Depois do sucesso da primeira edição (com mais de seis mil visitantes), o Velódromo Nacional, em Sangalhos, recebe, de 5 a 7 de abril, a 2.ª edição do Sweet Sugar Festival. Um festival de pastelaria e cake design, aberto ao público, este ano subordinado à temática ‘Arte e História’.
“Arte e História é um tema tão vasto que acredito, à semelhança da primeira edição com o tema ‘Fantasia para fazer Sonhar’, irá proporcionar trabalhos surpreendentes e ver retratados quadros que todos tão bem conhecemos num registo diferente”, avança Lúcia Rosa, mentora e principal dinamizadora do evento.
Nesta edição a organização coloca a fasquia bem alta e o evento poderá receber o dobro dos visitantes. Por isso, Lúcia Rosa garante que a inovação será uma constante e os visitantes ficarão surpreendidos com as inúmeras atividades e dinâmicas que durante o final de semana vão acontecer naquele espaço, onde estarão presentes os mais conceituados cake designers de Portugal.
“O Sweet Sugar Festival pretende dar a conhecer o que de melhor se faz em Portugal em cake design, pastelaria e festas que começam a chegar ao mercado nacional (mesas temáticas, sweet tables)”, sublinha. Existirão demonstrações, workshops e concursos ao vivo. “Temos tão bons profissionais de cake design em Portugal, mas que tinham de ir a concursos estrangeiros para serem reconhecidos lá fora pois não havia forma de, no seu país, conseguirem demonstrar o que são capazes de fazer”, explica.
A abertura do certame terá lugar dia 5, às 11h. 
Lúcia Rosa, enfermeira e mentora do Festival, destaca ainda o apoio da Câmara Municipal de Anadia e sem o qual seria impossível trazer para o concelho um evento desta dimensão: “já tive alguma pressão para realizar este evento em Lisboa ou no Porto, mas sendo de cá e defensora da região e da minha terra fico triste quando tudo tem que acontecer nos grandes centros, por isso, esta aposta em trazer o único evento do género realizado no país à região centro. A Câmara de Anadia tem sido um parceiro imprescindível.” 
Aberto ao público em geral e a profissionais, aqui o visitante poderá ainda encontrar alguns doces típicos da região, numa iniciativa inédita. Assim, os Amores da Curia, os Fanecos, os Bairradinos, de Anadia e as Bateiras do Cértima, de Oliveira do Bairro vão estar em grande divulgação e à venda, para além de estarem presentes cerca de três dezenas de expositores (pastelarias, escolas de hotelaria, vestuário, utensílios de cozinha, bombons, marcas de chocolate).
1.º “Anadia Bakery Challenge”
 
 
Ler mais na edição impressa ou digital