Recortes.pt Leia no Recortes.pt

Tag Archive | "bombeiros"

Cultura: Fernanda Vagueiro lança novo livro e presenteia Bombeiros de Ol. do Bairro


Foi com pompa e circunstância que Fernanda Vagueiro, natural do lugar do Montouro, freguesia de Covões, concelho de Cantanhede e a residir atualmente no Luxemburgo, apresentou, no passado sábado, no Quartel das Artes, em Oliveira do Bairro, o seu sexto livro, com o título “O Livro dos meus Sonhos inspirado por um grande amor”.
Trata-se de um livro de poemas inspirado por um grande amor e onde as crianças são a razão do seu viver. Nos últimos dez anos, escreveu e editou seis livros e, no cumprimento de uma promessa ao abrigo da sua fé, pelo sucesso alcançado aquando de várias intervenções cirúrgicas a que foi submetida, o produto da venda dos seus livros tem revertido sempre a favor das crianças desprotegidas.
Desta vez, resolveu entregar um cheque no valor de 1400 euros à Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Oliveira do Bairro para a compra de quatro monitores de sinais vitais. Trata-se de um equipamento portátil, que serve para avaliar as vítimas no local, medindo a tensão arterial, a frequência cardíaca e o oxigénio.
Depois da atuação do Grupo de Cantares “As Raízes da Nossa Terra”, da ADREP, Palhaça, seguiu-se a apresentação do livro.
Na ocasião, Fernanda Vagueiro, bastante emocionada, agradeceu à família, que esteve em peso, com particular destaque para as suas filhas, Cristina e Jaqueline, referindo que “a vida pode ser melhor se nós quisermos que ela o seja”, acrescentando serem as crianças a razão do seu viver.
A escritora bairradina diria ser esta “mais uma vitória. Agradeço a Deus o mérito de ser feliz de poder ajudar alguém. É isso que me faz feliz e por isso é que luto com todas as minhas forças”.
A filha, Cristina tem acompanhado o percurso da mãe. “É uma mulher que eu admiro e da qual me orgulho. Já sofreu muito, soube erguer-se e há dez anos a esta parte tem ajudado as crianças. É uma mulher de armas, sonhadora e que ainda não perdeu a esperança de amar. Os versos falam de amor, sonhos e esperanças. A minha mãe adora escrever e, antes de pensar nela, pensa na família.”
Da mesma forma, Jaqueline, a outra filha, diria, na ocasião, que “a mãe é única, é uma mulher lutadora. Pensa sempre em primeiro lugar na família, depois nela”.
Acácio Oliveira, fez a apresentação da autora. O dirigente da Shalom de Águeda conheceu Fernanda Vagueiro há dez anos e estabeleceram uma grande amizade. “As crianças são algo de muito especial, de mágico para ela. Neste período de tempo já ajudou com equipamentos ou donativos o Hospital Pediátrico de Coimbra, Instituto Português de Oncologia de Coimbra, Hospital de Aveiro, Rotary Clube de Oliveira do Bairro e Águeda, Bombeiros Voluntários de Oliveira do Bairro, Associação Baptista Shalom de Águeda, da qual faço parte, entre outros.”
Aquele interlocutor deu a conhecer que Fernanda Vagueiro desenvolve um trabalho com um grupo de 260 mulheres no Luxemburgo, vendendo produtos à porta da igreja.
A terminar, Alberto Nunes Cardoso, presidente da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Oliveira do Bairro, afirmou ter conhecido a escritora “há três dias e deu logo para perceber que era uma pessoa boa, com um grande sentido humanitário. O equipamento que nos oferece pode salvar vidas e é um grande valor que está a dar aos bombeiros”.

Manuel Zappa

Posted in Oliveira do Bairro, Por Terras da Bairrada Comentários

87.º aniversário dos Bombeiros da Mealhada marcado com homenagens e nova viatura


Os Bombeiros Voluntários da Mealhada celebraram 87 anos de atividade no dia 26 de julho e motivos de festa não faltaram para assinalar a data. A bênção de duas viaturas, o descerramento de duas galerias fotográficas, a atribuição de medalhas de assiduidade ao corpo ativo e discursos quase em uníssono, a alertar o Estado e as autarquias para a importância do trabalho dos voluntários e do devido apoio financeiro às associações humanitárias, dominaram a festa dos bombeiros mealhadenses.
A questão do financiamento dos bombeiros e o período de dificuldades pelo qual passam muitas corporações foi a tónica dominante dos discursos, com Jacinto Oliveira, da Federação dos Bombeiros do Distrito de Aveiro, a reconhecer que “o Estado português tem exigido muito e pouco tem dado aos bombeiros”.
José Gomes da Costa, da Liga dos Bombeiros Portugueses, defendeu igualmente uma intervenção junto da Associação Nacional de Municípios Portugueses e do Ministério da Administração Interna “para que haja uma uniformidade na questão dos subsídios a atribuir aos bombeiros para que possam pagar as suas despesas, pois os dirigentes das associações fazem autênticos milagres para gerir a casa”.
O presidente da Câmara da Mealhada, Rui Marqueiro, corroborou, comentando que “seria um desastre não haver voluntários” e vincou que “o município não tem problemas com as suas duas corporações”, pois “se mais razões não houvesse, há uma que é fundamental: quando há problemas os bombeiros são sempre os primeiros a chegar”.
A direção dos bombeiros aproveitou o aniversário para descerrar uma galeria à entrada do quartel com as fotografias dos três fundadores,  para além de uma outra, no salão nobre, com os retratos dos presidentes das assembleias-gerais. Já no exterior, foram benzidas duas viaturas, uma ambulância de transportes de doentes e uma viatura de combate a incêndios agora convertida em unidade de apoio e logística.
Aassociação condecorou 14 elementos do corpo ativo com medalhas de assiduidade numa cerimónia em que o comandante Nuno João, apesar de estar já em funções, viu a sua posse oficializada com a assinatura do Auto de Entrega, recebendo das mãos do presidente da direção, Nuno Canilho, a Carta de Missão.
João Paulo Teles

Leia a notícia completa na edição impressa ou digital do Jornal da Bairrada de 31 de julho de 2014

Posted in Destaque, Mealhada, Por Terras da Bairrada Comentários

Anadia: “Ser bombeiro por uma semana” ensina valores aos mais jovens


Chegou ao fim a atividade “Ser Bombeiro por uma semana”, realizada entre os dias 30 de junho e 4 de julho, pela Escola de Infantes e Cadetes do Corpo de Bombeiros Voluntários de Anadia.
Foi uma semana cheia de atividades, nas quais jovens entre os 6 e os 16 anos puderam experimentar vários exercícios e ações próximas da profissão de Bombeiro.
A discussão e a instrução de temas sérios foi feita sempre em ambiente de brincadeira e boa disposição. “Estamos certos que, nesta semana, todos os jovens partilharam os valores do altruísmo, ajuda ao próximo e responsabilidade e foram proporcionadas novas experiências e contacto com outros jovens”, avança a comandante Ana Matias.
Durante a semana, os jovens tiveram a oportunidade de assistir a sessões teóricas relativas aos temas “O voluntariado”, “A Floresta”, “Direitos e Deveres dos Bombeiros”, bem como a sessões práticas, tais como “Salvamento na água”, “Utilização de extintores”, “Salvamento em grande ângulo”, “AVC” e técnicas praticadas em emergência pré-hospitalar.
Foram feitas visitas ao CODU a Coimbra e com a colaboração do INEM – Coimbra realizou-se a montagem de um PMA (Posto Médico Avançado) e instrução de Suporte Básico de Vida.
A todos os jovens foi ensinado a “Ordem Unida”, conjunto de conhecimentos base, de modo a executar de forma correta os movimentos como a marcha, continência e a disciplina em termos similares à atividade militar.
Segundo ainda a comandante da corporação anadiense, as brincadeiras e o convívio estiveram presentes em vários jogos e caminhadas, assim como a corporação contou com o apoio da Câmara Municipal de Anadia “como parceira fundamental e sempre disponível nesta atividade e no apoio total das refeições e transportes necessários”.
A iniciativa contou igualmente com o apoio total da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Anadia.
“A reunião destes dois parceiros permitiu proporcionar aos participantes uma semana sem custos para os encarregados de educação e permitiu ainda a ocupação dos jovens em tempo de férias escolares”, acrescentou Ana Matias, acrescentando que “a semana não teria sido possível sem a presença e coordenação de todos os Bombeiros e funcionários da Câmara Municipal de Anadia (com funções de monitores) que estiveram presentes durante toda a semana e que foram incansáveis no apoio e ensinamento a todos os jovens.”
Uma experiência que classifica de “fantástica para quem esteve presente”, sendo certo que será para continuar num futuro próximo. “Por agora mantemos a Escola de Infantes e Cadetes com atividades ao longo do ano e que funciona aos sábados”, concluiu.

Posted in Anadia, Por Terras da Bairrada Comentários

Bombeiros Voluntários de Anadia: Emoções dominam tomada de posse


O salão nobre da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Anadia foi pequeno para acolher tão elevado número de dirigentes ligados aos Bombeiros e Proteção Civil do distrito de Aveiro, vereadores, deputados municipais, autarcas, familiares e amigos que, na tarde do último sábado, dia 31 de maio, assistiram à cerimónia da tomada de posse de Ana Margarida Matias, no cargo de comandante dos Bombeiros Voluntários de Anadia.

Qualidades e alertas. Mário Teixeira, presidente da direção da AHBVA, fez a caracterização da nova comandante, a quem reconhece “qualidades que garantem uma transição pacífica e harmoniosa”, todavia consciente das “dificuldades, arrelias e dissabores” que o cargo acarreta, mas que Ana Matias saberá enfrentar e responder, já que é “uma jovem dotada de forte personalidade, coração bondoso, capaz de estimular, animar, incentivar e ajudar os seus bombeiros”. Contudo, Mário Teixeira sabe que a comandante “jamais terá tréguas na sua vida profissional e pessoal” que irão sofrer uma “mudança radical”, mas congratula-se que, após oito décadas de história, a corporação tenha agora uma mulher no comando.
Em dia de festa, o presidente da direção não deixou de alertar para algumas preocupações relacionadas com dificuldades e carências de natureza material: ao nível das instalações que faltam ou necessitam de arranjo, viaturas, fardamentos, equipamentos de proteção individual, entre outros. A terminar, pediria ao corpo de bombeiros “postura, dedicação, disponibilidade”, mas também aos adjuntos de comando, chefes e subchefes “disponibilidade e que coadjuvem a comandante com todo o empenho, lealdade, honestidade, dedicação e, acima de tudo, com transparência de atitude”.

Cargo em memória dos que já partiram. Há 13 anos na corporação, Ana Matias falou com as emoções à flor da pele. Por mais do que uma vez, as lágrimas e o nervosismo falaram mais alto, não só por assumir um dos papéis mais importantes da sua vida, mas porque dedicou o cargo à memória do Professor Jorge Lourenço, do ISE Coimbra, “que formou muito mais do que engenheiros”, mas especialmente à sua mãe, “de quem herdei este espírito e que me formou enquanto pessoa”.
Nos bombeiros, diz ter já aprendido que “o correr cansa, o acordar custa, o que carrega pesa, e o que enerva desgasta”, perfeitamente consciente de que o cargo exige tanto de racional como de emocional. Aos presentes, revelou que aceitou o cargo, “não movida por qualquer interesse ou pretensão futura”, mas por “puro altruísmo”, ciente de que “conjugar a emoção e a resistência, o amor por nós próprios e o amor pelo próximo, é talvez a missão mais difícil que me espera. Não pelo trabalho que a possa envolver, mas pela proximidade do sucesso e do fracasso”.
Aos parceiros da corporação presentes, apelou a um efetivo apoio “para que possamos crescer”, enquanto que aos bombeiros da sua corporação pede apenas “que acreditem em mim como eu acredito em vocês.”

Desafios e conselhos. Na ocasião, também a edil anadiense Teresa Cardoso diria que o cargo, agora assumido por Ana Matias, será “um dos grandes desafios e também uma grande missão a juntar ao seu percurso de vida e à sua carreira profissional”. Por outro lado, não deixou de se congratular por “a nossa sociedade se manifestar sem discriminação, na assunção de cargos públicos ou de relevo, também por pessoas de diferentes géneros, prevalecendo a escolha no reconhecimento da competência, do profissionalismo, da responsabilidade, da disciplina ou do rigor nos compromissos que se assumem”, deixando ainda dois conselhos: “cabe-lhe a si incentivar e estimular estes operacionais que a saberão entender e responder com eficácia, empenho e dignidade” mas também “dosear o respeito, a disciplina e o rigor, que se exige a este corpo de bombeiros”.
Convicta de que o excelente relacionamento entre a Câmara Municipal e os Bombeiros vai continuar, avançou “pugnar pelo aprofundamento da cooperação com a corporação”, até porque, como é sabido, a Câmara Municipal continua a fazer um esforço para manter o apoio à corporação, garantindo a manutenção de alguma comparticipação financeira que permita assegurar o vencimento de alguns bombeiros, de seguros e ainda a permanência de um grupo de primeira intervenção.
Catarina Cerca

Posted in Anadia, Destaque, Por Terras da Bairrada Comentários

Jantar dos Bombeiros junta 400 convivas


Mais de 400 pessoas, no passado dia 17 de maio, sábado, marcaram encontro no Espaço Inovação para um Jantar inserido nas comemorações dos 40 anos da Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Oliveira do Bairro (AHBVOB).
Além de proporcionar uma excelente noite de convívio entre os presentes, permitiu uma atualização do posicionamento da Associação nos dias de hoje no concelho, e num âmbito mais alargado no Distrito de Aveiro, no que concerne aos seus recursos, à sua atividade, e às suas expectativas.
O Comandante da corporação oliveirense, Marco Maia, destacou os três veículos operacionais adquiridos desde o início do ano de 2013, totalizando um investimento total na ordem dos 350 mil euros, dos quais, sublinhou o presidente da direção da Associação, a parcela de 120 mil euros destinada ao investimento no mais recente num Veículo Tanque Tático Urbano que não beneficiou de qualquer comparticipação ou apoio financeiro.
O Presidente da Câmara Municipal enalteceu o trabalho que tem vindo a ser desenvolvido pelos atuais dirigentes da AHBVOB, comprometendo-se a levar à consideração do atual Governo Autárquico, os apelos que ultimamente têm sido endereçados à Câmara Municipal por parte da AHBVOB.

Posted in Oliveira do Bairro, Por Terras da Bairrada Comentários

Anadia: Comandante dos Bombeiros toma posse dia 31 de maio


Ana Margarida Matias vai tomar posse no cargo de comandante dos Bombeiros Voluntários de Anadia, no próximo dia 31 de maio, pelas 16h.
A cerimónia de tomada de posse terá o seguinte programa:
16h – Receção aos convidados
16h30 – Tomada de posse
18h – Lanche convívio

Posted in Anadia, Por Terras da Bairrada Comentários

Bombeiros de Anadia:Campanha publicitária para novos elementos dá a conhecer dia a dia no quartel


Já se encontra publicado no facebook da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Anadia o primeiro de um conjunto de quatro cartazes que pretendem dar a conhecer a corporação, mas também sensibilizar os jovens para esta forma de estar e de ser solidário.
Em março último, o JB esteve na corporação anadiense, no dia em que foi realizada a sessão fotográfica que serviu de suporte a este trabalho. Agora, os “modelos fotográficos”, todos bombeiros na corporação anadiense, tornaram-se efetivamente o rosto visível do dia a dia que se vive nesta Associação Humanitária.

Campanha publicitária. Numa altura de crise de valores e em que é cada vez mais necessário alertar consciências e motivar para uma vida cívica mais participada, esta campanha publicitária, realizada no âmbito de uma angariação de voluntários, pretende dar a conhecer as grandes áreas de atividade e valências dentro do quartel, sobretudo aos jovens.
No total, serão quatro os cartazes que vão difundir o slogan “Queres ser Bombeiro Voluntário?”.
“São quatro peças distintas alusivas à Saúde, Corpo de Intervenção, Central e um último trabalho com os mais velhos, os rostos mais conhecidos e que transmitem uma imagem de confiança e know how”, revelou a JB a comandante Ana Matias, aquando da realização da sessão fotográfica em março.
Para já está prevista a publicação semanal (via facebook), de novos cartazes que, posteriormente, serão impressos para dar corpo a outdoors e flyers, a distribuir nas escolas do concelho.
Foram vários os bombeiros que deram corpo ao manifesto nesta iniciativa inédita, com vista a angariar mais elementos para a corporação, não só bombeiros, mas também sócios para a Associação Humanitária dos Bombeiros de Anadia.
Os cartazes agora visíveis são o resultado do trabalho do conhecido fotógrafo anadiense, Pedro Nóbrega e o designer, Vítor Matias, também um filho do concelho, residente na Curia, irmão da comandante Ana Margarida Matias.

Catarina Cerca
catarina@jb.pt

Posted in Anadia, Por Terras da Bairrada Comentários

Simulacro testa meios de socorro de três corporações


Oliveira do Bairro, integrado nas comemorações do 40.º aniversário, realizaram, no domingo, um simulacro na antiga Cerâmica Barvel, situada na Murta, Oliveira do Bairro.
Os Bombeiros Voluntário de Oliveira do Bairro, Vagos e Albergaria-a-Velha efetuaram, no domingo à tarde, um simulacro que decorreu na antiga Cerâmica Barvel, com o objetivo de efetuarem um treino operacional e a interligação entre equipas de socorro.
O simulacro teve início pelas 15h, com uma explosão, seguida de incêndio industrial e, por fim, desabamento estrutural.
Segundo o Comandante da Corporação de Oliveira do Bairro, “este exercício, além de demonstrar as várias valências que os nossos bombeiros têm, permitiu trabalhar de forma integrada com outras corporações, nomeadamente Vagos e Albergaria-a-Velha, que fizeram parte ativa deste simulacro”.
Neste simulacro foi testada a capacidade de resposta, nomeadamente em caso de fogo urbano e industrial, escoramento e desobstrução, salvamento em altura e equipa cinotécnica no terreno.
Marco Maia refere ainda que é objetivo dos Bombeiros de Oliveira do Bairro fazerem um simulacro à escala distrital só na área de escoramento e desobstrução. “Trata-se de uma área em que apenas os nossos bombeiros, Vagos e Albergaria-a-Velha dispõem de equipas formadas, apesar de outras corporações terem elementos com formação”. “É ainda objetivo, futuro, formar uma equipa distrital que possa atuar a nível nacional e internacional”, referiu.

Posted in Oliveira do Bairro, Por Terras da Bairrada Comentários

Noite de Fados em prol dos Bombeiros Voluntários de Anadia


É já no próximo sábado, dia 10 de maio, que os Bombeiros Voluntários de Anadia realizam uma Grande Noite de Fados, para angariação de fundos.
É a partir das 20h, no Complexo Turístico Quinta dos 3 Pinheiros (Mealhada), com um jantar convívio entre os participantes, sendo o ponto alto o concerto de Fados de Coimbra, pelo grupo XYZ, às 22h.
Através desta atividade, a Associação Humanitária do concelho de Anadia espera angariar fundos indispensáveis para a manutenção e aquisição de material, úteis para o combate a incêndios, socorro a vítimas e transporte de doentes, entre outras situações.
Fazemos votos que a comunidade anadiense participe em massa nesta ação, pois os nossos bombeiros estão sempre prontos a ajudar quando é necessário, demonstrando muito empenho e competência.
Por estas e mais razões colabore com a Associação que está sempre a seu lado!
Paulo Cardoso

Posted in Anadia, Por Terras da Bairrada Comentários

Bombeiros realizam simulacro na antiga Barvel


Os Bombeiros de Oliveira do Bairro vão realizar um simulacro no próximo domingo, dia 11 de maio, na antiga Cerâmica Barvel, situada na Rua Principal da Murta, Oliveira do Bairro. O simulacro terá início às 15h, com uma explosão, seguida de incêndio industrial e, por fim, desabamento estrutural.
Os Bombeiros convidam a população a assistir a este exercício, com fim previsto para as 17h.

Posted in Oliveira do Bairro, Por Terras da Bairrada Comentários

Pergunta da semana

Vai a algum festival de verão este ano?

View Results

Loading ... Loading ...
Newsletter Powered By : XYZScripts.com