A Câmara Municipal de Oliveira do Bairro, por proposta do presidente do município, Duarte Novo, decretou Luto Municipal mos dias 25.26 e 27 de setembro, com a colocação da bandeira municipal a meia haste, como forma de “prestar uma última e sentida homenagem” a Laura Pires, antiga vereadora, que faleceu esta sexta-feira, como avançámos aqui esta manhã.

A autarquia refere que foi “com profundo pesar e mágoa” que o município tomou conhecimento do falecimento daquela ilustr oliveirense.

“É uma perda significativa para todos aqueles que defendem a procura de caminhos novos de esperança e de fé no futuro. Era uma jovem, lutadora, cheia de força e com vontade de intervenção, como o provam o seu percurso cívico-político, percurso este que buscava certamente denominadores comuns em prol do desenvolvimento do nosso Concelho. Democrata e uma defensora convicta da sua terra e das suas gentes. Determinada, dedicada à família e aos outros, numa disponibilidade permanente para a causa pública. Enquanto autarca, sempre demonstrou nas suas intervenções um verdadeiro espírito de franca abertura ao diálogo e à defesa dos princípios democráticos, sempre com muita elevação, com empenho e honorabilidade, debatendo-se constantemente por construir caminhos que unissem todos os setores políticos na defesa do seu município. Por todo o seu percurso político, profissional e cívico, será sempre lembrada como um exemplo de profissionalismo, integridade, perseverança e dedicação à causa pública”, refere nota da Câmara.

Classificando Laura Pires como “nome incontornável na defesa e no apoio das gentes de Oliveira do Bairro”, a autarquia decidiu prestar esta homenagem como forma de honrar a sua memória, “estando seguros de bem representar o sentimento generalizado do poder e da população local”.