Num ano marcado pelo regresso de uma escola a poente, pelo regulamento do apoio às associações e por investimentos para o desenvolvimento das zonas industriais, este arranque de mandato é visto pelo presidente da Câmara como positivo. Mais ainda tendo em conta a situação financeira que diz ter herdado do anterior executivo. Duarte Novo fala do futuro com mais cultura e economia e divide a oposição em dois grupos. 

Entrevista para ler na edição de 20 de dezembro do Jornal da Bairrada.