Uma discussão entre dois cunhados, ambos de origem bielorrussa, terminou, na madrugada de domingo, 29 de janeiro com a morte de um deles, no lugar dos Carris, Oiã.

A discussão, no interior da habitação onde residiam, terá subido de tom e terá sido um golpe no tórax com uma arma branca que precipitou o homicídio. Vasyl Babinets, de 42 anos, esfaqueou Hryshkevich Valery, de 46 anos, marido da irmã, que não resistiu aos ferimentos.

O alegado autor do crime foi detido pela GNR de Oliveira do Bairro no local, sem ter oferecido resistência. O caso está agora sob a alçada da Polícia Judiciária.

O suspeito ficou a aguardar por julgamento em prisão preventiva.