O contrato para as obras de requalificação do serviço de urgência do Hospital de Águeda foi assinado na passada segunda-feira, dia 7,  pelo empreiteiro e pelo conselho de administração daquela unidade de saúde. As obras, que avançarão logo depois do visto do Tribunal de Contas, têm um custo de cerca de 1,3 milhões de euros e um prazo de execução de nove meses.

O investimento permitirá a beneficiação do Serviço de Urgência e da área dos meios complementares de diagnóstico, que inclui a imagiologia e o laboratório. Está igualmente contemplada a criação de uma plataforma de ligação entre o edifício principal e o edifício lateral, que passará a ser a entrada da Urgência e onde será criada uma zona de espera para familiares.
Durante o período em que decorrerem as obras, as Urgências vão funcionar em instalações alternativas preparadas para o efeito.

Recorde-se que o valor da obra, orçada em cerca de 1,3 milhões de euros, conta com uma comparticipação de fundos comunitários, no valor de 522 mil euros, suportando a Câmara de Águeda 600 mil euros, deixando para a administração do hospital o encargo de cerca de 180 mil euros.

Leia mais na edição do Jornal da Bairrada de 10 de janeiro.