva Noite de Fados em tributo a José Roberto

Club de Ancas: Emotiva Noite de Fados em tributo a José Roberto

O dia 13 de dezembro nunca foi um dia igual aos outros!
Foi sempre um dia muito especial… Dia do Aniversário do José Roberto! Este ano fez 41 anos!
No âmbito das comemorações da 12.ª Semana Cultural do Club de Ancas, associação pela qual José Roberto nutria um carinho muito especial, onde desenvolvia vários projetos em simultâneo e desempenhava as funções de coordenador do Núcleo Cultural, quis esta mesma Associação, juntamente com os seus familiares e amigos, prestar-lhe uma merecida e sentida homenagem! Uma grande Noite de Fados! … porque o Fado era um dos projetos em que ele se revia!
Grupos de Fado de que ele fazia parte, tais como: Tertúlia Bairradina, Baga Madura, Grupo de Fados de Aveiro, Grupo de Trovas e Serenatas e outros amigos, disseram: Presente! E cantaram… e encantaram… e o público amigo que enchia por completo, na noite da última sexta-feira, dia 13, o salão do Club escutava em silêncio, não escondendo a sua emoção…
E para que tudo fosse perfeito, não faltou a presença de um grande amigo seu, amigo de infância, que hoje tem responsabilidades como vice-presidente na Câmara Municipal de Anadia. Jorge Sampaio no seu breve discurso, disse duas coisas que não vamos esquecer tão cedo! Estava ali “para prestar duas homenagens”: uma, ao seu querido amigo Roberto, “como amigo de todo o sempre e como reconhecimento de toda a obra que no campo cultural realizou em tão curto espaço de tempo.” A outra homenagem era para o Club de Ancas “pela sua vertente cultural já tão apreciada e espalhada por toda a região”.
O Club de Ancas agradece o elogio. Estava a necessitar deste incentivo, depois da grande perda que sofreu. Jorge Sampaio comunicou ainda que ia agendar uma reunião com elementos da direção. Ficámos felizes! Foi uma prenda para o Club no dia de aniversário do Roberto!
Para todos quantos contribuíram e participaram neste Tributo, o Club de Ancas fica com uma imensa dívida de gratidão. Bem hajam!
Natália Seabra

Posted in A. da Gândara, Águeda, Aguim, Anadia, Ancas, Arcos, Avelãs de Caminho, Avelãs de Cima, Bustos, Cantanhede, Crime da Mamarrosa, Mamarrosa, Mealhada, Mogofores, Moita, Óis do Bairro, Palhaça, Paredes do Bairro, Por Terras da Bairrada, S. Lourenço Bairro, Sangalhos, Tamengos, Troviscal, V. Nova de Monsarros, Vagos, Vilarinho do Bairro Comentários

Pergunta da semana

Um estudo indica que mais de duas doses diárias de álcool por dia aceleram perda de memória. Qual o seu consumo habitual no dia a dia?

View Results

Loading ... Loading ...