A locomotiva a vapor da Linha do Vouga, que durante anos e anos marcou a vida das gentes da região, vai voltar no próximo mês de abril em formato turístico, anunciou o presidente da Câmara de Águeda, Jorge Almeida.

As memórias do velho Vouginha, agora imortalizadas pelo Comboio Histórico do Vouga, ganham nova vida, a vapor, com a velha Locomotiva E214 da CP, a tracionar as carruagens do início do século XX.

Este projeto que envolve a CP – Comboios de Portugal e a Câmara de Águeda, vai arrancar, como ensaio, em abril próximo para três viagens (a 13, 20 e 25) ligando, ida e volta, as estações de Aveiro e Sernada do Vouga, não se conhecendo, para já, os valores a pagar pela viagem.

O regresso do comboio histórico a vapor à Linha do Vouga, “um sonho antigo” da autarquia, junta-se ao projeto lançado no verão de 2107 – “Comboio Histórico” – que tem levado os turistas a percorrer aquela emblemática linha, numa viagem ao passado.
A novidade este ano passa pela locomotiva a vapor, que fará rolar três carruagens dos primeiros anos do século XX.
“Um sonho, um enorme orgulho e uma grande oportunidade para desfrutar de algo único, num maravilhoso regresso ao passado, que faz parte do imaginário de muitas pessoas de todo o mundo”, sublinha o autarca, que apelida o projeto de “nível mundial”, já que “não é fácil encontrar nada parecido na Europa”. 

Leia mais na edição de 21 de março do Jornal da Bairrada.

FOTO: Carlos Pinto