No passado sábado, dia 29 de novembro, assinalou-se o 10º aniversário da Biblioteca Municipal de Mealhada, com a dinamização de diversas atividades. As comemorações da efeméride contaram com a presença do presidente da Câmara Municipal, Rui Marqueiro, que inaugurou a Feira do Livro “Mercado das Palavras”, que vai estar em curso no auditório da biblioteca até ao próximo dia 20 de dezembro. O conhecido contautor Thomas Bakk animou o resto da tarde com as suas histórias e, como não podia deixar de ser, houve ainda bolo de aniversário e champanhe para festejar a primeira década de funcionamento do espaço dedicado à cultura da cidade da Mealhada.

Durante uma década, pessoas, livros, sonhos e imaginação entraram e saíram pelas portas da Biblioteca Municipal da Mealhada, que celebrou mais um aniversário no passado sábado, dia 29 de novembro, junto dos seus utentes, funcionários e amigos.
As comemorações tiveram início pelas 15h, altura em que o presidente da Câmara Municipal, Rui Marqueiro, inaugurou a Feira do Livro “Mercado das Palavras”, que decorre até 20 de dezembro, no auditório da biblioteca. De seguida, foi tempo para se ouvir contar histórias pela voz do contautor, ator e escritor brasileiro Thomas Bakk. Ao longo de duas horas o artista, conhecido como “o senhor dos cordéis”, encantou o público com a sua literatura.

Narrando contos da sua autoria, como a história do “menino chamado Justo”, e outros mais tradicionais, interpretou várias personagens servindo-se, para tal, do teatro, da música e da interação com o público num espetáculo performativo e bem-humorado. Crianças e adultos encheram o auditório da biblioteca, deixando-se transportar para o mundo imaginário das fábulas que o antigo guionista da Rede Globo foi desenrolando uma atrás da outra, onde a moral da história está sempre presente, entre sorrisos e gargalhadas do público.

biblioteca_mealhada_aniversario

As comemorações prosseguiram até bem perto das 18h, altura em que foi servido o bolo de aniversário e o espumante de honra por um grupo de estudantes do curso de cozinha e restauração da Escola Profissional Vasconcellos Lebre.
Inaugurada a 29 de novembro de 2004, a Biblioteca Municipal da Mealhada, situada na rua Dr. José Cerveira Lebre, é um espaço público de leitura e promoção do livro e da cultura mealhadense, que vive um dos seus períodos mais intensos, com atividades culturais diárias para crianças, jovens e adultos, e que estende a sua atuação fora de portas há já sete anos, com o Bibliomealhada.
Em suma, foi um dia de festa que serviu para lembrar os últimos 10 anos da instituição e para perspectivar os próximos 10 que certamente virão.