Devido à pandemia da Covid-19 e à opção da Federação Portuguesa de Atletismo (FPA) de realizar os diversos campeonatos nacionais de atletismo de 2020 de forma descentralizada por todo o território nacional, não foi possível, no dia das competições, realizar as merecidas cerimónias protocolares de entrega de medalhas aos 3 primeiros classificados de cada escalão. Ciente da importância deste momento solene, principalmente nos escalões de formação, a FPA, com o apoio da Associação de Atletismo de Aveiro, aproveitou a realização em Vagos, no passado sábado, de um dos grupos de competição da Final do Campeonato Nacional de Clubes para proceder à entrega das medalhas aos atletas do distrito que deveriam ter subido ao pódio nos respetivos campeonatos nacionais.

O jovem lançador da ADREP Tiago Nunes (na foto) foi um dos atletas em maior evidência, subindo por 3 ocasiões ao pódio, para receber das mãos do Diretor Técnico Nacional, Prof. José Santos, das duas medalhas de ouro das provas de lançamento do disco dos campeonatos nacionais de sub-18 (juvenis) e de sub-20 (juniores), e ainda a medalha de prata da prova de lançamento do peso do campeonato nacional de sub-18, competições realizadas nos dias 1 e 2 de agosto.

ADREP em 8.º na final do Campeonato Nacional de Clubes da 2.ª Divisão

A equipa de atletismo da ADREP marcou presença em mais uma final do Campeonato Nacional de Clubes, realizada no passado sábado de forma descentralizada por 6 locais distintos de competição, devido às medidas de contingência da pandemia. A ADREP apresentou-se em competição com uma equipa com bastantes limitações, devido a algumas lesões e a impedimentos profissionais. No final da competição, a equipa da Palhaça terminou no 8.º posto, com 34,5 pontos, numa classificação dominada pelo Grupo de Atletismo de Fátima.

Individualmente, destaque para Carolina Ribeiro, com a jovem juvenil a conquistar a 3.ª melhor marca desta fase final ao nível da 2.ª Divisão, com 4,56 minutos, o seu melhor registo da temporada. Perto do “pódio” esteve Maria João Rodrigues, com a atleta da ADREP a lançar o martelo de 4kg a 37,16 metros, registo que lhe valeu o 4.º posto, a mesma classificação alcançada pela varista júnior Francisca Reis, com 2,30 metros e pela juvenil Alice Finisterra nos 100m, com 13,20 segundos.

Ainda a recuperar da queda sofrida no campeonato nacional de sub-20, a meio-fundista juvenil Vânia Pinhal participou na prova de 800m, terminando no 5.º posto com 2,30 minutos. Micaela Nascimento, ainda júnior, foi 6.ª nos 200m com 28,61 segundos, enquanto que Inês Fernandes, também júnior, foi 7.ª nos 400m com 68,19 segundos. A saltadora Joana Santos foi igualmente 7.ª no salto em comprimento com 4,73 metros, a mesma classificação alcançada pela júnior Beatriz Santos na prova de 100m barreiras, com 17,96 segundos, com a atleta da ADREP a ser ainda 8.ª no triplo salto, com um registo de 10,31 metros.