Há dez anos que a Bairrada não tinha uma partida ou chegada da Volta a Portugal em Bicicleta. A proeza, em tempo de pandemia, vai por inteiro para a Câmara Municipal de Águeda, que fez com que a 5.ª etapa iniciada em Oliveira do Hospital (partida real em Nogueira do Cravo) tivesse o seu final na cidade de Águeda, com meta instalada na Av. Calouste Gulbenkian.

Grande parte dos 176,3kms percorridos e que teve como vencedor Daniel Mclay (Team Arkéa-Samsic) passou por várias cidades, vilas e aldeias da Bairrada.

E apesar das restrições impostas pela DGS por causa do Covid-19, do mau tempo (chuva, vento e frio), e mesmo tratando-se de um dia de trabalho, o povo, amante do ciclismo, saiu à rua para saudar a passagem dos ciclistas.

A multidão começou a notar-se na Mealhada, mas foi em frente aos Paços do Concelho da Câmara Municipal de Cantanhede, que o público, muitos munidos com as cores do FC Porto, mais vibraram com a passagem do pelotão. Mira também disse presente, tal como Poutena, Vilarinho do Bairro, Mogofores, Sangalhos, onde estava instalada uma meta volante, Oliveira do Bairro e, por fim, nos últimos quilómetros até à chegada dos ciclistas a Águeda.

Bonito de se ver foi também a muita juventude que assistiu à beira da estrada.

Reportagem completa na edição de 8 de outubro do Jornal da Bairrada