Recortes.pt Leia no Recortes.pt

Arquivo | Vagos

Vagos/Sto António: Perda de mandato confirmada pelo Supremo

Vagos/Sto António: Perda de mandato confirmada pelo Supremo

Está confirmado: presidente e secretária da União de Freguesias de Vagos/Santo António perderam mesmo o mandato. A sanção consta do acórdão do Supremo Tribunal Administrativo (STA), datado de 30 de setembro último, face ao recurso, interposto pelos referidos autarcas, à decisão de perda de mandato, do Tribunal Central Administrativo (TCA) do Norte.
A sentença refere, concretamente, que “não é de admitir o recurso excecional de revista” interposto pelos arguidos. Contudo, tanto Fernando Julião como Maribel de Jesus, ainda podem recorrer para o Tribunal Constitucional (TC), com efeito suspensivo da pena aplicada.

Eduardo Jaques

Ler notícia completa na edição impressa ou digital do Jornal da Bairrada de 23 de outubro de 2014

Posted in Destaque, Por Terras da Bairrada, Vagos0 Comentários

GNR recupera peças de ouro furtadas por homem de 32 anos

A GNR, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Aveiro, deteve em flagrante, na semana passada, pelas 17h, em Ervedal, Vagos, um indivíduo que estava a furtar ouro de uma residência.
O suspeito de 32 anos, largamente referenciado por crimes do mesmo género nas zonas de Cantanhede e Vagos, estava na posse de vários objetos (fio, pulseira e um anel) no valor estimado de 500 euros, que foram recuperados pela GNR.

Posted in Por Terras da Bairrada, Vagos0 Comentários

Vagos: Contratação de técnica coloca oposição “em pé de guerra”

A reiterada necessidade, por parte do município, de contratar mais uma técnica da área de serviço social, causou algum “frisson” numa das últimas reuniões do executivo liderado por Silvério Regalado.
Discordando dos pressupostos apresentados, para a contratação, os vereadores da oposição (CDS e PS) chumbaram a proposta camarária, que apenas passaria com os votos da maioria “laranja”.
Em causa estava o serviço de assessoria de uma técnica, que ficará afeta à Comissão de Crianças e Jovens em Risco (CPCJ), onde acompanhará as dezenas de novos casos que vão surgindo.

Eduardo Jaques

Leia a notícia completa na edição impressa ou digital do JB de 9/10/2014

Posted in Por Terras da Bairrada, Vagos0 Comentários

Diocese de Aveiro recorda D. António Marcelino

No próximo dia 9 de outubro ocorre o primeiro aniversário da morte de D. António Baltasar Marcelino. Neste sentido, o Bispo D. António Moiteiro irá celebrar a Eucaristia na Sé, com início às 19h. Nesta memória, serão lembrados, em oração de sufrágio, todos os bispos, presbíteros e diáconos permanentes, já falecidos, que se dedicaram à pastoral na diocese, nos seminários, nas paróquias e nos diversos serviços e movimentos.
Pretende-se que o dia do aniversário da morte do último bispo de Aveiro seja um dia de memória agradecida, não apenas na Sé mas em todas as comunidades.

 

Posted in Águeda, Anadia, Aveiro, Cantanhede, Ílhavo, Mealhada, Oliveira do Bairro, Por Terras da Bairrada, Vagos0 Comentários

Incubadora da região de Aveiro com polo em Vagos

Aprovado, por unanimidade, na última reunião do executivo municipal, a assinatura do protocolo de cooperação, entre a câmara e o Núcleo Empresarial de Vagos (NEVA), abre portas, em definitivo, à implementação do polo de Vagos da incubadora de empresas da região de Aveiro.
A referida estrutura ficará localizada no edifício sede do NEVA, na zona industrial de Vagos, e, tanto quanto se sabe, já haverá “pelo menos” uma empresa interessada em aderir ao projeto, gerido pela Universidade de Aveiro e Comunidade Intermunicipal da Região de Aveiro.
Segundo Silvério Regalado, presidente da autarquia vaguense, trata-se de um projeto “interessante” para o concelho, numa altura em que estão a ser criadas condições para a fase de incubação. “Depois só teremos que continuar a criar as condições, para uma fase posterior, quando as empresas quiserem dar os seus próprios passos”, concretizou.
Eduardo Jaques/Colaborador

Leia a notícia completa na edição impressa ou digital do JB de 25 setembro 2014

Posted in Por Terras da Bairrada, Vagos0 Comentários

Vagos: Taxas ficam nos mínimos

A taxa do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) em Vagos é para manter. Estava em 0,3% (taxa mínima), para os prédios avaliados segundo os termos do Código do IMI, e assim vai permanecer em 2015. A deliberação camarária decidiu, ainda, não tocar nas taxas de derrama, mínima de 0.25% e normal de 1,25%.
No tocante às empresas sedeadas no parque empresarial de Soza, a Plafesa vai ficar isenta de IMI e derrama por mais cinco anos. Igual benefício para a RiaBlades quanto à isenção da derrama, com a promessa do IMI ser apenas analisado no próximo ano.
Em matéria de impostos, destaque, ainda, para devolução aos munícipes de 0,5% do valor de participação variável do IRS. A medida, aprovada pela maioria “laranja”, acabaria por gerar alguma controvérsia, por parte da oposição, com o CDS a votar contra e o PS a optar pela abstenção.
As propostas terão de ser agora aprovadas pela Assembleia Municipal.

Eduardo Jaques

Leia notícia completa na versão digital ou em papel do JB de 25 setembro 2014

Posted in Por Terras da Bairrada, Vagos0 Comentários

Sangalhos: Assunção Cristas inaugura sexta-feira “Encontro com Vinhos e Sabores – Bairrada” no Velódromo Nacional

É já amanhã, sexta-feira, que tem início o ‘Encontro com o Vinho e Sabores – Bairrada 2014’ (EVSB), evento que se prolonga até domingo no Centro de Alto Rendimento – Velódromo de Sangalhos, em Anadia. A inauguração é às 17h e vai contar com a presença, entre outras individualidades, da Ministra da Agricultura e do Mar. Assunção Cristas vai também marcar presença na entrega de prémios da 4.ª edição do ‘Concurso de Vinhos e Espumantes Bairrada’, às 19h30 do mesmo dia.
De recordar que este é um importante evento de promoção conjunta que tem como objectivo potenciar as fileiras da vinha, do vinho, da gastronomia e do turismo da região da grande Bairrada. O EVSB acontece pelo segundo ano consecutivo, sendo a organização da responsabilidade da Comissão Vitivinícola da Bairrada, da Turismo do Centro de Portugal e do Município de Anadia, e a produção a cargo da Revista de Vinhos.

Sessenta produtores com vinhos e sabores à prova

São 60 os produtores de vinhos e sabores da região que têm lugar marcado na 2.ª edição do ‘Encontro com o Vinho e Sabores – Bairrada’. O Velódromo de Sangalhos vai reunir uma mostra de produtos, de onde se destacam os espumantes, os vinhos (tintos, brancos e rosés), as aguardentes, as águas, o leitão da Bairrada, o pão da Mealhada, os ovos moles de Aveiro, os Amores da Curia, as queijadas de Águeda, o Folar de Vale de Ílhavo, entre muitos outros. Vai ainda haver espaço para a divulgação da oferta turística: enoturismo, turismo termal, hotelaria e restauração.
Este certame vai também ser palco de três provas comentadas de vinhos (informação abaixo) e de dois jantares temáticos harmonizados com vinhos e espumantes da região. e comentados pelo crítico gastronómico Fernando Melo. A abrir as hostes, o primeiro jantar é dedicado aos ‘Sabores do Mar’ e é da autoria d’O Rei dos Leitões (eleito pela Revista de Vinhos como o Melhor Restaurante de Cozinha Tradicional em 2013), embora servido no restaurante do Velódromo de Sangalhos. No mesmo espaço, mas no dia seguinte, é a vez do restaurante Mugasa dar cartas nos ‘Sabores da Terra’; o famoso e delicioso leitão da Bairrada não vai faltar!
A entrada na feira é gratuita, sendo que a prova de vinhos implica a aquisição de um copo – no valor de 3 euros ou de 2 euros para quem apresentar convite no acto da compra – com oferta de porta-copo. Os horários variam consoante os dias: das 17h00 às 22h00 na sexta-feira, dia 3; das 15h00 às 22h00 no Sábado, dia 4; e entre as 15h00 e as 20h00 no Domingo, dia 5.

Prova de vinhos míticos: “Os Bairrada que fizeram história – 1985 a 2011”

A monumentalidade e raça dos vinhos da Bairrada vai estar “à prova” no EVSB, com destaque para uma prova inédita – e já esgotada –, que se vai realizar no Sábado, dia 04, às 18h00, no Museu do Vinho Bairrada: são treze os escolhidos de entre os melhores vinhos feitos na região, entre as colheitas de 1985 e 2011. Néctares com história e estórias para contar, que vão surpreender pela sua autenticidade, carácter e identidade; e, no caso dos mais antigos, pela longevidade.
A prova ‘Os Bairrada que fizeram história – 1985 a 2011’ vai ser comentada pelo crítico e director da Revista de Vinhos, Luís Ramos Lopes, que selecionou um conjunto de vinhos raros e grandiosos, como os brancos ‘Frei João 1988’ e ‘Campolargo 2011’ (distinguido recentemente como o melhor branco no International Wine Challenge), ou os tintos ‘Sidónio de Sousa 1985’, ‘Casa de Saima Garrafeira 1990’, ‘Quinta das Bágeiras Garrafeira 1995’ e ‘Quinta do Ribeirinho Pé Franco 2011’, entre muitos outros de idêntico gabarito. Uma mostra de vinhos complexos – declaradamente com perfil fresco, equilibrado e elegante – e muito prazerosos, sobretudo à mesa, onde revelam elevado potencial gastronómico.
Estão ainda agendadas mais duas provas: ‘Bairrada de Excelência | Espumantes’ (sexta-feira às 18h00) e ‘Bairrada de Excelência | Brancos e Tintos’ (Domingo às 16h00), comentadas pelos críticos da Revista de Vinhos João Paulo Martins e Nuno Oliveira Garcia, respectivamente.

Mais de 100 vinhos postos à prova no ‘Concurso de Vinhos e Espumantes Bairrada’

Em paralelo ao evento, vai ter lugar a 4.ª edição do ‘Concurso de Vinhos e Espumantes Bairrada’, que vai por à prova de cerca de 20 jurados – entre críticos, jornalistas, escanções e comerciantes de vinho – mais de 100 vinhos, todos eles certificados pela Comissão Vitivinícola da Bairrada. Entre as categorias mais comuns, destaque para aquela que vai eleger o ‘Melhor Espumante de Baga’, a casta bandeira da região, que se destaca pela originalidade e versatilidade para produzir grandes vinhos tintos e frescos espumantes brancos e rosés.
As uvas que dão origem aos vinhos (DO – Denominação de Origem) Bairrada provêm de terrenos de argila, calcário e areia. A proximidade do mar oferece-lhes um clima Atlântico, com temperaturas moderadas, e as suaves colinas que caracterizam a região possibilitam diferentes tipos de exposição solar. Um blend perfeito para vinhos com um estilo muito próprio, uma personalidade fresca, vivaz e consistente. Os especialistas dizem que “beber um Bairrada é como colocar uma pedra de calcário na boca, tal é a frescura deixada por este vinho”.

INFORMAÇÕES ÚTEIS

Local: Centro de Alto Rendimento de Anadia – Velódromo Nacional | Rua Ivo Neves, 405 – Sangalhos
Data: 03 a 05 de Outubro
Horários: 17h00 às 22h00 (dia 03); 15h00 às 22h00 (dia 4); 15h00 às 20h00 (dia 05)
Entrada: gratuita
Copo: compra obrigatória para prova de vinhos | € 3,00 ou € 2,00 (com convite), com oferta de porta-copo

PROGRAMA

SEXTA-FEIRA | 03 OUTUBRO
17h00 Inauguração do ‘Encontro com o Vinho e Sabores – Bairrada 2014’ | Abertura da Feira
com a presença de Assunção Cristas, Ministra da Agricultura e do Mar
18h00 Prova de Vinhos ‘Bairrada de Excelência | Espumantes’
comentada pelo crítico João Paulo Martins (no Velódromo)
19h30 Entrega de Prémios do ‘Concurso de Vinhos e Espumantes Bairrada’ – por Assunção Cristas
20h00 Jantar Temático ‘Sabores do Mar’ pelo restaurante Rei dos Leitões
harmonizado com Espumantes e Vinhos da Bairrada pelo crítico Fernando Melo (no Velódromo)
22h00 Encerramento da Feira

SÁBADO | 04 OUTUBRO
15h00 Abertura da Feira
18h00 Prova de Vinhos ‘Os Bairrada Que Fizeram História – 1985 a 2011’
comentada pelo crítico Luís Lopes (no Museu do Vinho da Bairrada)
20h00 Jantar Temático ‘Sabores da Terra’ pelo restaurante Mugasa
harmonizado com Espumantes e Vinhos da Bairrada pelo crítico Fernando Melo (no Velódromo)
22h00 Encerramento da Feira

DOMINGO | 05 OUTUBRO
15h00 Abertura da Feira
16h00 Prova de Vinhos ‘Bairrada de Excelência | Brancos e Tintos’
comentada pelo crítico Nuno Oliveira Garcia (no Velódromo)
20h00 Encerramento da Feira

Posted in Águeda, Anadia, Aveiro, Cantanhede, Ílhavo, Mealhada, Por Terras da Bairrada, Região, Sangalhos, Vagos0 Comentários

EPADR faz 25 anos e abre valência de manutenção industrial

São 25 anos a potenciar o ensino profissional, no município de Vagos e na região. Sedeada na Gafanha da Boa Hora, a EPADR – Escola Profissional de Agricultura e Desenvolvimento Rural vai assinalar a efeméride, no decorrer de um jantar comemorativo. Apesar de não ter, por enquanto, data marcada, o diretor daquele estabelecimento de ensino, Fernando Santos, diz que pretende homenagear “todas as pessoas e instituições que estiveram na origem da escola e na sua evolução”.
No arranque do ano letivo 2014/2015, as atenções da escola estão viradas para a receção de uma nova valência, na área da manutenção industrial. Trata-se do centro “HassTec”, que vai funcionar em “sala específica”, e deverá estar apto a funcionar já a partir do mês de novembro.
“Uma mais-valia para a escola, potenciadora para os formandos”, considera Fernando Santos, confirmando que a referida valência permite “colaborar” com a comunidade empresarial de Vagos. Segundo aquele dirigente, a EPADR poderá vir a prestar serviços às empresas, evitando deste modo que “gastem milhares de euros em maquinaria, que depois raramente será utilizada”.
Com cerca de 350 alunos inscritos, a escola abriu este ano com os cursos profissionais de técnico de produção agrária, restauração (com a variante cozinha/pastelaria e restaurante/bar), técnico de gestão equina e de manutenção industrial. Destaque, ainda, para a abertura de um novo CET, curso de especialização tecnológica, na área de cuidados veterinários.
Quanto à criação de um centro de transformação, de apoio à área agrícola, o diretor da EPADR mostra-se, porventura, mais cauteloso. Em causa estarão, para além da complexidade da certificação e licenciamento do mesmo, alegadas “exigências financeiras” do projeto, refere Fernando Santos. Que não descarta a possibilidade do centro estar a funcionar no decorrer do ano letivo.

Eduardo Jaques/Colaborador

Posted in Por Terras da Bairrada, Vagos0 Comentários

Apreendido carro e material utilizado no forte do cobre

A GNR de Vagos apreendeu, na penúltima terça-feira, em Soza, Vagos, um carro utilizado por dois indivíduos que se dedicavam ao furto de material de cobre. Foi ainda apreendido algum cobre furtado e material utilizado para o corte de postes telefónicos, para consequente furto dos fios de cobre.
Segundo nota da GNR, os dois indivíduos encontrava-se a cortar postes em madeira pertencentes à PT comunicações, com o intuito de furtar os fios de cobre, tendo sido surpreendidos por uma patrulha do Posto Territorial da GNR de Vagos. Perante a presença dos militares, os indivíduos colocaram-se em fuga, tendo sido seguidos pela patrulha durante cerca de três quilómetros, local onde acabariam por abandonar a viatura onde seguiam, prosseguindo a fuga a pé em direção a Vale de Ílhavo, não tendo sido localizados.

Posted in Por Terras da Bairrada, Vagos0 Comentários

Vagos: Carlos Ferreira preside à Rádio Voz de Vagos

Eleito em lista única, por unanimidade, Carlos Ferreira já tomou posse como presidente da cooperativa Rádio Emissor de Santo António de Vagos. O ato eleitoral realizou-se, há dias, na Casa Gandareza, perante grande afluência de cooperantes, tendo os órgãos sociais sido votados separadamente.
Com Carlos Ferreira foram eleitos Manuel Pereira (vice-presidente), Silvério Capela (secretário) e João Julião (tesoureiro). Basílio Capela é relações públicas, e António Neves e Luís Julião são suplentes. Rosa Domingues preside à mesa da Assembleia Geral, enquanto José Manuel Rocha lidera o Conselho Fiscal.

Eduardo Jaques

Posted in Por Terras da Bairrada, Vagos0 Comentários

Ad Code

Pergunta da semana

Um estudo indica que mais de duas doses diárias de álcool por dia aceleram perda de memória. Qual o seu consumo habitual no dia a dia?

View Results

Loading ... Loading ...
Newsletter Powered By : XYZScripts.com