No passado sábado, dia 1 de junho (Dia Mundial da Criança), foi inaugurado, no centro da cidade de Anadia, o parque infantil e radical da cidade. Designado por Parque Urbano, este novo espaço fez ao longo de todo o dia, as delícias de centenas de crianças que quiseram, em dia brindado pelo calor, experimentar os inúmeros equipamentos lúdicos que integram este espaço, onde outrora existiu o mercado municipal.
Não só destinado aos mais pequenos, também os adolescentes têm neste mesmo espaço uma zona para “voar”. O parque radical será, sem dúvida, uma zona por excelência para os skates e bicicletas de BMX.
Em dia de inauguração, vários foram os jovens e adolescentes que se juntaram à festa para testar esta pista, para já única no concelho.
Mas para os mais velhos (pais e avós) encontram-se também distribuídos pelo parque vários aparelhos de manutenção e bancos para descansar. Só falta que as inúmeras árvores ali colocadas cresçam o suficiente para dar um ar mais refrescante ao espaço.
Aos jornais, Litério Marques explicou o cuidado da autarquia na seleção de materiais e equipamentos, por forma a que o parque seja seguro e um local onde todos se podem divertir e passar um bom bocado. Aliás, todos os equipamentos foram homologados e cumprem todos os requisitos de segurança.
Um dos equipamentos que está a fazer também as delícias da pequenada é uma parede em cimento com um longo elefante e girafa desenhados, onde se encontram alguns bebedouros (água da rede) e de onde da própria tromba do elefante jorra água de um refrescante repuxo.
A obra, que custou cerca de 250 mil euros, foi realizada por administração direta, sendo o projeto da autoria dos serviços técnicos da autarquia.

Vem aí o Eco Parque. Embora este seja o primeiro equipamento do género no centro da cidade, o executivo de Litério Marques acredita poder inaugurar, dentro de dois meses, o Eco Parque da cidade, em construção junto ao Complexo Desportivo de Anadia.
Este será um parque de grandes dimensões, mais de 10 mil metros, que integrará um outro parque infantil, um circuito geriátrico e de manutenção, um parque de merendas, um parque desportivo com campos de futebol e de basquetebol e ainda uma zona para desportos e jogos tradicionais.
Um parque único no concelho e que poderá ser utilizado por pessoas de todas as faixas etárias.
“É o parque que falta ao concelho e tão desejado pelos anadienses”, referiu o edil.

CC