Campolargo Vinhos, com sede em S.Lourenço do Bairro, Anadia, foi o grande vencedor na categoria de “Melhor Produtor de Vinhos Efervescentes” (espumantes) 2014, nos Prémios W, do wine writer Aníbal Coutinho.
Os premiados foram recentemente revelados e na região da Bairrada o destaque vai para a Adega Campolargo.
Citando a newsletter de Aníbal Coutinho é referido que Campolargo se destaca “no campo da criação e produção de espumantes e que a dupla – a enóloga Raquel Carvalho e o produtor Carlos Campolargo (e restante equipa) – ganha lugar de destaque no panorama nacional e na atribuição do Prémio W.
Mais adiante, Aníbal Countinho refere algumas das preciosidades elaboradas por esta dupla: “para além do mimo de inspiração comunista CC&CP produzido com o revolucionário Celso Pereira, a marca Borga impressiona os adeptos mais exigentes. A cereja no topo do bolo é o Campolargo Rosé Bruto de Pinot Noir.”

Em declarações a JB, Carlos Campolargo mostrou-se bastante honrado com o prémio, que, como disse, evidencia “que temos algum mérito”.

Embora recente na produção de espumantes, sublinha que a Campolargo o faz com “grande autenticidade, recusando todos os métodos que não sejam o método clássico”, aquele que considera ser o mais apropriado para a Bairrada. Por outro lado, Carlos Campolargo destaca que para a produção de espumante são criados vinhos base “com grande respeito pela tradição, pensados, desde a primeira hora, para a produção de determinado espumante.”

Catarina Cerca

Leia a notícia completa na edição de 29/01/2015 do JB