Devido ao significativo agravamento do risco de incêndio florestal causado pelas temperaturas muito altas, o Governo colocou em situação de alerta todo o território continental, proibindo o lançamento de fogo-de-artifício.

Assim, a Comissão Executiva da Expofacic entendeu anular o tradicional espetáculo pirotécnico previsto para o encerramento da edição 2018 da Feira-Festa de Cantanhede, após o final do concerto dos Xutos e Pontapés.

De acordo com a decisão anunciada pelo Ministério da Administração Interna, no caso do fogo-de-artifício que costuma ser lançado durante as festas e romarias tradicionais desta altura do ano, é determinada a sua proibição total, mesmo nos casos em que já tinha sido emitida previamente uma autorização.

A Comissão Executiva da Expofacic solicita a compreensão de visitantes, expositores e patrocinadores para a decisão agora anunciada.