O projeto ‘Bam•bu Bicycles’, criado pelas mãos de dois jovens irmãos (Joana e Tiago Saavedra, da Curia-Anadia) integra o lote de 21 projetos finalistas à 10.ª edição do Concurso Montepio Acredita Portugal. Uma iniciativa que visa reconhecer projetos nas áreas do empreendedorismo social, mobilidade, sustentabilidade, tecnologia, inovação, novos produtos e educação, que este ano recebeu 10.600 candidaturas.
Os finalistas distribuem-se por sete categorias e os 21 projetos estão a passar por um Programa de Aceleração, Masterclasses na área do Empreendedorismo e Inovação e Sessões de Mentoria co-organizado com a Cron.Studio, tendo ainda acesso à Rede de Mentores da Acredita Portugal.
O projeto das bicicletas de bambu concorre na Categoria Brisa Mobilidade 2020.

Inovação e
sustentabilidade
Recorde-se que o projeto começou a ser desenvolvido na China, em 2018, quando os irmãos Joana e Tiago descobriram e se apaixonaram por este meio de transporte único, mas também pela beleza do seu design e leveza.
As bicicletas são construídas com materiais sustentáveis, sendo o quadro inteiramente de bambu, reduzindo a pegada de carbono.
Como explicou Joana Saavedra, “o bambu é um material leve e resistente, mais robusto do que os quadros de carbono”. Por outro lado, sublinha que os dois primeiros modelos que vão estar disponíveis podem ser personalizados e o seu design, bastante apelativo.

Ler mais na edição impressa ou digital