A Bairrada regista esta segunda-feira 539 casos de infeção pelo novo coronavírus desde o início da pandemia (mais 24 do que no passado dia 21 de setembro), segundo os dados do boletim epidemiológico diário da Direção-Geral da Saúde (DGS) e de outras autoridades de saúde e autarquias.

Cantanhede passa a ser o concelho bairradino com mais casos registados desde o início da pandemia, com 146 (mais 14 do que em 21 de setembro), segue-se Águeda que tem agora um total de 145 casos (mais 4). Oliveira do Bairro tem 104 e Anadia passa a ter 71 (mais 2). Vagos tem agora 42 (mais três) e Mealhada passa para 31 (mais 2). Recorde-se que estes números são referentes a casos de infeção desde o início da pandemia e não casos ativos.

De referir que em Cantanhede registaram-se 56 novos casos nos últimos 30 dias.

No país, as últimas 24 horas trouxeram mais quatro mortes devido a complicações associadas à Covid-19: três na região Norte e uma na zona de Lisboa e Vale do Tejo. No total, já são 1.957 os óbitos associados à pandemia.

Já o número de novos casos sofreu uma diminuição face à evolução dos últimos dias, tendo sido registados desde ontem, domingo, 425 casos de infeção pelo novo coronavírus. O total de casos confirmados passaram a barreira dos 74 mil, estando nos 74.029.

Há 659 doentes internados em hospitais (mais 24 do que ontem), dos quais quais 98 em cuidados intensivos (mais nove).

O balanço diário da Direção-Geral da Saúde (DGS) indica ainda 237 recuperações desde ontem, elevando o total para 47.884.