derrocada

Traseiras do Palacete de Vagos ruíram “de forma imprevista” mas não houve feridos

A autarquia esclarece que horas antes da derrocada nas traseiras do Palacete Visconde de Valdemouro, foi realizada a monitorização topográfica e as medições geotécnicas, “indicando que tudo estava dentro da normalidade”.

Newsletter Jornal da Bairrada

Ao subscrever está a indicar que leu e compreendeu a nossa Política de Privacidade e Termos de uso.