O Campeonato Europeu da modalidade, esta época, foi realizado pela Federação Espanhola e decorreu em Punta Umbría (Huelva), com início no dia 6 de março com a festa de abertura.
No sábado, dia 7, realizou-se o Campeonato da Europa de Distância Sprint de Grupos de Idade, com “roda” permitida, que inclui as distâncias de 5km de corrida, 20km de ciclismo e 2,5km na corrida final.
No domingo, dia 8, teve lugar o Campeonato da Europa Standard de Duatlo de Grupos de Idade com as distâncias de 10km de corrida, 40km de ciclismo e 5km na última corrida, sem “roda” permitida.

 

A cerimónia de encerramento e entrega de medalhas de Grupos de Idade e Paratriatlo ocorreu também neste último dia.
Estiveram presentes atletas de toda a Europa, num total de mais de 500, com especial destaque para os espanhóis e britânicos.

O DAR-Recardães com apenas dois atletas veteranos – Vasco Micaelo, escalão 70/74 anos e Victor Campos, escalão 65/69, pois dada a distância e o calendário de provas, que obrigava a viajar na sexta-feira, não permitiu que outros atletas do clube se deslocassem ao campeonato.

O bairradino Vasco Micaelo, natural de Bustos, competiu na prova sprint, onde competiram 12 atletas do escalão, sendo o melhor português, com o tempo total de 1h12:25, apenas superado por um atleta espanhol, sagrando-se assim vice-campeão europeu.

Victor Campos competiu igualmente na prova sprint, que contou com a presença de 25 atletas no escalão, sendo o segundo melhor português, com o tempo total de 1h16:13 e 10.º do escalão. Competiu também na prova standard, sendo o terceiro melhor português, com o tempo total de 2h35:16 e 12.º do escalão.

Os atletas do DAR aproveitam para agradecer o apoio dos seus “sponsers” e muito especialmente à Câmara Municipal de Águeda, sem os quais não seria possível a sua deslocação.
De realçar neste tipo de campeonato é que o nível competitivo nada tem a ver com as provas nacionais e regionais, onde os atletas em causa facilmente ganham nos seus escalões. A prová-lo está o facto de mesmo os atletas jovens lusos não terem conseguido nestes campeonatos europeus quaisquer lugares de relevo, com exceção para a Rita Pereira do Boavista, que conseguiu um terceiro lugar.
 
Victor Campos iniciou a época a vencer
Antes do Campeonato Europeu de Duatlo, o DAR-Recardães participou com Victor Campos no Powerman Portugal. E o bairradino voltou a estar em plano de destaque.
Mafra recebeu, pela primeira vez, aquela competição, um evento que contou com a parceria da Federação de Triatlo de Portugal e da ETU Powerman, que organiza o circuito internacional da modalidade. Esta prova apurou os atletas nacionais que irão participar no Campeonato da Europa a 17 de abril em Vigord (Alemanha).
Esta prova de duatlo internacional contou com cerca de 450 atletas de 16 nacionalidades. Participantes de toda a Europa, e também do Japão, Austrália e América do Sul, marcaram presença neste evento, que incluiu três segmentos e duas distâncias: média com 10km de corrida, 60km de ciclismo e 10km de corrida e sprint com 5km de corrida, 30km de ciclismo e 5km de corrida.

 
Em simultâneo a FTP organizou o Campeonato Nacional de Duatlo Longo, na maior das distâncias, já que se encontrava presente a maioria dos atletas federados nesta modalidade.

Victor Campos foi o único atleta do DAR-Recardães a participar, já que a maioria dos atletas do clube não estava disponível para fazer esta competição, realizada muito no início da época.

O Darense concluiu a prova mais longa (10+60+10) em 4h20:02, tornando-se, assim, Campeão Nacional da modalidade no escalão de 65-69 anos, apurando, igualmente, para o Campeonato da Europa.