Acaba de sair para o mercado e já está a dar que falar ao ter conquistado uma medalha de prata no Concurso Internacional de Espumantes Brut Experience, que contou com a presença de 112 amostras de espumantes brutos de origem portuguesa, francesa, belga e moldava.

“É o nosso primeiro espumante, o nosso primeiro concurso e a nossa primeira medalha”, explica Ramiro Areias, mentor do projeto Legado do Areias.

Técnico do INEM e com formação em Química, aos 38 anos, Ramiro Areias está determinado em dar notoriedade ao legado do seu bisavô que, tal como o seu avô e pai, foram homens que sempre estiveram ligados à terra.

Foi na Silveira, no concelho de Oliveira do Bairro, que visitamos a pequena adega familiar mas também as vinhas que nesta altura mais parecem um jardim.

Siga esta viagem na edição impressa de 13 de agosto ou então aqui.