As Caves São João, localizadas em S.João de Azenha (Sangalhos) estão a completar 90 anos de existência. Fundada em 1920 é, ainda hoje, uma empresa familiar vinícola – a mais antiga ainda em actividade no concelho de Anadia. A celebrar 90 anos de actividade, vai arrancar com um projecto de comemorações que culminará no ano de 2020, aquando do seu centenário.
Célia Alves, da administração da empresa, reconhece o peso de 90 anos, que considera ser “um mito para a empresa”, pois é caso inédito na Bairrada. “Noventa anos de história dá-nos sobretudo credibilidade e responsabilidade”, salienta.
Na verdade, a empresa tem-se mantido estável mesmo em períodos de convulsão económica e política, atravessando com sucesso novas metas, novas modas e novas tendências de mercado.
A a actual gerência (Fátima Flores, Célia Alves e Manuel José Costa) garante que a empresa conseguiu aprender com os erros e aproveitar os sucessos de modo a continuar estável e capaz de apostar no futuro. “Os momentos bons incentivaram-nos a continuar, os maus obrigaram-nos a reflectir e procurar outros caminhos. Todos eles foram, de certo modo, motivos para aperfeiçoamento”, admite Célia Alves, que destaca ainda, como principal segredo para “resistir” tantos anos no mercado, o facto das Caves se manterem fiéis ao ideal que lhes deu origem. “Muitas vezes é necessário refundar a empresa regressando às origens. Tentando manter-se sempre actualizada em relação à evolução das tendências de mercado e sobretudo do consumo. Respeitando sempre os consumidores, nunca lhes oferecendo produtos de menor qualidade. A honestidade e seriedade são dois factores essenciais”, acrescenta.

Lançamento de novo vinho assinala 90 anos. Agora, as Caves São João vão proceder à edição de uma série de garrafas de um vinho de elevada qualidade, cuja imagem reflectirá um acontecimento importante para a humanidade, ocorrido em cada uma das 10 décadas, iniciadas em 1920 e que terminarão em 2020.
Uma iniciativa que dará possibilidade aos enófilos de iniciar uma colecção que será apreciada e valorizada pelos vindouros.
Desta forma, a empresa vai lançar, no próximo dia 10 de Julho (sábado, pelas 16h, no Museu do Vinho Bairrada, em Anadia, um novo vinho Caves São João Reserva 2007 – 90 anos de História. “Elegeu-se este vinho pelo facto de com ele se pretender relembrar o primeiro vinho tinto engarrafado pelas Caves, um lote dos nossos melhores Dão e Bairrada. Esta referência é mítica para muitos enófilos no nosso país e pelo mundo fora”, refere a administradora. Uma iniciativa aliada à inauguração da exposição Golden Ages – Tributo ao Vinho, patente naquele espaço museológico até Novembro.

Avultados investimentos. Actualmente, as Caves têm vindo a efectuar avultados investimentos, que permitiram apetrechá-la com as mais modernas tecnologias de vinificação. Hoje, os vinhos das Caves São João foram sempre ícones no mercado. Em cada momento tentaram sempre ser vinhos de referência. Foram e são vinhos clássicos, elegantes, sem contudo nunca se descorar o gosto do consumidor contemporâneo. Actualmente a empresa exporta para Alemanha, Brasil, Macau, Inglaterra, Estados Unidos, Bélgica, Luxemburgo.

Catarina Cerca