Depois da insatisfação demonstrada por alguns populares quanto ao abate de árvores na Rua Cândido dos Reis, no dia de ontem, a Câmara de Oliveira do Bairro veio esclarecer, numa nota de imprensa, nesta sexta-feira, que o projeto de requalificação que está a avançar prevê a duplicação do número de árvores, aumentar os lugares de estacionamento e melhorar as condições para peões

A autarquia lembra que a requalificação da Rua Cândido dos Reis avançou para o último troço da empreitada, num projeto que vai “duplicar o número de árvores e aumentar significativamente a quantidade de lugares de estacionamento, assim como ampliar e melhorar as condições da área pedonal”.

E refere que o aumento da vegetação arbórea será mesmo uma das mais valias do projeto, para além da beneficiação da circulação pedonal e da melhoria do espaço público, “para que as pessoas possam usufruir com qualidade, conforto e segurança. Destaque para o ‘corredor verde’, entre o restaurante Pataco e a nova rotunda junto à Escola de Condução, com árvores de ambos os lados da via, trazendo evidentes benefícios a nível ambiental e paisagístico”, acrescenta a mesma nota. 

A Câmara de Oliveira do Bairro refere ainda, “como outra grande vantagem do projeto”, o aumento “significativo” do número de lugares de estacionamento, que vão ultrapassar os 70, a que se acrescentam três lugares para pessoas com mobilidade condicionada, que não existem atualmente.

Ao abrigo desta requalificação, “em fase bastante avançada” está a construção de uma rotunda, junto à Escola de Condução, que vai melhorar o fluxo rodoviário de acesso à EB 2.3 Dr. Acácio de Azevedo e à Santa Casa da Misericórdia de Oliveira do Bairro, que ficará pronta a tempo do início do ano letivo. A intervenção global ficará concluída entre finais do mês de setembro e inícios de outubro, diz a autarquia.

Esta intervenção, numa extensão de 400m, entre a Igreja Matriz e a Santa Casa da Misericórdia de Oliveira do Bairro, faz parte do projeto que integra a prioridade/ação P02 – Reabilitação do Espaço Público da Rua Cândido dos Reis, do Plano de Ação de Regeneração Urbana (PARU), que se localiza numa zona nevrálgica da cidade de Oliveira do Bairro, fazendo parte do esquema rodoviário e pedonal desta centralidade.

Neste comunicado, a Câmara lembra que para informar os moradores, responder às suas perguntas e recolher sugestões, o Executivo realizou duas sessões de esclarecimento, nos dias 12 de abril e 15 de julho, dando conta do início dos trabalhos em cada fase da intervenção.