A praticamente uma semana de subir ao palco, na igreja paroquial da Palhaça (Diocese de Aveiro), a encenação da “Paixão de Cristo” nos dias 9 e 10 de março já tem garantida uma sessão esgotada e está quase a esgotar segunda sala, com mais de 700 bilhetes vendidos.

A peça volta a subir ao palco no fim de semana seguinte, no âmbito da Missão Jubilar, imediatamente a seguir à estreia local, integrando o programa cultural no fim de semana de 16 de março, no Centro Cultural de Ílhavo.

A temporada deste ano, sob mote “ Missão 2013, vem sendo preparado e vivido na paróquia da Palhaça há 4 meses, “pretende envolver, superar e surpreender relativamente ao ano anterior, a partir de uma nova cenografia e alguns ajustes à dramatização, tendo presente o possível alcance de público desta temporada”.

A encenação resulta de uma adaptação do texto “Renovação dramática do mistério de dor do Senhor Jesus Cristo” do Padre Miguel Gregório SS, da Comunidade Salesiana, onde “sobressai o lado mais amoroso e terno do Cristo que dá a sua vida pela humanidade e convoca os seus discípulos ao anúncio, naquele tempo como hoje” (Encenador Prof. Fernando Neves). A dramatização das últimas horas da vida da vida de Jesus decorre em 6 atos, conta com a participação de cerca de 70 personagens e tudo o que compõem a peça, resulta de um trabalho comunitário coordenado e interpretado pela comunidade local, desde a produção do cenário à presença online (através do site do projeto), passando pela criação do guarda-roupa, caracterização, adereços, trabalho de encenação e posteriormente a montagem de palco dentro da igreja.

Em 2012 o projeto fez três apresentações esgotadas (1500 espetadores), uma delas no Teatro Aveirense, o que fez com que a comunidade paroquial da Palhaça se entusiasma-se em torno desta Missão 2013 para cumprir os objetivos a que se propõe desde o ano passado: mobilizar a comunidade paroquial local, evangelizar e aprofundar da vivência da mensagem da peça e consolidar de uma proposta cultural sustentável de âmbito religioso com fins beneméritos. As apresentações esgotadas angariaram cerca de 4900€ de receita para o Espaço Vida, equipamento social que prestas serviços à comunidade num conjunto diversificado de valências de condições excelentes e ímpares na Vila da Palhaça.

 Sobre o projeto

 “ Aquilo que este projeto propõe é ultrapassar limites, reinventar a utilização dos espaços e ir além da dimensão da fé e cultura, transformando estas duas apresentações em momentos verdadeiramente únicos também pelo facto de acontecerem dentro de uma igreja. Uma oportunidade para fazer memória e tornar ainda mais tangível a mensagem da Páscoa, que haveremos de ouvir na liturgia dos domingos seguinte.”

Padre José Augusto, Pároco da Paróquia de S. Pedro da Palhaça