Com o projeto b”AND – Serviço de Bicicletas Públicas de Anadia, o Município de Anadia é um dos finalistas da Distinção CPLP – Green Project Awards 2016 (GPA 2016), um projeto internacional que visa distinguir as entidades nacionais que se destacam pelo seu contributo para o desenvolvimento sustentável do país e debater a sustentabilidade das cidades do novo paradigma económico, premiando as boas práticas em projetos que concorram para a concretização de tais objetivos.
A presença de Anadia entre os finalistas deve-se à candidatura apresentada pela autarquia na categoria “Cidades Sustentáveis”, destinada a projetos (programas, processos, produtos ou serviços) “que tenham produzido impacto positivo no ecossistema urbano (comunidades urbanas, espaço público, infraestruturas, entre outras), no sentido de melhorar o metabolismo das cidades e a qualidade de vida dos seus habitantes, promovendo o desenvolvimento dos centros urbanos, nas várias dimensões da sustentabilidade, económica, social e ambiental”.

Projeto b – AND. O projeto candidatado pela Câmara Municipal de Anadia foi o b”AND, um serviço de bicicletas públicas que consiste na disponibilização gratuita destes veículos a partir de parqueamentos situados em pontos estratégicos da rede de ciclovias do concelho. Este sistema de transporte foi apresentado em setembro de 2014 e implementado em fevereiro de 2015, estando toda a informação disponível na página eletrónica do serviço b”AND, cujo acesso é feito a partir do website do Município de Anadia (www.cm-anadia.pt), à qual está ligada a sua gestão integrada, assente numa plataforma digital. Inicialmente foram instalados cinco parqueamentos – em Anadia (na Praça da Juventude e nas Piscinas Municipais), Curia (na Estação da Curia / sede da Rota da Bairrada, e no Curia Tecnoparque), e Sangalhos (no Centro de Alto Rendimento de Anadia / Velódromo Municipal), tendo, no início de 2016, sido criadas cinco novas estações em tantas outras unidades hoteleiras do concelho.
A Ciclovia de Curia está disponível desde 2012 e o seu trajeto tem um declive muito suave, com uma envolvente natural e relaxante. Localizada no centro urbano da Curia, circunda o parque da estância termal. Entretanto, passou a estar disponível a ciclovia de Anadia, que envolve o Complexo Desportivo, o EcoParque e a Escola Básica e Secundária de Anadia, ligando esta zona ao IC2/EN1, no acesso à Curia. Mais recentemente, ficou concluído o troço correspondente à Rua Justino Sampaio Alegre, também na cidade de Anadia. Estas vias podem ser usadas por peões, ciclistas e utilizadores de patins, trotineta ou skate, e encontram-se assinaladas com cor vermelha sobre o pavimento betuminoso.
A cerimónia de entrega de prémios da nona edição do GPA decorrerá no próximo dia 23 de janeiro, na Fundação de Serralves, no Porto.
Os GPA contam com o apoio institucional da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) e têm o alto patrocínio da Comissão Europeia, sendo realizadas edições em Portugal, no Brasil, em Cabo Verde, em Moçambique e em Angola.
O júri será presidido pelo embaixador Murade Isaac Murargy (secretário executivo da CPLP), e conta igualmente com Nuno Lacasta (presidente do júri GPA Portugal e presidente da Agência Portuguesa do Ambiente), e com Nuno Sequeira (vice-presidente do júri GPA Portugal e presidente da Quercus).