O Comendador Almeida Roque é a face visível da Associação Jardim Social, com sede na Landiosa, Aguada de Baixo, que foi criada, na penúltima quarta-feira, dia 15, nos escritórios do Comendador. A Associação arranca com dois terrenos oferecidos, um por Almeida Roque e um outro contíguo, por Luís Lavoura.
A Associação tem como objetivo o desenvolvimentos e a prática de ações culturais, recreativas, sociais e artísticas, junto de toda a população, nomeadamente construir uma sede, com espaços para sala de convívio, salas de lazer, espaços internet e biblioteca. Um local onde possam ser organizados eventos recreativos, festas de Natal, eventos de caráter artístico e assistencial. É ainda objetivo do Jardim Social ajudar pessoas carenciadas.

Ajudas. Paulo Pina, representante da Comissão Instaladora, começou por explicar que “a nova e promissora associação nasce da necessidade que sentimos em fazer algo pelo nosso semelhante nas vertentes culturais, sociais, recreativas e artísticas”. Disse ainda que “para aqui chegarmos contámos com uma grande persistência de um grupo de amigos e com o apoio incondicional, que desde sempre nos foi dado pelo nosso grande amigo, Comendador Almeida Roque e pela sua neta Joana Abrantes, à qual nós muito agradecemos pela sua generosa doação do terreno, onde esperamos muito em breve alicerçar a nossa obra, não esquecendo também Luís Lavoura, que muito gostaria de estar presente, mas tal não lhe foi possível”.
Paulo Pina explicou que “esta obra só se tornará realidade com o apoio de todos, não esquecendo aqui o papel do nosso digníssimo presidente da Junta, Wilson Gaio, para nos ajudar a resolver alguns entraves burocráticos, e não só, que poderão atravessar na nossa caminhada”.

Solidariedade. A terminar, Paulo Pina justificou ainda que “a razão da data da constituição da nossa associação que não tem mais nenhuma razão que não seja: hoje como todos sabem é dia do Santo Amaro, que é o Santo mais festejado na nossa terra e porque também hoje é um dia muito importante para o nosso conterrâneo e amigo Comendador Almeida Roque, pois está hoje de parabéns por mais um aniversário. Estas duas razões são mais que suficientes para que a nossa associação nascesse neste grande dia 15 de janeiro de 2014”.
O Comendador Almeida Roque, visivelmente satisfeito pelo ato, agradeceu as palavras de Paulo Pina, sublinhando que se limita a cumprir o seu dever para com a sociedade, afirmando que aquilo que “falta na sociedade é solidariedade, porque sem ela não pode haver desenvolvimento”.

Fundadores da Associação
Comendador Almeida Roque, Joana Maria Roque de Almeida Abrantes, Wilson José Gaio, Celestino Tavares dos Reis, Eduardo Tavares dos Reis, Eduardo Manuel de Brito e Veiga, Carlos José Carreira dos Reis, Carlos Manuel dos Reis Rodrigues, Nuno Manuel Pereira Mota, Maria da Conceição Almeida Marques Mota, Afonso Simões Pires, José Oliveira Lopes Almeida, Pedro Filipe Beirão Almeida, Paulo Sérgio Ferreira Pina, Paulo Filipe Dias Pina, Jorge Manuel Simões Almeida, Maria Margarida Pereira Bastos, José Maria Gomes de Almeida, Artur Santos Ferreira, Artur Jorge Ferreira Cardoso, Anabela Pinheiro de Almeida, Rui Manuel Correia de Jesus, Carlos Jorge Pinheiro de Almeida, Luís Alexandre Pinheiro de Almeida, António Miguel Amaral dos Santos, José Silva Fernandes Leira, Carlos Manuel Ferreira Tomás, Custódio Almeida Marques, Pedro Manuel de Jesus Ferreira e Ana Rita da Silva Teixeira.