A AMOP Synergies, para assinalar o 47.º aniversário empresarial, selecionou três entidades para oferecer elementos urbanos requalificados, no âmbito do seu projeto de responsabilidade social e ambiental, denominado “Projeto Comunidades”.
Para o corrente ano, a empresa selecionou os Bombeiros Voluntários de Cabanas de Viriato, a ARCOR – Associação Recreativa e Cultural de Óis da Ribeira e a AFA – Associação Fermentelense de Assistência, em Fermentelos.


Fernando Marques, administrador da AMOP Synergies, explica que este projeto pretende apoiar todos os anos três instituições, com ofertas de equipamentos recuperados. Trata-se de “um gesto de agradecimento às associações e entidades sem fins lucrativos que são agentes incontornáveis na segurança, no desenvolvimento e no bem-estar das camadas jovens e famílias, como reconhecimento pelo seu papel de apoio de proximidade junto das populações e relevante atuação no terreno”.
Exemplos desta cultura social da marca, são os apoios prestados à formação escolar e profissional, através dos protocolos de estágios na empresa, e das ofertas de mobiliário a causas como Quadro Giz para a creche da LAAC – Amigos de Aguada de Cima, quadro giz para a creche APCC – Figueira da Foz, o totem para AND -Associação Nacional de Design em Gaia, e o totem para a Universidade do Algarve, em Faro.


A empresa aceita candidaturas a partir de outubro para o “Projeto Comunidades” do próximo ano, destinado a apoiar mais três entidades.
“Com uma estratégia de design responsivo bastante presente, procuramos atender aos regulamentos e às necessidades em termos de mobilidades e acessibilidades, com objetivo a antecipar e responder ao desafio de uma maior inclusão social”, refere nota da empresa.
Fundada em 1973, a AMOP Synergies, espacializada em mobiliário urbano, revestimentos e pavimentos, gera nos mercados internacionais cerca de um quarto das vendas, empregando mais de 50 pessoas.