Foi com toda a pompa e circunstância que o Centro Escolar de Avelãs de Cima/Avelãs de Caminho foi inaugurado na tarde de sexta-feira, dia 10 de abril, pelo primeiro-ministro Pedro Passos Coelho.
Um evento que contou com a presença do secretário de Estado do Ensino Básico e Secundário, presidente da Assembleia Municipal, vereadores, autarcas e deputados municipais, mas também com a presença de vários representantes da Educação.

Em dia de visita governamental, a edil anadiense, Teresa Cardoso, não deixou de recordar, uma vez mais, a questão da negociação dos terrenos onde está a ser implantada a nova Escola Básica e Secundária de Anadia.

A Passos Coelho, explicou que o município de Anadia cedeu o terreno necessário à implantação do novo equipamento escolar. Foram cerca de 42.600 m2, localizado em zona nobre de expansão urbana, onde se situam já o Complexo Desportivo, o EcoParque e o Cineteatro, que recebem a nova Escola Básica e Secundária, que deverá abrir no início do novo ano letivo 2015/16. “Continuamos a aguardar, com expetativa, a conclusão, muito em breve, das negociações relativas aos terrenos e a disponibilização, a favor da autarquia, dos espaços escolares que, em breve, deixarão de estar em atividade, e aos quais o município poderá dar a devida utilização, dada a sua localização estratégica no acesso ao centro da cidade de Anadia”, salientou.

A edil falava em concreto das atuais instalações da EB 2/3 de Anadia e da Escola Secundária, cujos terrenos já deveriam ter passado para as mãos da autarquia.

Na ocasião, a edil anadiense avançaria ainda que a Câmara Municipal tem uma estratégia muito clara em matéria de Educação, e que este estabelecimento de ensino consubstancia boa parte dessa estratégia.

Um moderno Centro Escolar que serve as freguesias de Avelãs de Cima e de Avelãs de Caminho, e onde foram recebidos os alunos provenientes dos Jardins de Infância e das EB1 de Avelãs de Cima, Boialvo, Pereiro e de Avelãs de Caminho, ou seja, mais de centena e meia de crianças.

Grande investimento na qualidade do sistema educativo

Já o primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, começou por felicitar a Câmara Municipal por ter vindo a apostar de uma forma tão qualificada nesta área tão fundamental para o progresso do país – a Educação.

O primeiro-ministro referiu que, embora “muito já tenha sido feito na Educação, é preciso continuar a aposta na melhoria da qualidade do sistema educativo”.

E, se no passado “se gastou muito dinheiro a construir e a recuperar escolas em más condições, e nem sempre as decisões tomadas foram as mais adequadas”, o chefe de governo defende, agora, ser preciso prestar atenção à rede escolar que existe e requalificar o que falta, mas que em face dos poucos recursos, é necessário estabelecer parcerias com as autarquias.

Passos Coelho destacaria ainda a aposta numa oferta vocacional e profissionalizante que fosse ao encontro dos alunos, das empresas, mas também o facto de se ter conseguido “libertar mais tempo para apoiar alunos com mais dificuldades”.

Catarina Cerca

Leia a reportagem completa na edição de 16 de abril de 2015 do Jornal da Bairrada