O projeto “Analfabetismo Zero”, promovido pelo Município de Anadia e pelo Agrupamento de Escolas de Anadia (AEA), arrancou no passado dia 13 de dezembro com o objetivo de melhorar os níveis de qualificação de adultos mediante a validação de competências ao nível do 1.º Ciclo do Ensino Básico.

Pioneiro no concelho, o projeto decorre no âmbito do Centro Qualifica e conta com alunos, oriundos de vários pontos do concelho, que irão frequentar módulos de 50 horas, dois dias por semana, num total de quatro horas semanais. A formação, que decorre numa sala do Edifício Dr. Luís Navega, na Curia, cedida pelo Município de Anadia, dará direito, no final, a um certificado.

Na abertura do projeto, o diretor do AEA, Jorge Humberto, destacou a importância desta iniciativa que permite “dar outro tipo de qualificações”, considerando que “vamos todos aprender uns com os outros”.
A presidente da Câmara Municipal de Anadia, Teresa Cardoso, mostrou-se satisfeita com o arranque do programa, realçando o seu caráter inovador no concelho. Considerou ainda que se trata de “um projeto que está dentro dos nossos objetivos enquanto Cidade Educadora”, uma vez que permite a inclusão e a igualdade de oportunidades.