Recortes.pt Leia no Recortes.pt

Tag Archive | "Mealhada"

Novo Posto de Turismo e Loja promovem Maravilhas da Mealhada


O novo Posto de Turismo e Loja das 4 Maravilhas da Mealhada foi inaugurado na passada sexta-feira e já se encontra aberto ao público, diariamente, tendo como missão apoiar e fomentar o turismo no concelho, bem como divulgar a marca concelhia que reúne o pão, água, vinho e leitão.
Este novo equipamento, localizado junto ao Parque da Cidade, é um edifício construído de raiz, cujo investimento foi de 680 mil euros, apoiado por fundos comunitários. Na inauguração, o presidente da Câmara da Mealhada, Rui Marqueiro, acompanhado por Isabel Damasceno, em representação da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC), e por Filomena Pinheiro, da Turismo Centro de Portugal, destacou que este novo espaço “estabelece a ligação entre património natural e gastronómico do município” para além de “afirmar a marca 4 Maravilhas da Mealhada”.
Referindo-se à morosidade da obra e aos atrasos na justiça para a sua construção, nomeadamente com a aquisição de terrenos, o autarca exclamou que “tudo está bem quando acaba bem”, permitindo agora aos visitantes “obter toda a informação turística neste edifício, que acaba por ser uma extensão do Parque da Cidade”.
Recorrendo à mostra de produtos locais em exposição e a vídeos promocionais com ênfase para a Mata do Buçaco e outros atrativos locais, este moderno edifício é constituído pela sala principal de atendimento e receção ao público, gabinete, instalações sanitárias e arrumos. A sala principal focaliza a promoção e divulgação turística, com informação relativa ao património, hotelaria e riquezas naturais do concelho, mas tem também áreas específicas para as 4 Maravilhas da Mealhada. A água e o vinho têm mesmo uma área de venda, já o pão e o leitão, não sendo possível ter à venda, estão presentes em diversos materiais de merchandising e até em objetos de artesanato.
O Posto de Turismo está equipado com a mesa interativa da Aplicação Município de Mealhada. Nesta mesa, o visitante pode navegar pelo concelho através das diversas informações constantes na aplicação: da agenda cultural às notícias, da informação relativa às 4 Maravilhas, nomeadamente aos locais onde se podem adquirir e degustar, aos pontos de maior interesse turístico do concelho. Esta aplicação está disponível para smartphones (Android, IOS e Microsfot phone).
O Posto de Turismo tem horário de funcionamento das 9h às 18h, de segunda a sexta-feira, mantendo o mesmo horário ao fim de semana, com exceção da hora de almoço, que decorre entre as 13h e as 14h.
João Paulo Teles

Posted in Mealhada, Por Terras da BairradaComments (0)

Carnaval da Mealhada: temos bilhetes


O Jornal da Bairrada está a oferecer bilhetes para o Carnaval da Mealhada – desfiles de domingo e terça-feira. Ligue 234 740 390 e reserve já o seu!

Posted in Destaque, Mealhada, Por Terras da BairradaComments (0)

Obras na Ponte do Gameiro fazem prever caos no trânsito


ponte gameiro

A partir desta quinta-feira, estará encerrada ao trânsito a chamada Ponte do Gameiro, na entrada sul da Mealhada, que nos próximos dias será submetida a obras de reabilitação estrutural da passagem superior ao caminho-de-ferro, com a demolição e remoção do tabuleiro e substituição por um novo. As obras têm um prazo previsto de 80 dias e fazem antever complicações para o trânsito, especialmente nos festejos de Carnaval do próximo mês.
O principal eixo rodoviário da cidade da Mealhada, cujo encerramento estava previsto para o passado dia 11, será fechado ao trânsito a partir das 18h desta quinta-feira, dia 14. Os veículos serão desviados para poente desta estrada através da Rua do Grupo Desportivo e da antiga Nacional 234, que liga o centro da cidade (Rotunda do Cardal) à ligação à A1.
Esta obra, da responsabilidade da IP – Infraestruturas de Portugal, está a ser preparada há vários anos em coordenação com a Câmara para minimizar os efeitos deste corte de trânsito naquele importante troço, disse ao JB a vereadora Arminda Martins, sublinhando que a autarquia “acautelou com a IP a melhor forma de fazer a obra sem prejudicar os condutores nem a economia local”.
O trânsito, que será desviado entre as rotundas do Luso (a norte) e do Baco (a sul), tem algumas condicionantes, uma vez que na Rua da Várzea (antiga Nacional 234) há uma ponte com limite de peso inviabilizando a passagem de alguns veículos pesados, disponibilizando-se, no entanto, a Rua do Grupo Desportivo que fará esta ligação. O problema é que esta rua estará indisponível por altura do Carnaval, no decorrer dos dois desfiles, uma vez que circula praticamente no interior do Sambódromo Luís Marques.
Todas aquelas situações terão sido acauteladas nas reuniões entre a IP e a Câmara da Mealhada, a última das quais na passada segunda-feira, no sentido de minimizar o impacto destas mudanças ao longo de quase três meses. Arminda Martins considerou que esta situação “vai ser um transtorno grande para a população e para a economia local, mas fizemos tudo o que era possível para minimizar estes impactos. Queremos que a obra se faça no prazo previsto e teremos um técnico a acompanhar a obra monitorizando o seu desenvolvimento”, frisou, concluindo que “as duas partes estão empenhadas para que tudo corra bem, vai ser complicado mas a obra tem que ser feita”.
JPT

Posted in Mealhada, Por Terras da BairradaComments (0)

Câmara da Mealhada transfere 43 mil euros para cobertura do Mercado do Luso


A Câmara da Mealhada quer acabar com os graves problemas de infiltrações de água no Mercado do Luso e prevê que a situação fique resolvida no prazo de três meses. As garantias são do presidente da Câmara, Rui Marqueiro, e foram dadas no final da assinatura de um protocolo com a Junta de Freguesia do Luso, que prevê a transferência de cerca de 43 mil euros para esta autarquia com vista à reabilitação de toda a cobertura do referido espaço de comércio local.
“Vamos resolver um problema que carecia de intervenção urgente. Embora se trate de um espaço propriedade da Freguesia do Luso, cabendo legalmente a esta a competência de proceder à sua manutenção e gestão, a Câmara Municipal foi sensível ao pedido de ajuda da autarquia local, dos comerciantes e da população e decidiu pagar as obras, que serão agora administradas pela Junta”, esclareceu Rui Marqueiro, afirmando-se “muito satisfeito com a melhoria das condições de trabalho que serão oferecidas, após a conclusão da reabilitação do Mercado, aos lojistas”.
O presidente da Câmara da Mealhada considera que “este é um bom exemplo de como o entendimento entre Município e juntas de freguesia produz bons frutos no superior interesse das populações”.
O presidente da Junta do Luso, Claudemiro Semedo, após agradecer o apoio municipal, no montante de 42.975 euros, garantiu que “a nova cobertura do Mercado será colocada até final de março de 2016”. “São 12 comerciantes que não podem continuar a sofrer as consequências das infiltrações de água da chuva”, disse o autarca, lamentando que só o dono do talho já tenha mudado três vezes o teto falso do seu espaço comercial.

Posted in Mealhada, Por Terras da BairradaComments (0)

Mealhada: Câmara e Assembleia endurecem posição contra os maus cheiros


A Assembleia Municipal da Mealhada aprovou, na última sessão, as propostas da Câmara para indeferir os pedidos de duas empresas para o reconhecimento de interesse público para laborarem no concelho. Ao já conhecido braço-de-ferro com a empresa Alcides Branco, junta-se agora a Soacorgo, Lda, uma empresa da área agropecuária, instalada às portas da cidade. O Executivo chumbou e a Assembleia confirmou, por unanimidade, deixando cair as pretensões dos empresários, numa altura em que sobe de tom a luta contra os maus cheiros no concelho.
As empresas em causa pediam a emissão de certidão de Reconhecimento de Interesse Público Municipal na Regularização da Atividade Industrial, motivando a reação de Rui Marqueiro, presidente da Câmara, que na última reunião do executivo defendeu que a empresa Alcides Branco “não deve ter essa declaração de utilidade pública porque é um contrassenso, numa altura em que há um litígio judicial entre a Câmara e a empresa”, posição que o autarca reiterou na passada segunda-feira, em assembleia municipal, explicando que o empresário em causa está a desrespeitar o acordo feito em tribunal ao continuar a laborar e a produzir fumos e maus cheiros. “Aquele senhor passa a vida a incumprir o acordo e vai ser interpelado por isso, sabendo que depois de duas interpelações a providência cautelar terá efeitos e fechará a empresa”.
“Se permitirmos que esta fábrica continue nestas circunstâncias vamos destruir o Luso (…) para poupar 30 postos de trabalho podemos perder 300 no Luso, não tenho prazer nenhum nisto tudo, mas conheço bem aquele senhor e não deixa de ser curioso o fato de ele começar a queimar baganha logo que mudou o Governo”, acusou Rui Marqueiro.
Falando na questão da outra empresa que também pediu apoio municipal para o seu licenciamento – a Soacorgo – o presidente da Câmara considerou que “o ataque municipal à empresa Alcides Branco está mais adiantado que esta, está já em tribunal”, não rejeitando encetar “um combate semelhante, já na próxima reunião do executivo”.

Assembleia quase unânime no orçamento para 2016

A Assembleia Municipal da Mealhada aprovou o Orçamento e as Grandes Opções do Plano para 2016, em sessão extraordinária, na passada segunda-feira. Sem grande discussão, os documentos previsionais para o próximo ano passaram com a maioria dos votos, contando apenas com a abstenção dos dois elementos da CDU.
Os deputados da bancada da Coligação Juntos Pelo Concelho da Mealhada (JPCM) acabaram por votar favoravelmente, como já tinha acontecido em sede de executivo, reiterando os reparos feitos na altura ao executivo de maioria socialista, felicitado a criação de uma verba extra de 6.000 euros para a freguesia e por este orçamento “incluir algumas das propostas da coligação, que foram analisadas, apreciadas e que possam vir a ser executadas”, lembrou Luís Brandão (JPCM), acusando que “apesar destas situações, não há grandes novidades nos documentos nem grande imaginação, parecendo ser um orçamento de continuidade”.
Ideia bem diferente daquela teve a CDU, abstendo-se e apontando, em declaração de voto, que o executivo socialista fez “ouvidos de mercador às propostas da CDU ao abrigo do estatuto de oposição”.

João Paulo Teles

Posted in Mealhada, Por Terras da BairradaComments (0)

Câmara da Mealhada entrega 198 mil euros às associações do concelho


A Câmara Municipal da Mealhada entregou, na quarta-feira, dia 23 de dezembro, os subsídios às associações do concelho, num valor total de 197.908,09 euros. Os apoios financeiros destinam-se a 48 coletividades, mais concretamente, cinco associações juvenis, 13 desportivas e 30 culturais.

A cerimónia decorreu no Salão Nobre e contou com a presença do presidente da Câmara, Rui Marqueiro, do vice-presidente, Guilherme Duarte, e da maioria das coletividades que viram aprovada a sua candidatura aos apoios financeiros da autarquia. “Quero agradecer o vosso trabalho e a dedicação que todos os dias têm ao nosso concelho e dizer-vos que podem contar sempre connosco e com esta nossa pequena colaboração”, afirmou o presidente da Câmara, desejando a todos umas Boas Festas.

O Executivo Municipal apreciou as candidaturas apresentadas pelas associações culturais, juvenis e desportivas do concelho, de acordo com o regulamento vigente, e decidiu propor a atribuição de uma verba total de 197.908,09 euros, a ser distribuída da seguinte maneira: 7.981,92 euros para as associações juvenis, 114.999,97 euros para as associações desportivas e 74.926,20 euros para as associações culturais.

As propostas foram aprovadas, por unanimidade, nas reuniões de câmara de 16 de novembro (desportivas) e 7 de dezembro (culturais e juvenis) e na quarta-feira de manhã os subsídios foram entregues às coletividades. “Esta é uma pequena ajuda. Há algumas associações que têm receitas próprias, mas outras não têm qualquer outro meio de financiamento e nós temos o dever de não as deixar morrer, pelo bem que fazem ao concelho, pela sua disponibilidade e pelo seu voluntariado”, sublinhou ainda Rui Marqueiro.

Posted in Mealhada, Por Terras da BairradaComments (0)

Novo vinho tinto 4 Maravilhas em promoção até 5 de janeiro


A Câmara Municipal e a Associação Maravilhas da Mealhada estão a promover uma campanha lançamento do novo vinho tinto 4 Maravilhas da Mesa da Mealhada 2009, assinado pelo enólogo Anselmo Mendes e vencedor de uma grande medalha de ouro internacional, no concurso “La Selezione del Sindaco”. Até ao próximo dia 5 de janeiro, este vinho pode ser comprado ao preço unitário de 8 euros ou, em alternativa, a 22 euros uma caixa de três garrafas. O vinho pode ser adquirido no Arquivo Municipal da Mealhada, das 9h às 12h30 e das 13h30 às 17h dos dias úteis.

Este novo lote de vinho tinto 4 Maravilhas da Mesa da Mealhada foi criado a partir das melhores colheitas dos produtores do concelho e tem a assinatura do enólogo Anselmo Mendes.

Posted in Mealhada, Por Terras da BairradaComments (0)

Mealhada: Recolha Alimentar a favor de crianças carenciadas


A Roda Viva – Loja Social da Mealhada vai promover uma recolha alimentar, no próximo domingo, dia 13 de dezembro, entre as 9h e as 20h, no Intermarché da Mealhada, com o apoio desta superfície comercial, de alunos voluntários da Escola Profissional Vasconcellos Lebre e de voluntários da Loja Social. Uma ação dirigida a toda a comunidade, que tem como objetivo ajudar crianças e jovens beneficiários da Loja Social da Mealhada. A Roda Viva – Loja Social da Mealhada solicita, assim, que os bens alimentares entregues sejam adequados para crianças e jovens.

Posted in Mealhada, Por Terras da BairradaComments (0)

Luso: Ceia de Natal solidária dia 14 no Inatel


Uma ceia de Natal de cariz solidário vai ter lugar no próximo dia 14 de dezembro, segunda-feira, pelas 19h30, no INATEL do Luso. A iniciativa destina-se a cerca de 75 utentes da Roda Viva – Loja Social da Mealhada, que foram referenciados pelo Setor da Ação Social da autarquia. O evento é promovido pelo INATEL do Luso – que oferece o jantar – e conta com o apoio da Câmara Municipal da Mealhada. A noite promete ainda muita animação, com música ao vivo e baile programados das 22h até às 24h.

Posted in Mealhada, Por Terras da BairradaComments (0)

Bombeiros da Mealhada: Nuno Canilho é recandidato


O atual presidente da direção da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários da Mealhada desde janeiro de 2013, apresentou já a recandidatura ao cargo. Também Nuno Salgado e Bruno Peres apresentaram as respetivas recandidaturas à Assembleia-Geral e Conselho Fiscal.
As eleições para os bombeiros mealhadenses estão marcadas para 17 de dezembro próximo, não se vislumbrando outras listas candidatas. Nesta lista única, para a Mesa da Assembleia-Geral, Nuno Silva Salgado prossegue, então, como recandidato a presidente, continuando a contar com João Duarte Pega (vice-presidente), Fernando Parreira, que já havia desempenhado as funções de secretário da direção, é candidato a secretário da mesa da assembleia-geral. João Baptista Peres e Pedro Baía da Costa são suplentes deste órgão.
Para o Conselho Fiscal, recandidata-se Bruno Moreira Peres, como presidente, e Manuel Pereira Filipe, como relator, Bruno Pereira Coimbra candidata-se a vice-presidente do Conselho Fiscal. Delfim Pereira da Silva e Abílio Semedo, antigo presidente da direção, candidatam-se como suplentes do órgão fiscalizador da associação.
Na direção, recandidatam-se todos os elementos que compõem o órgão desde janeiro de 2013. A saber: Nuno Canilho, Nuno Leite Semedo (vice-presidente), Manuel de Andrade Vicente (secretário), Filipe Rosmaninho Costa (secretário adjunto), Carlos Castela (tesoureiro) e Nuno Timóteo, Paulo Júlio Costa, António Marrinhas e Ricardo Louzado (vogais).
João Paulo Teles

Posted in Mealhada, Por Terras da BairradaComments (0)

Pergunta da semana

Portugueses praticam cada vez mais exercício ao ar livre. É o seu caso?

View Results

Loading ... Loading ...
Newsletter Powered By : XYZScripts.com