O ex-atleta e treinador das camadas jovens do Recreio de Águeda, Eugénio Castanheira, conhecido como “Frango”, morreu ontem, sexta-feira, após cair da janela de um quarto do segundo andar do Hospital de Aveiro. O Hospital já abriu um inquérito para esclarecer as circunstâncias em que ocorreu a morte do ex-atleta do RDA, que se encontrava internado após uma intervenção cirúrgica a um joelho.

Eugénio Castanheira tinha 69 anos e residia na Borralha, Águeda.

Numa nota enviada à agência Lusa, a administração do Centro Hospitalar do Baixo Vouga (CHBV), em que se integra o Hospital de Aveiro, lamenta a ocorrência e endereça os mais sentidos pêsames à família. “Por se tratar de uma situação anómala, o CHBV vai abrir processo de inquérito no sentido de apurar as circunstâncias deste evento”, refere a mesma nota.

O corpo foi encontrado no rés-do-chão, tendo sido alvo de tentativas de reanimação sem sucesso.

A PSP esteve no local e tomou conta da ocorrência.