O escritor angolano José Eduardo Agualusa visita a Vila de Luso esta sexta-feira e sábado (dias 14 e 15 de junho) no âmbito do projeto “Cultiva a Leitura com…”, que já está na sua 3ª edição.
A iniciativa, que desde o início do ano tem reunido, localmente, diversas atividades, especialmente com textos de José Eduardo Agualusa, culmina este fim de semana com a presença do escritor, que estará disponível para contactos com a população e com alunos da escola local.
Nas atividades já realizadas destacam-se “Os Cantinhos de Leitura”, no ATL, nos treinos de Futsal do Atlético Clube de Luso, nos treinos de ténis do Luso Ténis Clube, em atividades em família do Luso Ténis Clube e no Centro Melo Pimenta, Centro de Dia.
Por outro lado, já aconteceram “Momentos de Poesia”, realizados na Fonte de S. João, como sede de Poesia e de escutar em silêncio.
O projeto integra também , entre outras iniciativas, o “Germinar da Leitura” que através de textos colocados em árvores, pretende fazer chegar o prazer de ler e a surpresa de ler em qualquer sítio a todos e todas os que passam pelas ruas.
Os marcadores de livros continuam a surpreender e a deliciar os leitores nos cafés, na farmácia, no Turismo, na igreja, nas Termas … , num encontro improvável que já se tornou um vício para alguns colecionadores.
“Cultiva a Leitura com…”, é uma iniciativa da Junta de Freguesia de Luso, tendo Arlete Gomes como mentora, apresentando à comunidade este autor, naquela que é a terceira edição do projeto, depois das passagens pelo Luso de José Luís Peixoto e de Valter Hugo Mãe, nas primeiras duas edições, sempre com o objetivo de “motivar a comunidade a ler e a ver a leitura como agradável”.

Programa

Agualusa fará no dia 14, às 10h, o Percurso Emídio Navarro (a começar na Fonte de S João), tendo encontro marcado (às 11h)com os utentes do Centro Social Comendador Melo Pimenta.
O escritor angolano terá encontro marcado, às 14h, com a comunidade educativa no Centro Escolar e a continuação, às 16h, do Percurso Emídio Navarro, como visita ao Casino e às Termas de Luso.
No dia seguinte, sábado, às 11h, será a saída para a Mata do Bussaco para o Percurso literário (passeio pela mata, com início nas Portas de Coimbra) com leitura de uma selecção de textos. Segue-se a plantação de uma árvore, ficando para a noite (20h45), o encontro com o escritor na Biblioteca do Casino de Luso.

João Paulo Teles