Num programa que tem como cabeças de cartaz James Arthur (4 de agosto) e os Waterboys (31 de julho), além de uma incursão pelo universo de uma das bandas míticas dos anos 80 e 90 com a  Dire Straits Experience (28 de julho), a Expofacic propõe duas noites recheadas do que de melhor se produz ao nível da música de raiz africana. A 2 de agosto, sobem ao palco principal o consagrado Nelson Freitas e os sempre surpreendentes Calema, dois concertos que deixam antever uma forte adesão do público que tem alimentado o êxito destes artistas de sucesso em Portugal e além-fronteiras.
De Nelson Freitas espera-se uma atuação construída a partir da exploração de novas sonoridades que incorporam influências do rhythm & blues e do hip-hop, combinadas com zouk, kizomba e a música tradicional de Cabo Verde. Com carreira consolidada em Portugal e em vários outros países, o cantor, compositor e produtor de origem cabo-verdiana promete trazer à Expofacic os argumentos que fazem dele uma das maiores referências na fusão desses géneros musicais, num espetáculo em que não faltarão êxitos como “Bo tem Mel”, “Break of Down”, “Miúda Linda” e “Tu És a Mulher”, além das suas mais recentes produções discográficas.

 

Ler mais na edição impressa ou digital