A Câmara Municipal de Anadia assinalou o 7.º aniversário da Biblioteca Municipal na tarde de sábado, 4 de julho, com a presença de centena e meia de pessoas.
A sessão comemorativa teve início com a atribuição dos prémios da sétima edição do concurso escolar “Ler & Aprender” (os nomes dos premiados deste e de outros concursos serão publicados na próxima edição do JB), uma iniciativa que o município de Anadia vem realizando com o objetivo de promover a leitura e a escrita criativa através da produção de textos literários.
A cerimónia proporcionou ainda um momento de público agradecimento à Universidade Sénior da Curia pela colaboração prestada no âmbito do projeto nacional “Voluntários da Leitura”, uma iniciativa da Universidade Nova de Lisboa em parceria com a Associação para o Voluntariado da Leitura. O Município de Anadia associou-se a esta ação, que tem permitido, com a preciosa colaboração dos alunos da Universidade Sénior da Curia, reforçar o trabalho de promoção do livro e da leitura nos jardins de infância e escolas do 1.º CEB do concelho de Anadia.
Equipa. Na ocasião, o diretor dos Salesianos de Mogofores, Padre José Fernandes, anunciou que este seria a última vez que estaria presente, na qualidade de responsável pelo colégio, num aniversário da Biblioteca, e louvou a Câmara pela construção deste equipamento cultural “tão digno e livre”, bem como toda a equipa pela forma profissional como o tem sabido gerir, aproximando a Biblioteca das pessoas e da comunidade, nomeadamente a educativa.
Já o diretor do Agrupamentos de Escolas de Anadia, Jorge Humberto, destacou o trabalho que a Biblioteca tem conseguido fazer na aproximação da comunidade educativa do concelho, realçando o valor da Rede de Bibliotecas de Anadia e o muito trabalho que tem sido feito em prol da melhoria das aprendizagens dos alunos. Referiu, ainda, que a nova escola terá uma biblioteca com condições excecionais, localizada no coração do edifício, o que traduz a importância deste espaço para o sucesso do processo de ensino-aprendizagem.

Trabalho visionário. Para Idalina Faneca, diretora do Colégio Nossa Senhora da Assunção, o trabalho desenvolvido pela Biblioteca, ao longo dos anos, “tem sido visionário”, relembrando o novo Programa de Ensino de Português e o enfoque que é dado à leitura e à escrita, afirmando que “o município de Anadia antecipou, há muito, esta necessidade, nomeadamente através dos concursos de escrita e de leitura que tem promovido para as escolas”.
Isabel Nina, coordenadora interconcelhia da Rede de Bibliotecas Escolares, destacou o imenso prazer que tem em trabalhar com o Município de Anadia, que acompanha há precisamente sete anos. Louvou o trabalho e investimentos que “têm sido feitos e a forma profissional e dedicada como as bibliotecas são encaradas em Anadia”.

Balanço. Teresa Cardoso felicitou todos os premiados e participantes pela sua participação nas diversas iniciativas promovidas pela autarquia e traçou um balanço dos sete anos de funcionamento, que considerou “francamente positivos”, fazendo votos para que “a Biblioteca Municipal possa continuar o excelente trabalho em favor da comunidade que tem vindo a realizar”.