O anadiense Nelson Oliveira e Ivo Oliveira iniciam nesta sexta-feira, em Imola, Itália, a participação portuguesa no Campeonato do Mundo de Estrada, competindo na prova de contrarrelógio para a elite masculina.

O Autódromo Enzo e Dino Ferrari será o epicentro da prova. O contrarrelógio disputa-se num traçado de 31,7 quilómetros, praticamente plano, com um acumulado de subida que não passa dos 200 metros.

“O percurso tem alguns topos sem grande relevância e a fase final é muito rápida. Ainda mais se estiver vento de costas, como se verificou hoje. É um traçado que favorece os ciclistas mais pesados e possantes. Mas temos a responsabilidade de honrar o país e vamos bater-nos pelo melhor resultado possível”, antecipa o selecionador nacional, José Poeira.

Ivo Oliveira, campeão nacional da especialidade, é o primeiro português a entrar em ação, às 13h45. Nelson Oliveira deixa a rampa de lançamento às 14h39. A corrida pode ser vista no Eurosport 1, a partir das 13h25.

A Equipa Portugal vai também participar na prova de fundo, no domingo. Rui Costa e Rúben Guerreiro vão juntar-se a Nelson Oliveira e a Ivo Oliveira para formarem o bloco nacional na corrida em pelotão.

Portugal tem sido uma presença constante no top 10 das provas de fundo e de contrarrelógio, sempre através de Rui Costa e de Nelson Oliveira, respetivamente. O campeão mundial de 2013 também esteve entre os dez melhores em 2015, 2018 e 2019. Nelson Oliveira entrou nos dez mais em 2014, 2017, 2018 e 2019.