camara_apios_associacoes_oliveira_do_bairro

A Câmara Municipal de Oliveira do Bairro pagou, na penúltima quarta-feira, 31 de agosto, mais 162.900 euros a associações do concelho, reforçando o apoio que tem dado ao movimento associativo nos últimos 11 anos.
Em reunião que juntou os representantes das associações com o executivo municipal, foram pagos valores relativos à totalidade e a tranches dos subsídios anuais, verbas relativas a protocolos estabelecidos com as associações e ainda alguns apoios pontuais para obras, iniciativas ou projetos. Receberam os valores em questão as associações que reuniram os pressupostos legais para o efeito, tendo entregado à autarquia toda a documentação necessária para poderem beneficiar do apoio camarário.
Na ocasião, o presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Bairro, Mário João Oliveira, referiu que estes apoios “ficam muito bem entregues e contribuem para o reconhecimento do esforço, do trabalho e do empenho que é colocado pelas direções das associações em tudo o que levam a efeito”, acreditando que os valores entregues serão utilizados “para servir a população nas diversas áreas de atuação das associações e coletividades”, esperando que essa ação possa ter um efeito “duradouro e contribua para o crescimento e humanização do concelho e da sua população”.

Apoios recentes. Recorde-se que há pouco mais de um mês, no passado dia 28 de julho, foram pagos mais 104.350 euros. Na altura, Mário João Oliveira relembrou que o apoio da autarquia ao movimento associativo, ao longo dos últimos 11 anos, tem sido “crescente e contínuo, através da disponibilização de mais serviços e equipamentos colocados ao seu dispor e do reforço, a cada ano que passa, do apoio financeiro que concedemos a quem tanto faz em prol da nossa comunidade”.

Valores pagos em 31 de agosto de 2016
ADAMA, 2.000 euros; Atómicos Sport Clube: 8.000 euros; Corpo Nacional de Escuteiros (CNE) Palhaça, 10.000 euros + 7.500 euros (relativos ao apoio para obras no Campo de Formação dos Escuteiros e na sede); Associação Desportiva Recreativa de Oiã, 25.000 euros (apoio para obras); Liga dos Combatentes – Núcleo de Oliveira do Bairro, 700 euros; Decértima, 1.500 euros; Acordy Verdy, 1.500 euros; Orfeão de Bustos, 4.500; ANOB: 700 euros; Círculo de Cultura Musical da Bairrada, 500 euros; UDCRS: 7.750 euros subsídio anual + 12.500 euros (relativo a 50% do valor do protocolo anual de apoio para obras); ADREP, 11.250 euros (subsídio) + 7.750 euros (relativo ao apoio ao torneio ADREP CUP) + 3.250 euros (relativo ao protocolo de participação nas Marchas Municipais 2016); AHBVOB: 25.000 euros (50% da tranche anual relativa aos Bombeiros); Associação Cultura e Recreio da Mamarrosa (Banda), 10.000 euros (subsídio anual); UFT, 10.000 euros (subsídio anual); Fábrica da Igreja da Paróquia da Palhaça, 15.000 euros (para obras); Grupo Troviscalense, 2.500 euros e Grupo Desportivo de Águas Boas, 5.000 euros.