A Expofacic, com um orçamento de 1,3 milhões de euros, mais de 500 expositores dos setores comerciais, industrial e agrícola, espera receber até domingo, dia 3 de agosto, cerca de 400 mil visitantes. É um dos maiores certames do género a nível nacional. Durante a sessão comemorativa do Dia do Município de Cantanhede, que decorreu nos Paços do Concelho de Cantanhede, prévia à abertura oficial do certame, o presidente da autarquia cantanhedense, João Moura, começou por referir que o certame “detém hoje, por direito próprio, uma posição destacada a nível nacional”.
Dirigindo-se ao secretário de Estado da Administração Local, António Leitão Amaro, que inaugurou a Expofacic, João Moura afirmou que, “correndo o risco de ser juiz em causa própria, dir-lhe-ei que é uma grande demonstração de dinamismo das empresas dos setores comercial, industrial e agrícola contra os efeitos de uma conjuntura particularmente adversa”.
João Moura afirmou ainda que “na Expofacic está bem patente a atitude pró-ativa e empreendedora que o país precisa para fazer crescer a economia para níveis que permitam ao país superar os grandes desafios com que está confrontado”. “Pela minha parte, na qualidade de presidente da Câmara Municipal, deixo um voto de reconhecimento aos empresários e às empresas por continuarem a dar corpo a um certame que tanto tem contribuído para projetar a imagem do Município de Cantanhede, com todos os benefícios que daí advêm a vários níveis.”
“Ao falar da Expofacic, não posso deixar de sublinhar o extraordinário envolvimento das forças vivas locais, com destaque para as juntas de Freguesia, as escolas, as associações, os agentes sociais e as instituições de saúde, cuja participação confere ao certame o caráter distintivo que reforça grandemente a sua atratividade”, referiu João Moura, acrescentando que “a estas entidades quero deixar também a manifestação do meu maior apreço por essa participação que honra e dignifica o concelho aos olhos dos muitos milhares de pessoas que por esta altura nos visitam”.

Dedicação. O edil cantanhedense destacou e agradeceu “a todas as pessoas e entidades envolvidas na 24.ª edição da Expofacic e, se me permitem, de modo muito especial, aos elementos da Comissão Organizadora. É que a extrema dedicação e profissionalismo que demonstraram mais uma vez na preparação do evento justifica que enfatize este agradecimento que é extensivo aos funcionários da Câmara Municipal e da INOVA que colaboraram na organização do certame”.
Reconhecimento. A finalizar a sessão solene, João Moura entregou a medalha de reconhecimento do município aos funcionários que completaram 25 anos ao serviço da autarquia. “É um gesto singelo para prestar homenagem a quem tem servido a instituição com grande profissionalismo, sentido de responsabilidade e participação empenhada no processo de desenvolvimento do Concelho de Cantanhede”. Este ano, a distinção foi atribuída a Maria Amélia Ferreira de Almeida e a António Manuel Lopes dos Reis.

Referência. Para o presidente da Assembleia Municipal de Cantanhede, José Maia Gomes, o concelho “vive um tempo de orgulho coletivo, em que as gentes sentem o entusiasmo e se entregam de peito feito a estes festejos”. “São gentes honestas e esforçadas que gostam de receber os convidados, num concelho atrativo, moderno onde gostam de viver”, acrescentou o autarca, afirmando que “a Expofacic é a maior feira de atividades económicas do país, sendo uma das referências deste concelho”.

Exemplo. O secretário de Estado da Administração Local, António Leitão Amaro, destacou que o município de Cantanhede é um “bom exemplo de desenvolvimento económico local, pela promoção da feira comercial, industrial e agrícola que começou e se prolonga até 3 de agosto”.
António Leitão Amaro frisou que com a Expofacic, mas também com o parque de biotecnologia Biocant Park, a autarquia “assume-se como promotor do desenvolvimento económico local”. “Cantanhede é um bom exemplo”, frisou Leitão Amaro, acrescentando que “o município tem feito uma aposta na inovação. A prosperidade vem muito de nós acrescentarmos valor”.
O governante deixou claro que, hoje, “a Expofacic é uma marca comunitária que celebra a sua 24.ª edição”.

Pedro Fontes da Costa
pedro@jb.pt