O Município de Oliveira do Bairro aprovou mais um conjunto de apoios financeiros a associações do concelho no valor de 178 mil euros.

Na área das IPSS, a ABC Bustos, AMPER, Centro Social de Oiã, SOLSIL, Sóbustos, vão receber 4.500 euros cada.  De salientar que, em junho passado, a Câmara Municipal aprovou um apoio excecional de 59 mil euros para distribuição por todas as IPSS do Concelho com valências para idosos, tendo em conta os efeitos da pandemia nestas instituições.

No âmbito das suas atividades desportivas, o Oliveira do Bairro Sport Clube vai receber 51 mil euros, a ADREP Palhaça 46 mil euros, a Associação Desportiva de Oiã vai receber 15 mil euros, a UDCRS – Silveiro 6 mil euros, o Clube de Atletismo de Oliveira do Bairro 5 mil euros, o Frei Gil Voleibol Clube 5 mil euros, o Mamarrosa Futebol Clube 3.500 euros e a Associação de Melhoramentos da Mamarrosa 2 mil euros.

Destacam-se ainda os apoios à ADASMA – Associação de Dadores de Sangue da Mamarrosa, que vai receber 7.500 euros, e aos Agrupamentos de Escuteiros e outras associações do Concelho no valor total de 15 mil euros.

O presidente da Câmara destacou o “empenho do Município em continuar a apoiar as associações do concelho neste momento difícil, em consequência da pandemia, mantendo e, em alguns casos, reforçando os valores dos apoios financeiros”.

Ainda de acordo com Duarte Novo a autarquia tem estado “em permanente contacto com as associações, no sentido de encontrar as melhores soluções enquadradas no regulamento municipal de apoio ao movimento associativo, para continuar a apoiar as nossas IPSS, os nossos clubes desportivos e as nossas associações culturais, recreativas, juvenis e das mais variadas áreas, de forma a terem condições para continuar a prestar e a desenvolver o seu trabalho de grande mérito e extrema importância para a comunidade e para o concelho”.

Sobre as associações agora contempladas e os valores dos apoios, o presidente da Câmara explicou que “foram estas as que conseguiram entregar as suas candidaturas e documentação necessária para podermos avançar com as propostas de apoio e os valores foram definidos tendo em conta as medidas a que se candidataram, seja de apoio ao desenvolvimento geral, investimento ou formação desportiva, por exemplo, e os critérios estipulados em regulamento”.

De referir que o prazo de candidaturas às medidas de apoio ao movimento associativo do concelho, no âmbito do Regulamento Municipal de Apoio às Associações de Oliveira do Bairro, foi alargado até 31 de julho. A data limite inicial era de 31 de março, tendo sido remarcada para 30 de abril e depois para 30 de junho, no sentido de permitir às associações realizarem as suas assembleias gerais e reunir a informação e documentação necessária.

Estes apoios foram aprovados em Reunião de Câmara, realizada no passado dia 9 de julho.