Cerca de centena e meia de pessoas já terão passado pelo banco inteligente que a Câmara Municipal de Águeda tem operacional e disponível, há cerca de dois meses. O banco, com painéis solares e portas USB para carregamento de dispositivos móveis, está instalado na Praça Dr. António Breda, em  frente à Escola Secundária Marques de Castilho.

Integrado no projeto Laboratório Vivo para a Descarbonização – Águeda Sm@rt City Lab. e cofinanciado pelo Fundo Ambiental, este banco é parte de um grupo de ações para a instalação de mobiliário urbano inteligente, que visa contribuir para a qualidade de vida da população, com a conceção de soluções ambientalmente sustentáveis, favorecendo o descanso, ao mesmo tempo que apresenta características inovadoras e responde às necessidades do mundo digital, fruto de uma sociedade hiperconectada.

“Este mobiliário ficou instalado num local que consideramos estratégico, no centro urbano e na proximidade de um estabelecimento de ensino secundário”, começou por afirmar Edson Santos, vice-Presidente da Câmara de Águeda, acrescentando que este equipamento servirá todos quantos precisarem de carregar os seus dispositivos móveis. “Ficar sem bateria deixa de ser um problema se estiver no centro de Águeda; basta ter um cabo USB e conseguirá carregar o seu telemóvel ou tablet, de forma simples e gratuita”, declarou ainda Edson Santos.

O banco inteligente está equipado com portas USB, carregador sem fios integrado na tampa de vidro acrílico, para carregamento de dispositivos móveis. É um equipamento autossuficiente, uma vez que é alimentado pela energia solar através de módulos fotovoltaicos. Possui sensores de temperatura, humidade, contagem dos carregamentos por USB e wireless, utilizadores de wifi, produção e consumo de energia, uso de tráfego de dados e status da bateria.

Até ao momento, desde que foi disponibilizado, já foram produzidos 19.191 kWh de energia, carregados 87 dispositivos por USB e 70 por wireless, num total de 157 utilizadores.

A Câmara Municipal de Águeda pondera a instalação deste tipo de equipamento em outros locais, disponibilizando este serviço noutras zonas da cidade.

Para além deste banco inovador, faz ainda parte deste processo de instalação de mobiliário inteligente, no âmbito da Águeda Sm@rt City Lab, a colocação de um sistema de autoconsumo solar fotovoltaico no estacionamento junto ao edifício dos Bombeiros Voluntários de Águeda, passando a energia a ser utilizada pelo posto de carregamento de veículos elétricos (em processo de instalação) e o excedente a ser utilizada pela corporação.

Foram ainda instalados dois painéis multimédia interativos, acessíveis a todos independentemente das suas limitações físicas ou cognitivas (Tomi for all), que está em  fase de teste como sistema de análise de fluxos. Um está localizado numa das entradas da Rua Luís de Camões e outro entre a Rua José Sucena e a Avenida Dr. Eugénio Ribeiro.