Arrancou no dia 2 de outubro, em Vagos, mais uma edição do Mês Sénior. O programa foi reajustado às condicionantes atuais no âmbito da pandemia Covid-19 sem perder a diversidade e qualidade de atividades especialmente programadas para o público sénior.

No dia 16 de outubro, às 14h30, está prevista a realização de um workshop com o tema “Quantas perdas cabem numa Vida?” no Auditório da Biblioteca Municipal João Grave.

No dia 23 de outubro, no mesmo local, e também da parte da tarde (14h-18h), a conferência “NEver2Late” pretende despertar os superpoderes de todos para que estes possam ser desenvolvidos, fortalecidos e aperfeiçoados ao longo da vida, transformando a passagem do tempo num envelhecimento livre de estereótipos, barreiras e preconceitos.

Este ano, o Mês Sénior integra, também, uma formação certificada dirigida a profissionais da área social e que se realiza no dia 29 de outubro durante todo o dia, com início às 10h30, no Auditório da Biblioteca Municipal João Grave. Com o tema “Sharing is caring”, a presente formação abordará a comunicação como o veículo imprescindível para realizar a ligação entre pessoas e instituições e concretizar a missão de cada instituição.

Estas atividades presenciais estão limitadas a 13 participantes, por cada ação, sendo necessário a respetiva inscrição através do email acao.social@cm-vagos.pt ou por telefone: 924463307.

Mais três ações

Ao longo de todo o mês foram, ainda, programadas três ações “Viajar na Memória”, “Mezinhas e Cabelos Brancos” e “Voz, canta baixinho!”.

A ação “Viajar na Memória” vai avivar as memórias de viagens. A Câmara convida todos os seniores, que em anos anteriores participaram nas viagens organizadas pela Câmara Municipal, para partilharem fotografias dessas viagens. Estas serão compiladas num álbum digital e num álbum físico, disponível nos canais digitais do Município e na Biblioteca Municipal João Grave.

“Mezinhas e Cabelos Brancos” pretende fazer uma recolha de saberes ancestrais pelas freguesias. Receitas, lengalengas, poesias para compilar em livro. Os seniores são convidados à partilha deste saber através de carta, via ctt, presencialmente ou por correio eletrónico.

“Voz, canta baixinho!” é um projeto musical que desafia as IPSS a realizar um vídeo com utentes que cantem temas tradicionais “à Capella”, que terão posterior arranjo instrumental do músico vaguense Fábio Rocha. Os vídeos serão divulgados nas redes sociais do Município durante o presente mês.
Mais informações em www.cm-vagos.pt