Uma bombeira da corporação de Cantanhede, da secção da Tocha, testou positivo à Covid-19. Nas próximas segunda e terça-feira, 50 bombeiros e funcionários, de entre os 120 da corporação, serão testados, adiantou o presidente da direção dos Bombeiros de Cantanhede ao JB.

Adérito Machado referiu que “a interação desta Bombeira foi exterior à secção. É uma situação que devemos encarar com naturalidade pois, de entre mais de 120 pessoas, temos este caso agora, depois de seis extenuantes meses”.

Dirigindo-se aos que utilizam os transportes dos Bombeiros de Cantanhede, o presidente da instituição frisa que “podem ter a total garantia de que estão entregues em boas mãos”. É que, “para além da natural esterilização através do meio ultravioleta que utilizamos há meses, os Bombeiros atuam hoje e continuarão a atuar sempre, como até agora o fizeram: com enorme preocupação em garantir a máxima segurança na relação com os utentes”.

De acordo ainda com Adérito Machado, estarão já a ser contactadas pela delegada de saúde as pessoas com quem a Bombeira em causa se relacionou por estes dias. O presidente destaca “a rapidez com que as autoridades estão envolvidas, desde a primeira hora, para estancar rapidamente a situação evitando, desta forma que este, que é apenas um caso, se pudesse alastrar”.