Uma educadora de infância, de 27 anos, residente em Cacia, Aveiro, morreu, ontem, cerca das 13h50, após ter-se despistado contra um choupal na Rua da Murta, na localidade Landiosa, Aguada de Baixo.

Ana Isabel trabalhava há pouco mais de um mês no Centro Social e Infantil de Aguada de Baixo, em regime de substituição de uma outra educadora e regressava de Oliveira do Bairro para entrar às 14h.

A jovem, que tinha casamento marcado para o próximo dia 10 de Setembro, seguia no sentido Oliveira do Bairro – Águeda e despistou-se em circunstâncias não apuradas, junto ao corte para Aguada de Baixo.

As marcas das rodas deixadas na berma da estrada indiciam que 20 metros antes o carro já tinha entrado em despiste.
Os Bombeiros Voluntários de Oliveira do Bairro desencarceraram a vítima, mas, segundo fonte da corporação, os sinais de vida eram inexistentes. A mesma fonte refere que foram mantidas manobras respiratórias, durante cerca de 12 minutos, mas de nada adiantaram.

No local ainda esteve a VMER do Hospital Infante D. Pedro em Aveiro, mas a médica limitou-se a confirmar o óbito.
Os Bombeiros de Águeda removeram o corpo para o Instituto de Medicinal Legal de Aveiro, enquanto que a GNR de Águeda tomou conta da ocorrência, ficando a investigação a cargo do Núcleo de Investigação Criminal de Acidentes de Viação do Destacamento de Trânsito de Aveiro.