No passado dia 26 de setembro, a Associação World Needs promoveu uma ação de limpeza na praia de São Jacinto, em Aveiro, que contou com a parceria da Junta de Freguesia de São Jacinto e da Fundação Oceano Azul.

De forma a assinalar o Dia Internacional da Limpeza Costeira, celebrado este ano de 19 a 27 de setembro, foram mais de 100 as ações de limpeza de lixo marinho registadas em todo o país, pelo que a Associação World Needs decidiu também dar o seu contributo.

A ação, com uma duração aproximada de 4 horas, contou com a participação de 15 voluntários, os quais recolheram um total de 62 kg de lixo. Das categorias mais comuns de lixo recolhido destacam-se o lixo pequeno abaixo de 2,5 cm, com especial ênfase nas centenas de pedaços de plástico recolhidos ao longo da iniciativa e material e equipamento usado na pesca, nomeadamente cabos, cordas e redes.

Pedaços de papel, beatas, embalagens de comida, tampas e garrafas de plástico foram também alguns dos itens mais encontrados ao longo da extensão limpa na praia de S. Jacinto.

Com os plásticos a dominar os resíduos encontrados nesta iniciativa, a Associação World Needs apela a uma maior consciência do impacto da poluição das zonas costeiras que ameaça tanto espécies marinhas, como a saúde humana.

“Preservar é viver, e por isso, mais do que nunca, cabe à sociedade o dever e obrigação de estar atenta e preservar o meio ambiente”, refere a World Needs.