A taxa do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) em Vagos é para manter. Estava em 0,3% (taxa mínima), para os prédios avaliados segundo os termos do Código do IMI, e assim vai permanecer em 2015. A deliberação camarária decidiu, ainda, não tocar nas taxas de derrama, mínima de 0.25% e normal de 1,25%.
No tocante às empresas sedeadas no parque empresarial de Soza, a Plafesa vai ficar isenta de IMI e derrama por mais cinco anos. Igual benefício para a RiaBlades quanto à isenção da derrama, com a promessa do IMI ser apenas analisado no próximo ano.
Em matéria de impostos, destaque, ainda, para devolução aos munícipes de 0,5% do valor de participação variável do IRS. A medida, aprovada pela maioria “laranja”, acabaria por gerar alguma controvérsia, por parte da oposição, com o CDS a votar contra e o PS a optar pela abstenção.
As propostas terão de ser agora aprovadas pela Assembleia Municipal.

Eduardo Jaques

Leia notícia completa na versão digital ou em papel do JB de 25 setembro 2014