Águeda quer juntar neste Natal o maior Pai Natal de sempre, que valeu um recorde no Guinness e o menor Pai Natal do Mundo, que poderá ser visto, literalmente, pelo buraco de uma agulha.

Após três anos a zelar sozinho pelo Natal de Águeda, o maior Pai Natal do Mundo tem, este ano, uma minúscula companhia que mora no buraco de uma agulha. Uma micro-obra esculpida pelo artista britânico Willard Wigan. Além desta pequena grande novidade, o município está apostado em surpreender os visitantes com um programa cultural e atividades para todos os gostos e idades.

No dia 30 de novembro, às 18h, acendem-se as luzes de mais um Natal aguedense. “Até ao início de janeiro, o espírito de boas festas irá viver-se em Águeda, numa atmosfera festiva e calorosa”, promete a autarquia, avançando que as principais atrações irão concentrar-se na baixa da cidade e zona ribeirinha.